Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

15 Mexicanos que estão deixando sua marca ao trilhar sólidas carreiras em Hollywood

2--2
862

Quando se trata de cinema e televisão, Hollywood é uma verdadeira meca do entretenimento. Talentos de todo o mundo já passaram por seus estúdios de gravação nas últimas décadas. E nos tempos mais recentes, diversos latinos têm sido vistos conquistando papéis cada vez mais importantes, e os mexicanos são bons exemplos disso. Eles estão deixando clara sua capacidade de se destacar em diferentes funções dentro da indústria.

O Incrível.club traz até você uma lista com alguns dos mexicanos que estão conquistando, muito merecidamente, seu espaço em Hollywood.

1. Guillermo del Toro

Ele emocionou seu país natal ao receber o Globo de Ouro de Melhor Diretor com A Forma da Água. Na ocasião, ele respondeu com “Porque sou mexicano” ao ser questionado sobre sua habilidade de conseguir enxergar o lado escuro da natureza humana, ao mesmo tempo em que se mantém vivendo como uma pessoa alegre e amorosa.

Seu trabalho como diretor de cinema é marcado pela mistura entre os gêneros de terror e fantasia, conseguindo desenvolver uma estética totalmente peculiar. As situações mágicas mostradas nos longas se desenrolam em atmosferas espetaculares, tudo acompanhado pelo encantamento provocado por seres imaginários.

2. Alejandro González Iñárritu

Sua trajetória no cinema fez com que ele se tornasse o primeiro latino-americano a presidir a comissão julgadora do 72° Festival de Cannes em 2019. Além disso, ele é o terceiro diretor a ganhar dois Oscars consecutivamente (e o primeiro desde 1950), pelo trabalho desenvolvido em Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância) e em O Regresso. Vários de seus longas têm a particularidade de contar histórias cruzadas entre os personagens, que muitas vezes sequer chegam a se conhecer.

3. Alfonso Cuarón

Junto a Del Toro e Iñárritu, ele é um dos cineastas mais importantes de sua geração. Ele fez história ao ser o primeiro latino-americano a ganhar um Oscar de Melhor Direção. A façanha foi conseguida com o filme Gravidade em 2014. Quatro anos depois, ele seria novamente agraciado com um Oscar, dessa vez com Roma, filme inspirado em uma personagem presente em sua própria infância. Vários outros trabalhos de Cuarón foram muito bem recebidos por público e crítica, entre eles E Sua Mãe Também, Filhos da Esperança e Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban.

4. Emmanuel “Chivo” Lubezki

Desde que ganhou seu primeiro prêmio pela fotografia de Como Água para Chocolate em 1992, o profissional vem trilhando uma trajetória sólida. Ele firmou parcerias com diretores renomados, como Alfonso Cuarón (que conheceu ainda na universidade), González Iñárritu, Tim Burton, os irmãos Coen e Terrence Malick. É muito conhecido pela capacidade de trabalhar com cenas de luz natural, obtendo um estilo fotográfico cheio de elegância.

5. Eiza González

atriz ficou muito conhecida no México ao protagonizar a novela Lola, érase una vez, e também interpretou outros papéis na televisão. Posteriormente, participou de seriados norte-americanos, mas seu grande salto para a fama nas telonas de Hollywood foi com o filme Em Ritmo de Fuga; apesar de muita gente considerar seu recente trabalho em Bloodshot, produção que estrelou ao lado de Vin Diesel, o melhor papel de sua carreira.

6. Salma Hayek

Ela trocou os estudos de Relações Internacionais pelos de Artes Cênicas, e a sorte grande acabou batendo à sua porta quando ela protagonizou a novela Teresa em 1989. Mas aquilo não era o suficiente para a atriz, que resolveu apostar suas fichas na indústria do entretenimento americana. Lá, ela começou fazendo papéis menores em filmes e séries. Anos depois, ela atrairia fãs com trabalhos como Era Uma Vez no México, Um Drink no InfernoFrida, longa pelo qual foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz em 2002.

