Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Vamos mostrar 13 modelos de calçados que brilharam nas telonas (alguns se tornaram tendência da moda)

O mundo do cinema conseguiu impulsionar a carreira de muitos atores e contou histórias que se tornaram clássicas, e, além disso, também influenciou a indústria de calçados. Intencional ou acidentalmente, existem modelos de todos os tipos que se tornaram sensação no mundo da moda, depois de aparecerem nas telonas apenas por alguns instantes. Muitos se transformaram nos acessórios mais populares entre o público feminino na época e alguns continuam clássicos e desejados até hoje pelas mulheres.

Hoje, o Incrível.club mostrará uma compilação de modelos de sapatos, botas e tênis que se converteram em ícones da moda, depois de brilharem nas telonas do cinema. Em diversos filmes, esses acessórios são peças-chaves da história. Confira!

1. Sapatos vermelhos (O Mágico de Oz)

Esses sapatos da cor vermelho rubi foram usados ​​pela atriz Judy Garland para interpretar Dorothy Gale, no filme O Mágico de Oz, de 1939. Em vez de seguir a história original, em que os sapatos de Dorothy são prateados, preferiram usar um modelo com lantejoulas vermelhas, para aproveitar ao máximo a tecnologia de filmagem Technicolor, nova na época. Embora muitos pares idênticos tenham sido criados para o filme, hoje restam poucos. Um deles foi roubado em 2005 e recuperado 13 anos depois; enquanto outro par está exposto no Museu Nacional de História Americana, em Washington, nos EUA.

2. Sapatilha de balé vermelha (Os Sapatinhos Vermelhos)

Inspirado no conto de fadas de Hans Christian Andersen, o longa O Sapatinho Vermelho foi lançado em 1948. Como o próprio nome sugere, as protagonistas da história eram as sapatilhas vermelhas. Diferentemente das tradicionais, de cores branca, preta ou rosa, a intensidade da cor vermelha nessas sapatilhas visava destacar a história da bailarina, interpretada por Moira Shearer. Ao vesti-las, ela não parava de dançar até se sentir exausta, por isso, esse acessório é vital para entender o enredo desse filme clássico.

3. Kitten Heels (Bonequinha de Luxo)

Audrey Hepburn era uma linda mulher dentro e fora da tela. A diva icônica sabia como lançar tendências da moda, assim como fez com o modelo de sapato conhecido como kitten heels (saltos de gatinho), sapatos com salto de 3 a 4 centímetros, um pouco mais baixos do que o scarpin. A atriz começou a usar esse calçado nos anos 50, quando já eram populares, mas depois do filme Bonequinha de Luxo, de 1961, esse modelo se consagrou entre o público feminino. Muitas mulheres importantes e figuras públicas começaram a usá-los, pois era considerado um acessório elegante tanto para um evento formal quanto para um informal.

4. Belle Vivier (A Bela da Tarde)

No filme A Bela da Tarde, de 1967, a principal característica da personagem Sevérine (Catherine Deneuve) era a sofisticação. Suas roupas e seus calçados eram impecáveis, incluindo o modelo Belle Vivier, criado em 1965 pelo estilista francês especialista em calçados, Roger Vivier. Os sapatos de couro preto no estilo pilgrim, de salto baixo e com uma grande fivela de metal, se tornaram um modelo que causou furor entre as mulheres, mas se transformou em um ícone somente após sua aparição no filme de Luis Buñuel. Até hoje o calçado é comercializado pela loja do estilista e, meio século depois, a atriz e a marca se reencontraram em um vídeo especial.

5. Keds Champion (Dirty Dancing — Ritmo Quente)

Jennifer Gray apresentou um ótimo desempenho como Baby Houseman, no filme Dirty Dancing — Ritmo Quente, de 1987, e parte desse sucesso se deve aos tênis brancos Keds Champion usados por ela. Esses tênis de lona com solado de borracha foram criados em 1916 e são considerados uma das primeiras opções acessíveis e confortáveis ​​para as mulheres. De acordo com as palavras de Emily Culp, chefe de marketing da marca, ao aparecer no filme, as vendas do modelo Champion aumentaram 10 vezes. Atualmente, esses tênis continuam em alta e fazem parte do look de artistas como Taylor Swift.

6. MAG (De Volta para o Futuro II)

O filme De Volta para o Futuro II nos levou para o ano de 2015 e mostrou os avanços tecnológicos que poderiam existir na época (de acordo com a imaginação dos cineastas dos anos 1980). Um dos destaques foi o par de tênis da Nike MAG, usados ​​por Marty McFly (Michael J. Fox), com um design futurista e com cadarços que se ajustavam automaticamente em seus pés. Apesar da sua crescente popularidade, apenas em 2011 a Nike anunciou um leilão de 1.500 pares desse modelo. Em 2016, a empresa fez um novo leilão de edição limitada, com 89 pares. Nos dois casos, os lucros foram doados à Fundação Fox para a pesquisa do Mal de Parkinson. Atualmente, a marca tem tênis com ajuste automático do cadarço.

