Drone capta imagens raras de pessoas isoladas que estão desconectadas do mundo

Curiosidades
há 1 mês

As fotografias de tirar o fôlego de G. Miranda, captadas para a Survival International, oferecem um raro vislumbre da existência de várias tribos isoladas em todo o mundo. Desde os enigmáticos Sentineleses da Ilha Sentinela do Norte, na Índia, até as tribos amazônicas próximas ao vale do Rio Javari, no Brasil, na fronteira com o Peru, essas imagens oferecem uma visão aérea cativante.

As fotografias tiradas por drones são a prova da existência de tribos intocadas

Um vídeo de compilação hipnotizante, compartilhado no canal do YouTube de Death Island Expeditions em 2018, obteve mais de 3,5 milhões de visualizações, mostrando esses assentamentos remotos e seus habitantes. As imagens testemunham as tribos, armadas com arcos e flechas tradicionais, olhando com curiosidade para os drones que pairam, oferecendo uma visão pungente de seu mundo intocado.

Ele diverte as pessoas ao mostrar a vida das tribos, que é diferente da nossa

Os espectadores cativados no YouTube expressaram profundo espanto com a grande disparidade entre suas vidas e as dessas tribos. Um comentarista ficou maravilhado: «É impressionante como nossas vidas são diferentes. O fato de nem sequer saberem da existência de supermercados, fábricas, telefones, mídias sociais, tudo o que faz da nossa sociedade o que ela é. É tão surreal.»

No entanto, essas tribos intocadas estão agora em perigo e precisam de proteção

A FUNAI, Fundação Nacional do Índio do Brasil, desempenha um papel fundamental na formulação de políticas relativas às tribos indígenas, e seu envolvimento na captação de imagens de drones ressalta seu compromisso com a preservação dessas culturas.

Embora algumas imagens datem de 2008, conforme relatado pela Survival International, a importância desse recurso visual permanece atemporal, conforme enfatizado pelo especialista em tribos isoladas José Carlos dos Reis Meirelles Júnior. Ele destacou a necessidade urgente de proteger essas tribos de ameaças externas, como as atividades de extração ilegal de madeira originária do Peru.

«Fizemos o sobrevoo para mostrar suas casas, para mostrar que eles estão lá, para mostrar que eles existem», disse ele.

Um filme também foi lançado. The Mission, um documentário comovente dirigido por Amanda McBaine e Jesse Moss, lança luz sobre o trágico destino do missionário americano John Allen Chau. Sua tentativa malfadada de fazer contato com o povo Sentinelês em 2018 resultou em sua morte prematura, simbolizando o delicado equilíbrio entre curiosidade e respeito por essas comunidades isoladas.

Outra descoberta curiosa ocorreu no Peru. A descoberta de «múmias alienígenas» no aeroporto atraiu a atenção mundial, e os cientistas revelaram algo perturbador.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados