14 Internautas contaram como suas maiores decepções vieram das pessoas mais próximas

Curiosidades
há 1 mês

Sempre esperamos que nossos entes queridos e pessoas próximas nos apoiem. Porém, infelizmente, é deles que pode vir a pior das decepções. Até mesmo uma pequena mentira ou desonestidade pode machucar bastante. Felizmente, muitos conseguem estabelecer limites pessoais e sair da influência de relacionamentos tóxicos com o tempo. E os internautas do nosso artigo de hoje têm muito para contar sobre esse tema.

  • Meu marido e eu temos uma hipoteca. Recentemente, recebemos um apartamento «extra» — uma parente o deixou para mim. Vamos vendê-lo e investir o dinheiro para pagar a dívida. No entanto, já apareceram três familiares dizendo que nós já temos um lugar para morar, e que se deve compartilhar os «presentes». Bem, com eles, claro. Sugeri a todos que, já que se trata de um presente, que fossem atrás de encontrar os seus. Porém, não, querem o meu apartamento e pronto! © Overheard / Ideer
  • Minha família tinha dinheiro, mas minha mãe sempre dizia a mim e à minha irmã o quanto custávamos caro. Nunca pedíamos brinquedos, roupas ou dinheiro de mesada. Quando fiz 18 anos, minha mãe fez uma conta. Estava tudo contabilizado lá, inclusive os presentes em datas festivas e as despesas da gravidez. Minha irmã recebeu a mesma conta. Para encurtar a história, começamos a dar todo o nosso salário para quitar a dívida com mamãe. Quando completei 21 anos, uns conhecidos me convenceram de que o que estava acontecendo não era normal. Então, minha irmã e eu nos mudamos da casa da minha mãe e cortamos todo o contato com ela. © WaningRelevance / Reddit
  • Meu marido estava fazendo um faxinão. Olhei para o guarda-roupa e todos os meus vestidos de costas abertas não estavam lá. Perguntei o que havia acontecido. E meu esposo disse: «Eu os joguei fora. Você não é mais uma garota, está na hora de ser mais recatada». Eu estava completando 40 anos. Fiquei terrivelmente chateada. E com raiva. Escondi a câmera favorita e bastante cara dele e não a devolvi até que ele me desse dinheiro para comprar três vestidos novos para substituir os que ele havia jogado fora.
  • Tenho uma filha que recentemente completou um ano de idade. Ela tem um cabelo lindo, me enche de orgulho. Há cerca de três meses, minha sogra disse que é tradição na família dela raspar o cabelo dos bebês com um ano de idade. Respondi que era contra fazer isso. Encerrou-se o tema. Até que minha sogra perguntou se poderia levar sua neta para dar um passeio. Eu disse que sim. Recebi meu bebê de volta uma hora e meia depois — careca. Passei o dia chorando. © Antique_Bee_9963 / Reddit
  • Eu estava namorando um cara, tudo indo bem. Viajamos de férias e a câmera do meu celular quebrou, então peguei o telefone dele para tirar uma foto. E lá estava ela — a notificação da conversa com sua ex-namorada, que apareceu bem na hora. Ele estava me traindo. Passamos o resto das férias separados.
  • Meus pais se divorciaram quando eu tinha doze anos. Meu pai ainda paga pensão alimentícia para minha mãe, pois ainda tenho dois irmãos menores de idade. Meu avô paterno planejava dividir suas economias entre os netos. Infelizmente, vovô não deixou um testamento. Depois de sua morte, meu pai disse que nunca tinha ouvido falar de tal vontade do meu avô. Não recebemos nenhum centavo. Logo meu pai comprou um carro caro e saiu de férias para um resort. © oneybigproblems / Reddit
  • Minha mãe roubou uma piscina de mim. Uma piscina estruturada guardada em uma caixa, que tinha sido colocada no meu galpão no inverno, e no verão já não estava mais lá. Vim encontrar na casa de campo da minha mãe. A caixa era exatamente igual à minha, com rostos felizes queimados estampados. E a piscina era literalmente idêntica à minha, com uma das bordas queimada de carvão para o lado de fora. Perguntei à mamãe: «É a minha?» Achei que ela iria, no mínimo, aparentar surpresa, dizendo que tinha lhe dado para guardar ou algo assim. Porém, ela falou: «Não, eu comprei». Retruquei: «Por quê? Você não tem uma bomba d’água na casa. Vai despejar 12 toneladas de água com uma mangueira ou usando balde? E onde vai montá-la, em cima da horta?» Ela me deu as costas. Eu não consegui falar a verdade na cara dela. Também não contei ao meu marido. Não entendo por que ela fez isso e o que devo fazer agora. © Overheard / Ideer
  • Recebi o pagamento do seguro. Meu pai descobriu e pediu uma quantia bastante alta emprestada. Ele disse: «Eu criei você, investi muito em você. Agora é sua vez». Não me importei em ajudar, dei o dinheiro, mas agora papai diz que não sabe quando vai pagar. Estou muito envergonhado de cobrá-lo, mas eu também preciso do dinheiro. © gaimai / Reddit
  • O que você sabe sobre «trollagem»? Minha avó é uma verdadeira brincalhona. Quando eu tinha cerca de quatro anos de idade, sempre reclamava de ter olhos castanhos, já que os de vovó eram azuis. Ela dizia: «Seus olhos estão sujos, vá lavá-los». E por três — três anos inteiros — eu lavei meus olhos com sabão! © The Situation / VK
