Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

11 Países cujos nomes originais são diferentes daqueles que conhecemos dos mapas

211-
265

Os nomes que conhecemos dos países nem sempre correspondem aos originais que lhes foram dados pelos povos originários desses lugares. Já escrevemos sobre países populares como o Japão e a Finlândia, e agora decidimos falar sobre territórios menos óbvios, como a Groenlândia ou a Armênia.

Incrível.club preparou mais uma compilação com exemplos de como os países são realmente chamados por seus nativos.

Áustria

O nome Österreich vem do alemão arcaico e significa “reino oriental”. A palavra “Áustria” é a versão latinizada do nome original do país. Por causa dela, aliás, surgiu um pouco de confusão, uma vez que öst em alemão significa “leste” e auster em latim, “sul”.

Armênia

A origem da palavra “Armênia” deriva do antigo nome da região, Armi. Segundo outra versão, o topônimo surgiu graças ao nome do rei urartiano Aram. Seja como for, o próprio nome Armênia não tem nada a ver com essas palavras e soa como Hayq. Na Idade Média, o país era chamado de Hayastan. A origem desse nome também possui várias versões. Uma delas está relacionada ao nome do líder mitológico dos armênios, Haico, que, segundo a lenda, derrotou o exército do rei babilônico Bel, em 2.492 a.C..

Butão

Acredita-se que o nome “Butão” tenha origem na língua tibetana de raízes bod (“Tibete”) e anta (“periferia”), ou seja, “Periferia do Tibete”. Da língua tibetana, o nome passou para várias línguas indianas e chegou até nós como “Butão” . Na verdade, o país é chamado de Druk-Yul, que pode ser traduzido como “Terra do Dragão”.

Alemanha

Em diferentes línguas do mundo a Alemanha é chamada de diversas formas: Allemagne — em francês, Saksa — em finlandês, Tysksland — em dinamarquês, Niemcy- em polonês, Germánija- em russo. Os próprios alemães chamam seu país de Deutschland. De acordo com uma versão, a palavra remonta à palavra proto-germânica Þeodisk [θeodisk], “ligado ao povo”, e se referia, sobretudo, ao idioma. Em outras línguas, o nome do país surgiu graças aos nomes usados para designar as tribos que viviam nesses territórios. Os franceses os chamavam de alamanos, os dinamarqueses — tikses, os finlandeses — saxões, etc.

Groenlândia

O nome Groenlândia (“Terra Verde”) foi inventado pelo viking Erik, o Vermelho — que com este nome esperava atrair o maior número possível de novos moradores, embora a severa ilha do norte dificilmente possa ser chamada de “verde”. Em gronelandês o país é chamado de Kalaallit Nunaat — “Terra dos kalaallites”, um dos povos esquimós groenlandeses.

Marrocos

O nome oficial do país é al-Mamlakâtu al-Maġribiyya — o Reino do Magrebe, abreviado — El-Mágrib. “Magrebe” em árabe significa “onde o sol se põe ”, o que é bastante lógico, dada a sua localização geográfica na costa noroeste da África.

O nome Marrocos vem do francês, língua em que o país era chamado de Maroc, palavra derivada do nome da capital, Marrakesh, que provavelmente vem do berbere amur akush — “terra de deus”.

Irlanda do Norte

Em irlandês o nome do país é Tuaisceart Éireann. O topônimo tem uma tradução simples: “Ilha do Norte”.

Coreia do Norte

Em coreano, o nome do país é Choson e a palavra não contém raiz com significado “norte”. Em geral, a divisão em Coreia do Norte e Coreia do Sul existe apenas em línguas estrangeiras. Em coreano, os nomes dos países não têm nada em comum, “Coreia do Sul” em coreano é Hangul.

O nome Choson já existia muito antes da chegada de Kim Il-sung e da Guerra da Coreia — esse era o nome da dinastia sob a qual o país floresceu. Além disso, a palavra Choson, escrita em caracteres chineses, significa “Terra do Frescor Matinal”. Por isso decidiram retomar esse nome quando dois novos países surgiram no mapa.

País de Gales

O nome oficial do País de Gales é Cymru [ˈkəmrɨ]. Vem da palavra kom-brogi que significa “compatriotas”. A palavra “Gales” originou-se do antigo nome inglês da tribo gaulesa que habitava esses territórios.

Suécia

O nome do país deriva de palavras nórdicas svea rike — "reino dos ’Swede’ - e em sueco soa como Sverige [ˈsværjɛ:].

Escócia

Em gaélico, a Escócia é chamada pelo belo nome de “Alba”. Os antigos gregos, e depois deles os romanos, chamavam a ilha inteira que conhecemos como Grã-Bretanha de Albion. Logo, o nome foi adotado apenas para o território da Escócia moderna. A palavra Alba está associada a uma raiz que significa “branco” ou “colina”. Provavelmente, esse nome tenha se originado dos penhascos brancos de Dover. O nome oficial do país em inglês — Scotland — tem um tom menos elevado. A palavra grega skotos é traduzida como “escuridão”. O nome derivado skot era dado às tribos de invasores que viviam nessas terras.

211-
265
Compartilhar este artigo