Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

11 Curiosidades sobre os astronautas em suas viagens espaciais

4-1-
599

Ir ao espaço tornou-se, para gerações e gerações de crianças e jovens, um sonho a ser realizado. Uma aspiração que muitas vezes passa da infância à vida adulta. Sair dos limites do Planeta, enxergar as estrelas um pouquinho mais de perto, ver a imensidão e o contorno da Terra lá de cima, sentir a gravidade zero...essas são cenas mostradas em filmes e vídeos produzidos pelos próprios astronautas que habitam o imaginário de milhões de pessoas.

No Incrível.club, queremos contar a você alguns dados curiosos não tão conhecidos sobre a vida de um astronauta.

1. O paladar muda completamente

O paladar é um dos sentidos alterados nos astronautas durante sua permanência no espaço. Seja por uma provável mudança na estrutura dos alimentos ou em função dos efeitos da gravidade reduzida, o fato é que a comida não tem para eles o mesmo sabor.

2. A água se torna um bem escasso e muito valorizado

Quase toda a água de uma nave ou da Estação Espacial é enviada da Terra. Por esse motivo, os astronautas devem usá-la de forma absolutamente racional, principalmente na hora do asseio pessoal. Os banhos espaciais são super-restritos e os astronautas esfregam um pano em um sabonete para fazer espuma (que é passada no corpo) ou usam sabonetes líquidos que não precisam de enxágue.

3. A falta de gravidade dificulta o choro dos astronautas

Sim, é possível chorar no espaço, mas não da mesma forma que na Terra. Devido à gravidade zero, as lágrimas não caem, mas se acumulam abaixo do olho formando um “bolsão de choro”, até serem removidas com um lenço.

4. Amarrar os sapatos é uma odisseia desnecessária

A falta de gravidade aparece de novo para jogar contra os astronautas na hora de calçar sapatos. Esse fato, somado à inutilidade de usar qualquer espécie de calçado dentro da Estação Espacial, faz com que eles fiquem descalços a maior parte do tempo. Mas, quando precisam usar calçados, recorrem a botas especiais para lidar com o problema da falta de gravidade.

5. Sono intermitente

Dormir no espaço é algo realmente complicado. Por conta da falta de gravidade, os astronautas flutuam. Por isso, dormem em qualquer posição possível e devem ser amarrados para não se chocar ou bater em qualquer objeto à volta. Mas essa falta de conforto não significa ausência absoluta de privacidade: os astronautas costumam ter, na Estação Espacial pequenas cabines próprias (seus “quartos”) nas quais dormem dentro de um saco de dormir, e de onde podem ver o nascer e o pôr-do-sol a cada 90 minutos. Um sono profundo e reparador deve ser extremamente difícil, considerando noites tão curtas.

6. Ir à academia no espaço

Fazer exercícios no espaço é tão importante para um astronauta como dormir e comer. Dessa forma, eles minimizam os graves efeitos da falta de gravidade sobre seus músculos e ossos. Os astronautas seguem uma rotina estrita de exercícios que facilita seu regresso à Terra.

7. Um coração ao decolar e outro diferente ao aterrissar

Não usamos a frase acima em um sentido figurado ou poético. Nos referimos, isso sim, a fatos concretos. Durante a permanência no espaço, o formato do coração de um astronauta muda, tornando-se mais esférico devido à ausência de gravidade.

8. Se você quiser crescer, pode viajar ao espaço

A ausência de gravidade também tem os seus efeitos sobre a coluna dos astronautas, que voltam mais altos das viagens ao espaço, já que a pressão lá em cima é reduzida. No entanto, essas mudanças não duram para sempre. Quando regressam à Terra e a gravidade exerce sua pressão, eles voltam à sua estatura normal.

9. Ir ao banheiro no espaço tem seu truque

Ir ao banheiro no espaço é algo extremamente complexo. Por isso, em missões curtas os astronautas usam uma espécie de fralda. No entanto, nas missões longas, eles têm de encarar latrinas sem água, que sugam os excrementos.

10. Adeus, unhas

Muitos astronautas relatam a queda das unhas dos dedos das mãos e até ferimentos nelas. Essa perda deve-se ao grande peso e à pressão que as luvas exercem sobre suas mãos. Afinal, seu traje procura reproduzir a densidade da atmosfera da Terra.

11. O espaço e seu cheiro característico

Alguns dos astronautas que tiveram o privilégio de ir ao espaço, afirmaram que ele tem um cheiro característico, semelhante ao de pólvora queimada e de metal.

É realmente impressionante, não é mesmo? Qual desses dados lhe pareceu mais surpreendente? Conhece outras informações sobre os astronautas? Conte-nos se você se animaria a fazer uma viagem espacial e viver na pele todas essas curiosidades.

4-1-
599
Compartilhar este artigo