Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 Competições que, de tão esquisitas, chegam a ser hilárias

3122
459

Biologicamente, competir faz parte da interação natural entre os seres vivos e tem por objetivo a conquista de algo, como um bem material ou simplesmente garantir a soberania e sobrevivência em um território. No caso dos seres humanos, a palavra “competição” logo nos remete ao esporte que é praticado em diversas modalidades, desde as mais populares como o futebol, até outras que, por não serem amplamente conhecidas, podem causar certa estranheza ou despertar risos, uma vez que têm regras, modo de jogo e participantes inusitados.

Diante disso, o Incrível.club traz 10 competições esportivas diferentes que, embora pareçam hilárias, são levadas muito a sério, com direito a calendários anuais e atletas especializados ao redor do mundo. Confira só!

10. Guitarra imaginária

É uma competição conhecida como “Air Guitar”, que acontece anualmente desde 1996 na Finlândia, na qual concorrentes do mundo todo colocam o seu melhor no palco, com performances muitas vezes humorísticas, e agem como se estivessem com uma guitarra nos braços, dedilhando-a no ar.

A competição que começou como uma brincadeira, popularizou-se ao redor do mundo e é levada muito a sério. Nos Estados Unidos, por exemplo, há uma organização que se encarrega de buscar os melhores talentos do país no “Air Guitar”, levando o campeão para a disputa internacional na Finlândia.

9. Encantamento de minhoca

O “Encantamento de minhoca” é uma competição tradicional (Worm Charming Championship) que ocorre na Inglaterra desde 1980. Para ser declarado vencedor nesse tipo de campeonato, é necessário coletar, em uma área de aproximadamente 3 metros quadrados, o maior número de minhocas possíveis durante 30 minutos. Atualmente, o recorde mundial é de 567 minhocas que foram “encantadas” (atraídas) por uma garota de apenas 10 anos.

Os participantes podem “encantar” as minhocas com técnicas de sapateado ou utilizar instrumentos diversos como garfos de jardim que provocam vibrações no solo.

8. Luta livre de dedão do pé

O “Toe wrestling” ou luta livre de dedão do pé pode até remeter àquelas brincadeiras de infância, mas é uma respeitada modalidade esportiva que existe desde os anos 1970 com o objetivo de se tornar um esporte olímpico.

O campeonato mundial de “Toe wrestling” ocorre na Inglaterra; os participantes sentam-se um de frente para o outro em uma prancha e ficam interligados pelos dedos dos pés, vencendo quem conseguir forçar o pé do oponente para baixo. Esse estilo de luta pode ser equiparado à “Queda de braço” que, em vez dos pés, utiliza os braços, como o próprio nome já sugere.

7. Corrida de baratas

Aproveitando a facilidade que as baratas têm de correr dos nossos chinelos, a Austrália criou a corrida das baratas (“Cockroach races”), competição que é realizada há quase 40 anos e faz parte das atrações do evento do “Dia da Austrália” que acontece no dia 26 de janeiro em Brisbane, uma das cidades mais antigas do país.

A tradicional corrida das baratas tem várias regras, sendo uma delas a desclassificação do inseto que voar, já que isso confere a ele, maior rapidez em cruzar a linha de chegada.

6. Lançamento de celular

Desde 2000, na Finlândia, acontece anualmente o campeonato de lançamento de celulares (Mobile Phone Throwing Championship) que testa a força, estilo e técnica dos participantes em arremessarem os aparelhos. Alguns eventos, permitem, inclusive, que competidores levem seus próprios celulares, o que seria uma ótima oportunidade para livrar-se de vez daquele aparelho antigo e problemático.

Um dos pontos positivos dessa competição que ocorre não só na Finlândia, mas também em outros lugares do mundo, é a participação de empresas especializadas que recolhem o lixo eletrônico descartado pelos competidores e pelo público em geral.

5. Salto de sapos

O “Salto de sapos” (Frog Jumping) é uma competição que ocorre desde os anos 1930 no Condado de Calaveras, situado no estado americano da Califórnia. Para vencer a competição, é preciso que os donos dos sapos saibam a melhor técnica para fazer com que seus anfíbios saltem e sigam o caminho correto. Isso pode incluir: cantar, saltar, dançar ou assoviar, menos tocar no bichinho.

Entre as atrações do evento, os sapos podem ser mimados no “Frog Spa”, espaço destinado para aliviar o estresse dos animais e onde também é possível “alugar” um sapo para a competição.

4. Passagem de roupa radical

Muitos consideram passar roupas uma atividade entediante, mas para os competidores do “Extreme ironing” não é bem assim. Nessa competição, os praticantes se aventuram em atividades radicais ao ar livre, carregando peças de roupas, ferro e tábua de passar, tudo isso para experimentar uma sensação única: aliar adrenalina à satisfação de uma roupa bem passada.

Adeptos do esporte no mundo todo buscam fazer história no “Extreme ironing” ao serem clicados, de uma forma bem humorada, passando roupas nos locais mais inusitados e perigosos, como no alto de uma montanha ou no fundo do mar. Com isso, eles superam os próprios limites e ainda podem quebrar recordes nessa modalidade esportiva.

3. Fuga dos zumbis

Esse estilo de corrida tem se popularizado pelo mundo por causa da temática diferente. Aqui, o objetivo não é tão simples quanto chegar à linha de chegada; é preciso correr de zumbis e passar por obstáculos que testam a coragem, a habilidade e o físico dos corredores.

Ao longo do circuito, os participantes encontram um cenário inspirado em filmes e séries que retratam o mundo pós-apocalipse, cercado por zumbis, como na série “The Walking Dead”. Cada corredor recebe três faixas que ficam amarradas na cintura e simbolizam a quantidade de vidas. Assim, aquele que chegar à zona segura com pelo menos 1 vida é considerado sobrevivente.

2. Boxe-xadrez

Inspirado em uma história em quadrinhos, as primeiras partidas de Boxe-xadrez (Chess boxing) foram registradas em meados de 2003 em Berlim, capital da Alemanha. A mistura de boxe com xadrez faz com que o esporte se torne ainda mais desafiador física e mentalmente, uma vez que requer dos competidores habilidades no ringue e no tabuleiro.

A partida é disputada em onze rodadas alternadas de xadrez e boxe, com duração de 3 minutos cada. Para garantir a vitória nessa competição, os jogadores precisam de um xeque-mate, nocaute ou mais pontos com base no desempenho do xadrez.

1. Arremesso de ovos

O jogo de arremessar ovos (Egg Throwing Championship), originou-se na Europa como forma de brincadeira ou associado a costumes religiosos; com o passar dos anos foi se popularizando e hoje tem até campeonato mundial que é realizado todos os anos na Inglaterra.

O campeonato é dividido em várias modalidades que servem, especialmente, para testar a capacidade dos participantes em lançar e pegar ovos no ar. Um dos momentos que mais chamam a atenção no evento é a chamada “Roleta Russa”, em que dois jogadores disputam qual sairá limpo após esmagar na cabeça ovos que podem estar crus ou cozidos.

Você conhecia algum desses esportes mencionados no post? Dentre eles, qual foi o mais inusitado? Teria vontade de participar ou conhecer essas competições? Conte para nós!

3122
459