Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Como Victoria Beckham evoluiu de celebridade mais “malvestida” para um ícone no mundo da moda

41-5
281

Algumas pessoas acreditam no bom gosto como um dom que vem do berço, e se esse não for o seu caso, você deve se conformar e simplesmente desistir. Mas a história de Victoria Beckham, uma designer aclamada pela crítica e um ícone da moda, facilmente prova o contrário. Afinal, há pouco tempo, ela era considerada a celebridade mais malvestida, e as grifes imploravam para que a ex Spice Girl não usasse suas peças, pois, não gostariam de vê-las associadas ao seu nome.

Nós, do Incrível.club, não nos cansamos de admirar os looks impecáveis dessa grande empresária e mãe de quatro filhos. Por isso, decidimos descobrir como foi que o seu estilo evoluiu com o passar dos anos e anotamos alguns detalhes, que deixaram milhares de mulheres loucas por um visual como o de Victoria.

Seu estilo requintado não surgiu imediatamente com a riqueza e a fama

Victoria Caroline Adams nasceu no Reino Unido, em 1974, em uma família bastante rica. Assim, mesmo para a escola, ela costumava ir em um Rolls-Royce.

Aos 16 anos, Victoria estava determinada a se tornar famosa e começou a estudar teatro, moda e dança. Não demorou muito para atingir o seu objetivo — ela passou a integrar o grupo Spice Girls e se tornou um verdadeiro ídolo da juventude. Como qualquer celebridade, Victoria tinha sua imagem meticulosamente pensada. A cantora ficou conhecida pelo apelido Posh Spice e por muito tempo foi associada a vestidos justos de látex e salto alto.

Em 1999, Victoria já havia iniciado uma nova etapa em sua vida: ela se casou com o famoso jogador de futebol, tornando-se a Senhora Beckham. Seu vestido de noiva, na cor champanhe e com uma enorme cauda de seis metros, da estilista Vera Wang, parecia um vestido de conto de fadas.

Naquela época, Victoria e seu marido, David, gostavam de usar looks combinados. Por exemplo, um mesmo modelo em couro que, quase 20 anos depois, a própria Victoria deva considerar uma escolha questionável.

O icônico vestido de noiva, que Victoria experimentou novamente este ano, e os figurinos em couro.

Desde meados dos anos 2000, Victoria é convidada para todos os desfiles de moda e começou a dar seus primeiros passos como designer colaborando na criação de roupas e acessórios, em parceria com outras marcas.

Infelizmente, esses não foram os melhores anos da cantora, quanto ao seu estilo. Na verdade, apesar de sua paixão pela moda, Victoria ainda não era bem-recebida pelos críticos. Inclusive, representantes de algumas grifes ligavam para ela e simplesmente imploravam para que não usasse suas roupas, mesmo que ela própria as tivesse comprado. Ninguém queria que sua marca fosse associada à ex estrela pop.

Mas Victoria não desistiu. Ela lançou sua própria coleção de jeans, bem como uma linha de óculos e perfumes, graças às quais, no verão de 2007, recebeu dois prêmios de prestígio: “Mulher do Ano” e “Empreendedora do Ano”. Também em 2007, ela ficou no topo da lista das celebridades mais malvestidas.

Em eventos sociais e no tapete vermelho, a fashionista usava roupas justas e extravagantes, tentando exibir todas as suas qualidades de uma vez.

Victoria Beckham em 2007 e 2008

O estilo de Victoria começou a se transformar gradualmente: minivestidos ousados foram substituídos por outros mais discretos, embora ainda nas cores vibrantes. Assim, seu look “rosa” em uma coletiva de imprensa conquistou todas as fashionistas do mundo.

E depois, houve uma turnê do reencontro das Spice Girls, a partir da qual, Victoria, com um visual atualizado, instantaneamente se tornou a integrante mais popular do grupo.

E em 2008, ela lançou sua grife, a Victoria Beckham. Sua coleção de vestidos tubinhos de comprimento médio foi muito bem-recebida pelos críticos, e alguns ficaram genuinamente encantados com a elegância e atenção aos detalhes.

Nessa época, Victoria começava a se tornar um verdadeiro ícone da moda e apareceu duas vezes em capas da lendária revista Vogue — nas edições britânica e indiana.

Victoria Beckham em 2008 e 2012.

Sua grife evoluiu passo a passo e em 2011 recebeu o prêmio de Marca do Ano, no British Fashion Awards. As criações de Victoria Beckham realmente representam o estilo clássico britânico — despretensioso e, claro, sofisticado.

A própria Victoria, que pensa nos mínimos detalhes ao montar os seus looks, certamente é a que melhor representa a sua grife. Sempre com muita classe e elegância, seja com um vestido de gala ou uma simples camisa.

Truques de estilo de Victoria Beckham

  • Ninguém erra com peças básicas. Hoje, Victoria definitivamente prefere roupas clássicas, estampas discretas, ausência de detalhes chamativos — looks básicos podem ser explorados sem medo de errar, visto que nunca saem de moda. Combinando as peças, você pode facilmente criar um visual elegante e sofisticado.

  • Um amor especial por camisas. As do estilo oversized têm um lugar especial no guarda-roupa de Victoria, que as combina tanto com calças, como com saias fluidas abaixo do joelho. Aliás, apesar das opções de calças e saias de cintura alta, que atualmente estão na moda, a estilista quase sempre opta pelas de cintura baixa.

  • O famoso “total black”. Victoria é conhecida por sua relação especial com roupas de cores escuras. No entanto, seus looks não parecem nada sombrios ou chatos, pelo contrário. Você certamente vai querer copiá-los.

  • Mas combinações de сores vivas também são bem-vindas. Apesar de todo o seu amor pela simplicidade, recentemente Victoria começou a fazer experimentos com cores mais ousadas. E não apenas vermelho e preto — a estilista combina laranja com azul e bordô com rosa.

  • Vestidos fluidos em vez de justos. Victoria Beckham há muito tempo se viu livre de peças justas e decotes provocantes, e optou por roupas mais soltas e abaixo do joelho.

  • Um terninho é a melhor escolha. Ternos largos — outro amor incondicional de Victoria. Uma peça verdadeiramente universal, que você pode usar tanto em uma reunião de negócios, como em um encontro com as amigas.
  • Mesmo um jeans comum pode atrair olhares de admiração. Jeans, uma camiseta e um suéter — o que há de tão especial nisso? No entanto, sapatos elegantes coloridos mudam tudo, deixando o visual de Victoria, como sempre, cheio de classe e estilo. Aliás, foi com uma camiseta básica e jeans que a estilista apresentou sua coleção de roupas na New York Fashion Week, em 2017.

  • Óculos, salto alto e bolsa. Victoria é fiel a certos detalhes do seu visual. Assim, há muitos anos, os sapatos favoritos da estilista são os de salto agulha e as botas de tornozelo e salto alto. Outra coisa típica do seu estilo é a maneira de segurar a bolsa ao lado do corpo. Desse jeito, Victoria cria o efeito de um descuido elegante, como se estivesse se arrumado às pressas. E, claro, óculos de sol enormes, sem os quais ela simplesmente não vai a lugar nenhum.

Qual a sua opinião sobre o atual estilo de Victoria? Talvez você tenha anotado alguns truques para si mesma?

41-5
281
Compartilhar este artigo