7. Botas de couro até os joelhos (Uma Linda Mulher)

Julia Roberts, a atriz que interpretou Vivian Ward no filme Uma Linda Mulher, de 1990, não fez sucesso apenas por sua atuação, como também por seu look usado no longa. As botas usadas por ela eram de couro brilhante com salto de 9 centímetros e zíperes que cobriam as pernas do tornozelo ao joelho. Após o filme, várias marcas lançaram suas próprias versões de botas e em diferentes modelos, enquanto um dos pares usados ​​no longa está guardado em uma galeria de acessórios on-line.

8. Cortez Classic (Forrest Gump: O Contador de Histórias)

Uma das habilidades de Forrest Gump (Tom Hanks) era correr bastante, tanto que passou vários dias percorrendo os Estados Unidos usando o par de tênis da Nike Cortez Classic, que voltaram a ficar populares após aparecerem no filme de 1994. Desenhado em 1972 pelo cofundador da marca, Bill Bowerman, a leveza e a durabilidade do modelo o tornaram o tênis preferido dos esportistas. A Nike relançou recentemente o Cortez Classic, além de outras opções desse modelo, com Bella Hadid como embaixadora da marca.

9. Mexico 66 (Kill Bill: Volume 1)

Quem não se lembra da roupa amarela usada pela atriz Uma Thurman no filme de 2003 Kill Bill: Volume 1? Para completar o visual, a atriz utilizou um tênis esportivo do modelo Mexico 66, da marca Onitsuka Tiger. Ele foi criado na década de 1960 por Kihachiro Onitsuka para os atletas japoneses. Quase quatro décadas após seu lançamento, o tênis voltou a ficar popular e o modelo com listras pretas continua sendo um dos mais distintivos da marca até hoje.

10. Chuck Taylor All Star (Maria Antonieta)

O filme Maria Antonieta, de 2006, mostra parte da vida da arquiduquesa da Áustria, interpretada por Kirsten Dunst, na França do século XVIII. Em uma das cenas, encontramos um par de tênis Converse, do modelo Chuck Taylor All Star, que teria sido criado em 1917. Mas como houve essa falha histórica nas gravações? Segundo uma entrevista com a diretora do filme, Sofia Coppola, a cena foi gravada por diversão, mas, na época da edição, decidiram deixar esses tênis clássicos no filme. Obviamente, o detalhe não passou despercebido e até hoje o modelo continua em alta nas lojas oficiais da marca.

11. Botas Chanel (O Diabo Veste Prada)

“Ei... você está usando as..?” Foi assim que Emily (Emily Blunt) se surpreendeu com a mudança no look de Andy (Anne Hathaway). Todos ficaram surpresos com o calçado usado pela protagonista do filme O Diabo Veste Prada, de 2006, nessa cena. As botas de couro que cobrem os joelhos faziam parte da apresentação da coleção outono-inverno da marca Chanel em 2005, que a produção do filme soube aproveitar muito bem. Embora seja muito difícil conseguir botas idênticas a essas, recentemente Victoria Beckham apresentou suas próprias botas com características parecidas ao modelo mostrado no longa.

12. Sapato de salto Hangisi (Sex and the City)

Carrie Bradshaw (Sarah Jessica Parker) é uma mulher obcecada por calçados de grife, mas, acima de tudo, pelos sapatos do estilista espanhol Manolo Blahnik. Essa obsessão foi comprovada no filme de 2008 Sex and the City, quando ela usa stilettos (salto agulha), do modelo Hangisi na cor azul e com uma fivela quadrada com cristais. Após a exibição do filme, o modelo ganhou popularidade e foi vendido em pouco tempo. Esses “Manolos”, inspirados no look de Napoleão Bonaparte, de sua mulher, a Imperatriz Josefina e da irmã dele, Paulina Bonaparte, estão disponíveis no site oficial da marca do estilista.

13. Sapatos de cristal (Cinderela)

Se falamos de calçados icônicos no cinema, não podemos deixar de fora os sapatos de cristal de uma das mais famosas princesas da Disney, a Cinderela. De todas as versões realizadas, o filme de 2015 surpreende com o modelo usado por Lily James no papel principal. Os sapatos foram projetados pela empresa Swarowski, em colaboração com a Disney, e foram feitos de um cristal sólido, com 221 faces e salto de 6 centímetros. Apesar do imenso trabalho de criação, a decepção dos fãs foi enorme quando Lily revelou em uma entrevista que os sapatos não combinavam com ela.

Quais desses modelos você gostaria de ter? Conhece outros calçados exibidos por personagens em algum filme que deveriam ser adicionados a essa lista? Deixe sua opinião nos comentários.