Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

14 atores que arrasaram interpretando personagens do gênero oposto

Por um papel, muitos atores estão dispostos a mudanças drásticas: mudar os dentes, raspar a cabeça, ganhar ou perder peso e até mudar de gênero.

O Incrível.club traz a seguir uma lista de 14 filmes nos quais os atores simplesmente arrasaram interpretando personagens do gênero oposto.

Angelina Jolie

"Salt" (Salt), 2010

Jolie interpretou o papel da agente da CIA Evelyn Salt, suspeita de colaborar com o serviço de inteligência russo. Na trama, a agente precisa se transformar em homem. Angelina Jolie precisou passar horas nas mãos dos maquiadores para que a transformação ficasse convincente.

Gael García Bernal

"Má Educação" (La mala educación), 2004

No clássico drama do espanhol Pedro Almodovar, Gael García Bernal interpreta o papel de uma travesti. O trabalho no papel feminino foi uma experiência nova na carreira de Bernal.

Eddie Redmayne

"A Garota Dinamarquesa" (The Danish Girl), 2015

A história real se passa nos anos de 1920 e conta a saga do pintor Einar Wegener, que numa ocasião posou usando roupas femininas. Com o tempo, Einar se dá conta de que é transexual, e decide se submeter à primeira cirurgia de redesignação sexual do mundo. Eddie Redmayne interpretou o personagem nas duas fases da vida de maneira magistral. O filme é uma obra de arte muito filosófica e lírica.

Cillian Murphy

"Café da Manhã em Plutão" (Breakfast on Pluto), 2005

O trabalho no filme "Café da Manhã em Plutão" é um dos papéis mais memoráveis e complexos da carreira de Cillian Murphy. O personagem mostra como um adolescente andrógeno torna-se uma loira glamurosa.

Adam Sandler

"Cada um tem a Gêmea que Merece" (Jack & Jill), 2011

Nesta comédia norte-americana, Adam Sandler interpretou Jack, funcionário de uma agência publicitária, e sua irmã Jill, que vira a vida de Jack de cabeça para baixo durante uma visita. Pelo papel, Sandler ganhou dois "Framboesas de Ouro" ao mesmo tempo: como pior ator e pior atriz

Elle Fanning

"Meu Nome é Ray Ray" (About Ray), 2015

Elle Fanning interpretou o papel de um adolescente que nasceu no corpo de uma garota e decide fazer sua transição. Seus parentes, a mãe (Naomi Watts) e a avó (Susan Sarandon), não conseguem aceitar a transformação do jovem.

Hilary Swank

"Meninos Não Choram" (Boys Don’t Cry), 1999

É um drama baseado em fatos reais. O personagem de Hilary Swank é um homem que nasceu com corpo de mulher, então se sente infeliz com a própria aparência desde muito cedo. Para dar conta do papel, a atriz cortou o cabelo, treinou para deixar o corpo mais tonificado e masculino, chegando a viver como um homem durante um mês. Swank ganhou um Oscar por este filme.

Robin Williams

"Uma Babá Quase Perfeita" (Mrs. Doubtfire), 1993

A comédia é muito conhecida e arrebatou uma legião de fãs. E o papel da senhora Doubtfire, que o personagem de Williams cria para ser contratado pela ex-mulher como babá dos próprios filhos, arranca sorrisos até dos espectadores mais durões.

John Travolta

"Hairspray - Em Busca da Fama" (Hairspray), 2007

No filme "Hairspray - Em Busca da Fama", John Travolta interpreta o papel de Edna Turnblad, uma mulher que não sai de casa há 10 anos por sofrer com complexos decorrentes do sobrepeso. Crtítica e público consideraram a atuação de Travolta surpreendente, já que o ator é associado geralmente a papéis extremamente masculinos.

Amanda Bynes

"Ela é o Cara" (She’s the Man), 2006

Esta comédia é uma adaptação livre da obra "Twelfth Nightes", de Shakespeare, e fala de como é difícil ser duas pessoas ao mesmo tempo. Amanda interpretou Viola e seu irmão gêmeo, Sebastian. A protagonista quer dar uma lição em seu ex, mostrando que futebol não é só coisa de homens.

Patrick Swayze

"Para Wong Foo, Obrigada por Tudo!" (To Wong Foo Thanks for Everything, Julie Newmar), 1995

Por este papel, Patrick Swayze ganhou um Globo de Ouro de melhor ator. Na comédia, ele interpreta uma travesti: miss Vida Boheme.

Tony Curtis e Jack Lemmon

"Quanto mais Quente Melhor" (Some Like it Hot), 1959

Este famoso filme é cultuado por muitos, e nem é preciso descrever detalhadamente a trama. As aventuras de dois músicos fracassados, que acabam se passando por mulheres, foi e é até hoje um sucesso. Jack Lemmon foi indicado a um Oscar pelo papel.

Dustin Hoffman

"Tootsie" (Tootsie), 1982

Também sucesso há anos, o filme conta a história de um ator talentoso que decidiu fazer um papel feminino, abusando dos vestidos e maquiagens. O longa rendeu a Dustin Hoffman uma indicação ao Oscar de melhor ator.