17 Evidências de que a preguiça é o motor da inovação

O ano era 1955. Um avô exemplar chamado Victor Mills muitas vezes tinha de cuidar do seu netinho. Ele tinha de mudar e lavar constantemente as fraldas de pano do menino. Mills, no entanto, era um belo de um preguiçoso. Afinal, a preguiça faz parte da natureza humana. Por causa disso, passado um tempo, o engenhoso vovô inventou as fraldas descartáveis. Mas essa não foi a primeira e nem a última invenção brilhante que surgiu graças à preguiça. Podemos, portanto, dizer que a preguiça é o motor da inovação, concorda?

Nós, do Incrível.club, achamos que a preguiça, às vezes, pode ser útil e produtiva e aqui estão 17 provas disso. Confira!

  • Eu fui contratado para um emprego temporário. Tinha de imprimir 30 pacotes de 100 páginas cada. E me perguntava o porquê de isso levar o dia todo. “Nossa impressora não numera as páginas, portanto, você levará um dia inteiro para classificá-las manualmente”, disseram meus colegas. Mas era uma impressora de escritório padrão. Então levei apenas 30 segundos para configurar e fazer agrupar as impressões. Tudo foi impresso e arquivado em menos de uma hora e fui pago para passar o dia inteiro navegando na Internet. Meu patrão concluiu que eu era um gênio e me deu ótimas recomendações para a empresa de trabalhos temporários na qual eu era cadastrado. Com isso, consegui mais dois empregos depois. © wilksonator / Reddit

  • Meu amigo trabalhava como chefe em uma creche. Um dia, trouxeram para ele muitas linguiças pequenas e todas tinham de ser limpas. Meu amigo as desenrolou nas extremidades, puxou a última da linha e a conectou na torneira, ligando a água. Todas as linguiças saíram do outro lado em cinco segundos. © bipline / Pikabu
  • Vi uma de nossas funcionárias vestir uma roupa esportiva e ir treinar na hora do almoço. Mas, quando saí, a encontrei perto do meu carro comendo asinhas de frango. O fato é que nosso chefe incentiva os funcionários a praticar esportes e classifica o tempo de exercício como horas de trabalho. Essa senhora muito esperta “treina” assim todos os dias. © NotYetDomestic / Reddit

  • Meu último trabalho era em uma loja de acessórios para caminhões. Todo mês de dezembro era necessário fazer um inventário e um funcionário precisava contar todas as arruelas e parafusos de cada tamanho. Seria meu primeiro inventário e eu despretensiosamente falei que era necessário pesar apenas um parafuso e uma arruela de cada tamanho, e depois pesá-los todos juntos e depois dividir o peso que assim obteríamos a quantidade total. Todo mundo ficou me olhando como se eu tivesse revelado o grande segredo do universo. A contagem de arruelas e parafusos passou de um dia ou dois para apenas algumas horas. © codymreese / Reddit

  • Recentemente, li sobre um universitário que conseguiu um emprego durante o verão. Ele se tornou amigo de uma das senhorinhas da recepção de uma empresa que sempre precisava de ajuda para usar o Excel. Ele continuou ajudando-a durante todo o verão e ensinou tudo que a simpática vovó precisava saber para o trabalho. No final do verão, o rapaz tornou o trabalho da senhora tão fácil que eles decidiram que não precisavam mais dela. E ela foi demitida. © seancurry1 / Reddit

  • A loja de conveniência que ficava ao lado da minha casa mudou-se para o outro lado da rua. Por causa disso não fumo há 11 meses. Tenho preguiça de atravessar a rua para comprar cigarros. © iamapizza / Reddit