  • Meu namorado foi a uma festa sozinho. Mais tarde, me mandaram uma foto de uma garota deitada apoiando a cabeça no colo dele enquanto ele mexia no cabelo dela. É claro que perguntei o que estava acontecendo. E ele disse que eu não deveria me preocupar, ela só estava se sentindo mal, e que tinha ido embora uns 15 minutos depois. Não tinha sido nada mais do que uma interação normal entre amigos. Fico me perguntando o que mais uma «interação normal entre amigos» pode significar para ele? Isso aconteceu há um mês e ainda não sei o que pensar de tudo. © SunnySoy / Reddit
  • Minha mãe e meu padrasto vivem no limite de seus salários. E ainda pegaram um empréstimo. Decidi ajudá-los a pagar as contas, mas sinto que eles estão apenas tirando dinheiro de mim. Mamãe pediu ajuda novamente, e eu disse: «Já não dei dinheiro o suficiente? Não sou um caixa eletrônico». Ela se ofendeu e disse que eu tinha uma vida fácil. © Bullfrog-Intelligent / Reddit
  • Meu namorado me pediu em casamento e tudo estava se encaminhando para uma grande cerimônia. O vestido tinha sido escolhido, a lista de convidados elaborada, o depósito para o salão onde aconteceria a recepção feito e os trâmites no cartório para a celebração concluídos. Então, chegou o grande dia. Tínhamos dormido na casa dos meus pais. De manhã, fui tomar banho e ele disse que iria até o mercado e voltaria. Saí do banho e ele ainda não tinha chegado. Esperei, telefonei, mas ninguém atendeu, até que fui procurá-lo — e sem sucesso. Pensei no pior, queria ir à polícia. À noite, a irmã dele me ligou, chorando. Sentia tudo se revirando dentro de mim, porém ela disse: «Aquele mau-caráter disse que ainda não viveu tudo o que tinha de viver e não estava pronto para assumir a vida em família. Ele fugiu». © Overheard / Ideer
  • Eu estava me divorciando e encontrei o apartamento dos meus sonhos. Para que meu marido não ficasse com ele (pois havia sido adquirido antes da assinatura da separação), pedi a minha mãe que registrasse no nome dela e depois passasse o imóvel para mim. Mamãe concordou. Devo dizer que sempre tivemos um ótimo relacionamento. Durante o divórcio, morei na casa dela e recebi muito apoio. No entanto, quando comecei a falar sobre o apartamento, ela disse: «Achei que fosse justo que o imóvel ficasse para mim!» Fiquei surpresa. Mamãe continuou: «Eu dediquei toda a minha vida para você, lhe criei sozinha. Quem sabe o que pode acontecer com esse apartamento? De repente, seu próximo parceiro tira ele de você? Dessa forma, ele ficará comigo, em boas mãos. Vou alugá-lo — um acréscimo a minha renda». Todos os meus amigos ficaram perplexos. Estou preparada para pedir pela última vez que ela devolva meu apartamento e possamos esquecer isso tudo. Se mamãe não concordar, eu a processarei. Dentre outras coisas, pela parte do apartamento de um quarto dela. © Overheard / Ideer
  • Minha sogra se mudou para cá há dois meses. Não gosto muito dela, e minha esposa parece ainda ter medo dela. A mulher estava entediada no interior, então decidiu vir para o meu apartamento. Eu trabalho bastante, não fico muito em casa. Comecei a notar que minha filha estava ficando sempre de mau humor. Bem, ela tem 12 anos, então não esperava diferente para essa fase, tentei entretê-la e comprar suas coisas favoritas, mas nem isso ajudou. Perguntei a minha esposa o que havia de errado — seus olhos se arregalaram, mas ela disse que estava tudo bem.
    Peguei a babá eletrônica e escondi na geladeira. À noite, assisti à gravação e lá estava minha sogra dizendo à minha filha coisas do tipo: «Você está sentada errado», «Enquanto não terminar sua sopa, não vai se levantar», «Minha filha não deu certo. Esperava que minha neta correspondesse minhas expectativas», e assim por diante. Ela importunava minha filha o tempo todo, apesar dos protestos da minha esposa. Estou furioso. Esse «inferno» já durava dois meses — e é claro que minha filha já não se lembrava mais como sorrir. E a avó ainda lhe advertiu: «Se você reclamar com seu pai, ele abandonará sua família, assim como o vovô abandonou a família da sua mãe». Tomei coragem de colocar minha filha no carro e levá-la para a casa da minha irmã. Ela chorou durante todo o trajeto e eu mal consegui me segurar, pois não pude protegê-la. Quando retornei, expulsei minha sogra. Minha esposa a levou para o interior e voltou de manhã, com uma expressão de derrota. Não sei o que fazer agora. Devolver minha filha a uma mãe que não conseguiu defendê-la? Pedir o divórcio? © Overheard / Ideer

Lidar com entes queridos pode não ser fácil, afinal eles podem lhe colocar em enrascadas e fazer um inimigo parecer fichinha. No entanto, isso, claro, é uma exceção à regra, e na imensa maioria das vezes são eles quem fazem nossas vidas mais felizes e deixam nossos corações quentinhos.

Imagem de capa Overheard / Ideer

Comentários

Receber notificações

O último caso é assustador. Trata-se de uma narcisista clássica. Essa esposa não tem defesas contra essa mulher, que é incapaz de amar. Existem pessoas assim, infelizmente.

3
-
Resposta

Artigos relacionados