Incrível
Incrível

9 Criaturas diferentes e peculiares que vivem nas profundezas da Antártida (tem até “polvo-dumbo”)

Desde as primeiras expedições na Antártida, o lugar mais frio da Terra, foi identificado que os animais subaquáticos de algumas espécies eram surpreendentemente maiores do que os animais que viviam nas águas de outros continentes. Dessa forma, os cientistas nomearam esse fato como gigantismo abissal. Apesar de se saber pouco sobre esse acontecimento até os dias atuais, os cientistas acreditam que essas criaturas marinhas são gigantes devido à água gelada possuir um alto teor de oxigênio.

Nós, do Incrível.club, separamos 9 curiosidades sobre criaturas estranhas e imensas (e ainda assim, fantásticas) que habitam as profundezas da Antártida, um lugar onde a vida real é mais estranha do que a ficção. Acompanhe com a gente.

1. Lula colossal

lula colossal é considerada um verdadeiro mistério das águas geladas da Antártida e o maior animal invertebrado do mundo. Desde 1925 foram encontradas apenas oito colossais adultas, sendo que a maior lula encontrada media cerca de 13 metros e pesava quase meia tonelada. Afinal, não é à toa que ela fascina tantos pesquisadores.

O animal gigantesco é um verdadeiro predador e uma das criaturas mais perigosas dos mares antárticos, já que ela possui bicos enormes e ganchos giratórios afiados em seus tentáculos. Justamente por isso, a colossal é constantemente comparada ao Kraken, uma criatura lendária que faz parte da mitologia nórdica.

2. Porco-do-mar

Essas criaturas translúcidas, rosadas e de forma “alienígena” são chamadas de porcos-do-mar. Os porcos marinhos pertencem ao mesmo táxon do pepino-do-mar e habitam as áreas profundas de todos os oceanos, especialmente as do Oceano Antártico. Apesar de se alimentarem no leito das profundezas oceânicas, o que acontece na superfície os afeta diretamente. Além disso, os porcos-do-mar se movem em um ritmo lento e vagaroso para não desperdiçarem energia.

Vale a pena ressaltar que essas criaturinhas não têm nenhuma semelhança com os porcos nadadores que habitam as praias de Nassau, nas Bahamas, hein?!

3. Polvo-dumbo

polvo-dumbo foi batizado com esse nome pelo fato de suas nadadeiras lembrarem o personagem da Disney. Fofo, não? Conectados por um pedaço de pele, seus braços permitem que ele deslize pelas águas geladas com facilidade e com a delicadeza de uma bailarina. O polvo em formato de guarda-chuva habita as profundezas extremas — até 13.000 pés abaixo da superfície. Já pensou se outras criaturas marinhas também tivessem nomes dos protagonistas da Disney?

4. Estrela-do-mar gigante

estrela-do-mar gigante é facilmente encontrada no leito das profundezas do Oceano Antártico. O animal marinho encanta com suas cores vibrantes e impacta quando é encontrado com diversos tentáculos. A estrela antártica pode ter o mesmo tamanho que uma pizza grande, cerca de 38 cm de diâmetro. Já pensou em segurar uma “estrelinha” dessas?

5. Lírio-do-mar gigante

Os lírios-do-mar, também conhecidos como estrelas-pena, são equinodermos que se destacam por sua beleza e suas cores vívidas. A criatura gigante é um dos invertebrados marinhos mais antigos e faz bom uso de seus longos braços para se deslocar pelas águas frias. Seu movimento gracioso é de brilhar os olhos e lembram a delicadeza de uma dança. Os lírios marinhos se alimentam de plânctons e de pequenas partículas levadas pela água. Além disso, os animais coloridos impactam por não serem apenas encontrados em corais, mas também nas profundezas do lugar mais gelado e remoto da Terra.

6. Aranha-do-mar gigante

As aranhas terrestres, em sua maioria, costumam ser pequenas, e as aranhas marinhas também tendem a ser minúsculas, com a exceção da aranha-do-mar que vive nas profundezas geladas da Antártida. Enquanto os restantes das aranhas são do tamanho de uma unha, o aracnídeo antártico tem o tamanho de um prato. As criaturas gigantes não possuem guelras e “respiram” através de suas pernas, o que permite que mais oxigênio seja absorvido em seus corpos, possibilitando que cresçam por mais tempo.

Além disso, esse animal gigantesco é mais comum, e é encontrado em maior variedade, na Antártida do que em qualquer outro lugar do mundo. Dessa forma, nos resta apenas uma dúvida: se a assustadora aranha marinha picasse o Peter Parker, ele se chamaria “HoMar-Aranha”?

7. Medusa gigante

Os braços dessa medusa antártica são surpreendentemente compridos: eles medem cerca de 10 metros de comprimento. Não é à toa que essa criatura gigante é considerada um dos maiores predadores invertebrados do Oceano Antártico. Infelizmente, pouco se sabe sobre essa criatura gigantesca, já que poucas pessoas a viram. Também não se sabe como os seus braços protuberantes são usados para capturar suas vítimas. Talvez essas “cortinas longas” simplesmente se enrosquem em suas presas.

8. Baleia-jubarte

baleia-jubarte viaja do Hemisfério Sul até a Antártida para se alimentar de krills, crustáceos que se parecem com os camarões. Com a chegada de mais jubartes, elas passam a trabalhar em equipe e de maneira coordenada. Dessa forma, as baleias encurralam suas presas em um círculo, fazendo uma rede de bolhas ao redor dos crustáceos para evitar que eles fujam e, então, elas podem capturar mais de centenas, senão milhões de krills de uma só vez.

9. Krill antártico

krill é um dos animais mais abundantes do Oceano Glacial Antártico e está na base da cadeia alimentar, sendo essencial para a sobrevivência do ecossistema do continente gelado. O krill antártico é o maior de sua espécie. Ele mede 6 cm e possui o dobro do tamanho dos animais de outros oceanos, ofuscando sua espécie de águas mais quentes. Segundo cientistas, pode existir cerca de 400 milhões de toneladas de krills nas águas antárticas, sendo o animal mais numeroso da Terra.

O crustáceo com gigantismo (sim, você não leu errado!) possui uma série de órgãos que produzem luz em sua parte interior, embora sua função seja desconhecida. Dessa forma, a luminescência faz com que o krill brilhe em um lindo tom de azul.

Bônus: um filhote de foca para alegrar o seu dia

O que você achou desse mundo misterioso guardado debaixo do gelo e da neve? Quais mistérios você acredita que os mares antárticos escondem? E quais animais você gostaria de ver aqui em nossa lista? Conte para a gente nos comentários.

Compartilhar este artigo