  • No ensino médio, tínhamos de fazer quatro relatórios de quatro livros por ano. Um amigo meu fez seus relatórios de cada livro de O Senhor dos Anéis e de O Hobbit e entregou os mesmos quatro ao longo do ensino médio. Como sempre trocavam os professores de inglês todo ano, ninguém percebia. Eu nunca fui corajoso o suficiente para tentar a mesma coisa. © AngelusCaedo / Reddit
  • Meu colega de trabalho saía às 16h para “ir ao banheiro”, e deixava a luz do escritório acesa, a cadeira inclinada e o computador ligado no modo que a tela não se apagasse. Ele desaparecia até 9h da manhã do dia seguinte. Nosso chefe nunca descobriu isso. © midlothian705 / Reddit
  • Sou muito preguiçosa...tipo, muito mesmo. Portanto, tento fazer todas as tarefas de casa e do trabalho o mais rápido possível para que possa ficar livre e ser uma completa preguiçosa. Qual o resultado disso? Pelo segundo ano consecutivo estou na lista dos melhores funcionários do trabalho e, para os amigos do meu esposo, sou exemplo a seguir. E eu sou tão...preguiçosa! © “Подслушано” / vk
  • Meu tio me contou como ele e um amigo, durante seu tempo de serviço no exército, tiveram de lavar 6 banheiras cheias de louça em apenas uma madrugada. A salvação veio na forma de 6 galões que eles encontraram no estacionamento e que continham uma substância estranha. Eles a derramaram nas banheiras, deixaram agir por algumas horas e em seguida drenaram, limpando tudo com água limpa depois. © BorzikRUS / Pikabu
  • Um programador terceirizou seu próprio trabalho no exterior, pagando aos programadores chineses um quinto de seu salário para escrever o código para ele enquanto passava os dias navegando no Reddit e assistindo a vídeos de gatos. Seus chefes o parabenizaram pelo desempenho e o elogiaram por um código limpo e bem escrito, o chamando de “o melhor desenvolvedor do trabalho”. © cramias / Reddit

  • Quando eu trabalhava em um centro de internação, alguém tinha de registrar os pacientes. E havia 100 deles. Ninguém queria aceitar esse emprego, exceto um cara. E uma vez entendi o porquê de ele gostar tanto dessa tarefa. Ele pegava uma cadeira, se sentava na entrada do refeitório e não deixava ninguém entrar até que fosse registrado. Como resultado, concluía a tarefa em uma hora enquanto os outros levavam o dia inteiro. © CouchlessTherapist / Reddit

  • Eu não conseguia perder peso, constantemente furava as dietas e já tinha tentado vários métodos. Então, tive de me mudar da casa dos meus pais. E, como sou megapreguiçoso para cozinhar ou ir ao supermercado, perdi 1,5 kg em menos de uma semana. © “Подслушано” / vk
  • Em um dos meus primeiros trabalhos em TI, passei cerca de 2 meses automatizando tudo o que precisava fazer. Depois disso, passava meus dias lendo tranquilamente no meu escritório com ar condicionado, hackeando programas totalmente não relacionados ao trabalho, participando de prolongados debates na Internet e raramente respondendo a algum problema dos clientes. As coisas pareciam estar indo bem, então tirei algumas semanas de férias. Quando voltei, me disseram que tudo correra tão bem na minha ausência que meus serviços não seriam mais necessários. © EmirFassad / Reddit
  • Automatizei 70% do meu trabalho em uma grande empresa financeira como estagiário. Nunca falei para ninguém e ganhei um dinheiro fácil por 6 meses. Passei o tempo que sobrava fazendo cursos e correndo atrás de minha pós-graduação. Recebi minha aprovação na pós nas duas últimas semanas do meu estágio, larguei o emprego e não olhei para trás. © clickerroy / Reddit
  • Eu trabalhava em um restaurante e tinha um gerente absolutamente insuportável. Ela exigia que eu contasse cada pacote de sal, canudos, ketchup. Eu não podia falar que havia 3 caixas de sal; tinha de falar a quantidade exata que tínhamos no estoque. Eu tinha preguiça de fazer esse trabalho. E se desse o resultado muito rápido, ele saberia que eu estava mentindo. Então, fiquei jogando Pokémon por 10 horas e depois menti um número razoável.© kperkins1982 / Reddit
  • Eu tinha uma conhecida que superava todos os níveis de preguiça. Havia um mercadinho embaixo do apartamento em que morava que vendia sopas, saladas, pães e artigos de padaria, entre outras coisas. Assim, antes de o seu marido voltar para casa, ela corria para o mercado com uma panela grande, onde colocava o produto que comprava: sopa, salada...variava dependendo do dia. E se comprasse pães ou algum bolo ou doce, fazia questão de deixar um saco de farinha de trigo aberto em um lugar bem visível na cozinha, para que seu marido pensasse que ela que tinha cozinhado tudo e elogiasse seus dotes culinários para todo mundo. © “Подслушано” / vk

Você já inventou alguma gambiarra por preguiça? Conte sua inovação na seção de comentários.

Compartilhar este artigo