7. Diego Luna

Ele começou sua carreira ainda bem pequeno, no curta-metragem El último fin de báter e em produções como Vovô e Eu El premio mayor, mas a grande reviravolta que o colocou na indústria cinematográfica foi em 2001, com o filme E Sua Mãe Também, longa que o alçou à fama mundial junto com Gael García Bernal e o diretor Alfonso Cuarón. Alguns de seus papéis mais icônicos são Cassian Andor em Rogue One: Uma História Star Wars e de Miguel Ángel Félix Gallardo em Narcos: México.

8. Karla Souza

Motivada pela ideia de se formar como artista, ela estudou artes cênicas no México, no Reino Unido e na França. Sua estreia foi na novela Verano de amor; e participou também de projetos como Los héroes del Norte, mas o filme que realmente impulsionou sua carreira foi a comédia Los Nobles — Quando Os Ricos Quebram a Cara Domingo. Não demorou para que ela conhecesse a fama internacional graças a sua participação como uma das protagonistas da série americana Como Defender um Assassino.

9. Eugenio Derbez

No México, ele é bem conhecido por estrelar programas de comédia, como Derbez en cuando, XHDRBZ e La familia P. Luche, que garantiram várias risadas a espectadores mexicanos e de outros países latino-americanos. Com seu carisma, conseguiu abrir várias portas, dividindo sets de gravação com gente do naipe de Adam Sandler, Al Pacino e Eva Mendes. Aliás, seu filme Não Aceitamos Devoluções tornou-se campeão de bilheteria entre filmes falados em espanhol, tanto nos EUA quanto no resto do mundo.

10. Adriana Barraza

Além de seu trabalho na frente das câmeras, ela é também conhecida dentro da comunidade artística por ser professora de atuação (contando inclusive com sua própria escola em Miami). Além disso, ela foi diretora de cena de novelas mexicanas. Um momento importante em sua carreira veio com o filme Babel, de 2006, que rendeu a ela uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. No longa, dirigido por González Iñárritu, ela atuou com Brad Pitt e Cate Blanchett.

11. Gael García Bernal

Gael García Bernal não é apenas referência do cinema mexicano, mas também do cinema em geral. Ele estrelou filmes nos Estados Unidos, na Argentina, na Espanha, na França, no Chile, na Bolívia e no Brasil. Bernal vem de uma família de atores, e desde pequeno já trabalhava em sets de filmagem. Atualmente, é um artista de grande renome, tendo recebido um Globo de Ouro de Melhor Ator em série de TV, por seu papel em Sinfonia Insana​​​​​​.

12. Yalitza Aparicio

Sua participação no filme Roma foi uma grande revelação. Muita gente ficou surpresa ao ver que uma incrível mulher de origem indígena, sem formação profissional em artes cênicas, estava sendo indicada a vários prêmios de Melhor Atriz (incluindo o Oscar). A BBC a incluiu em sua lista das mulheres mais influentes do mundo em 2019, por conta de seu trabalho em prol da igualdade de gênero, dos povos nativos e das trabalhadoras domésticas.

13. Demián Bichir

Em 2012, ele se tornava o segundo mexicano a ser indicado ao Oscar de Melhor Ator (depois de Anthony Quinn, em 1952 e 1956) pelo filme Uma Vida Melhor. Sua carreira começou no México com pequenas participações na TV e no cinema. Hoje, ele se dedica mais às produções cinematográficas, participando tanto de projetos mexicanos quanto internacionais.

14. Ana de la Reguera

A atriz firmou-se como um dos principais rostos latinos em produções anglo-saxãs, podendo ser vista em séries como Eastbound & Down, Capadocia e Goliath. O papel que deu a ela fama internacional foi o da irmã Encarnação em Nacho Libre: Tudo pela Crianças. Ela tem aproveitado a fama para promover projetos que contribuem para o desenvolvimento de comunidades.

15. Luis Gerardo Méndez

Ele faz parte do novo sangue de Hollywood, e já trabalhou com Adam Sandler, Jennifer Aniston e Kristen Stewart. No México, já conta com uma carreira bem consolidada; seu primeiro grande sucesso foi em Los Nobles — Quando Os Ricos Quebram a Cara Domingo, onde interpretou o icônico Javi Noble. Depois, vieram outras produções, como Cantinflas, Camino a Marte e a série Club de cuervos.

Você conhece outros artistas mexicanos que mereceriam entrar nessa lista? Envie um comentário com as suas sugestões!

2--2
862