Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Por que nem toda mulher pode ser comissária de bordo?

-21-
56k

Viajar o mundo todo em um avião moderno, conhecer gente nova e ganhar um bom salário. Parece um trabalho agradável, certo? Nem sempre. Para ser uma comissária de bordo é preciso muito mais do que isso. As pessoas que mantêm o voo cômodo e em segurança precisam preencher muitos outros requisitos para conseguir um trabalho como esse.

Confira os critérios mais estranhos que algumas companhias aéreas colocam para escolher as suas comissárias de bordo.

15. Saber nadar

Comissárias de diferentes companhias aéreas devem poder nadar pelo menos 20 metros (exemplo da Ryanair). As comissárias da British Airways devem saber nadar 50 metros no mínimo, e sem ajuda. Isso é necessário para o caso de um pouso na água.

14. Cabelo curto

Muitas companhias aéreas querem que suas comissárias tenham cabelo curto e arrumado, que não cubra o rosto e não prejudique as funções que elas devem desempenhar. A British Airways afirma que suas comissárias devem ter o cabelo até a altura dos ombros, no máximo.

13. Não ter tatuagens ou piercings

Grande parte das companhias aéreas não permite que as comissárias e os comissários tenham tatuagens muito visíveis ou piercings.

12. Saber sobreviver na selva

Como existe a possibilidade de que o avião tenha que aterrizar na selva, a TAM treina suas comissárias a sobreviver nessas condições.

11. Força

Muitas comissárias precisam ajudar a colocar as malas nos compartimentos superiores. Isso faz com que elas tenham que ter força, já que as malas chegam a pesar 10 kg ou mais. A companhia Air New Zealand exige que suas comissárias levantem 10 kg a uma altura de 1,70 metros, mantendo os pés no chão sem levantar os calcanhares.

10. Não ter pintas no rosto

Por incrível que pareça, essa é uma condição obrigatória de muitas companhias.

9. Ter unhas curtas

Comissárias de muitas companhias aéreas não podem ter unhas compridas. A empresa Hawaiian Airlines, por exemplo, determinou que as unhas não podem ultrapassar os 3 mm da ponta do dedo.

8. Estar solteira

A Jet Airways contrata apenas mulheres solteiras. Mas isso vale apenas para quem não tem experiência.

7. Ter uma certa altura

Cada companhia aérea tem as suas determinações, mas, em média, para ser uma comissária de bordo é preciso ter entre 1,58 m e 1,88 m de altura. É importante que elas alcancem uma determinada altura. A Emirates, por exemplo, pede que elas alcancem uma altura de 2,12 m.

6. Não estar acima do peso

Em geral, as companhias não pedem que as comissárias tenham corpo de modelo. É suficiente que o peso seja proporcional à altura, de acordo com o índice de massa corporal.

5. Circunferência 'correta' do quadril

A empresa francesa Aigle Azur foi mais além: determinou que a circunferência perfeita do quadril não pode ultrapassar os 100 cm.

4. Juventude

A maioria das companhias aéreas não têm limites de idade, mas a empresa Delta Air Lines não. Contrata apenas mulheres com menos de 25 anos.

3. Não ter pelos no nariz ou nas axilas

A American Airlines exige que suas comissárias venham ao trabalho sem pelos visíveis no nariz, orelhas e axilas.

2. Dominar kung-fu

Em geral, as pessoas se comportam bem nos voos e não demandam muito esforço das comissárias. Mas como sempre existe a possibilidade de que a coisa saia do controle, a Hong Kong Airlines considera útil dar aulas de kung-fu para suas comissárias.

1. Ter pernas bonitas

O trabalho de comissária é um dos mais concorridos na China. É por isso que os requisitos ficam mais exigentes a cada ano. O treinamento parece de serviço militar e elas precisam aprender a lutar, a carregar uma garrafa na cabeça para manter boa postura e a segurar uma folha de papel entre os joelhos. Um dos requisitos mais estranhos para as comissárias da China Southern Airlines é ter as pernas lindas, nada de pernas em forma de X ou de O.

-21-
56k