Incrível
Incrível

Como é a rotina de quem decidiu adotar uma raposinha

Quem nunca pediu aos pais para ter um animal de estimação diferente, como um cavalo, macaco, passarinho...

Algumas pessoas decidiram levar seus sonhos adiante e resolveram adotar raposas. Isso mesmo! Apesar de elas serem animais selvagens, algumas parecem conviver muito bem com humanos, cães e gatos sem qualquer problema.

No Brasil, existem apenas 3 espécies delas, e, para criar animais silvestres, é preciso ter autorização dos órgãos ambientais. Criar esses animais sem autorização é crime.

O Incrível.club encontrou várias imagens e histórias de raposas que vivem em lares de vários lugares. Não sabemos como chegaram na vida de seus donos. Talvez tivessem sido vistas na estrada e salvas da morte, ou elas mesmas entraram no pátio das casas...

Ou, ainda, seus donos leram muito Saint-Exupéry (um dos personagens mais famosos do Pequeno Príncipe é a raposa) e, desde então, passaram a querer um desses animais. De qualquer modo, suas fotos são apaixonantes. Temos certeza de que você ficará tão maravilhado quanto nós!

Primeiro, as raposas por si só vão demonstrar que são felizes...

Gostam MUITO de brincar

Amam morder coisas

Em geral, é melhor esconder todas as coisas e os sapatos se você adotar uma raposa. São muito curiosas por natureza e adoram uma bagunça...

Esta raposa tem um gostinho peculiar: além de comer carne, também comem todos os tipos de cabos espalhados pela casa

Falando em comida, é melhor escondê-la também, porque elas comem literalmente tudo! Principalmente carne, mas também aceitam verduras e legumes

É possível treinar raposas como cães

Brincam na neve como ninguém

Parecem-se muito com cães

Diferentemente dos gatos...

Também amam água

Mas, molhadas, são meio esquisitas

E depois do banho, é melhor que sejam escovadas

E aí podem deitar na cama do dono

Afinal... como negar algo a este nenê?

Quando os donos não estão, ficam muito tristes

E ficam esperando

Imagine só o quanto você vai querer chegar em casa para ver seu bichinho (a não ser que a raposa bloqueie a porta)

E assim sua felpuda espera por você... um amor!

O que dizem as pessoas que vivem no exterior e criam esses animais de maneira legalizada:

Desvantagens:

  • Cheiro forte e muito característico.
  • Sapatos, roupas mordidas e outros tipos de pequenas destruições também serão comuns.
  • É um prazer um pouco caro. Os custos dos alimentos e veterinários específicos são significativos.
  • Atenção excessiva com a rua e o movimento urbano.

Vantagens:

  • Amor à primeira vista.
  • A raposa, como os gatos, usar somente um lugar como banheiro..
  • Ao usar um mesmo local como banheiro, uma raposa não precisa passear com tanta frequência como um cão.
  • Brincar com uma raposa é muito divertido!
  • Se você amansa o animal com êxito, será uma companhia muito carinhosa e um amigo fiel pelo resto da vida.

Que bom seria se fosse fácil, não é? Mas, se sua ideia é ter um bicho de estimação, que tal adotar um cão ou um gatinho de rua? Há muitos por aí precisando de uma família e as raposas provavelmente serão mais felizes se mantidas na natureza :)

Incrível/Animais/Como é a rotina de quem decidiu adotar uma raposinha
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos