Incrível
Incrível

8 Cães que foram proibidos em diferentes países

Muitos países no mundo regulamentam determinadas raças de cachorros. Isso ocorre devido ao seu perigo em potencial para a sociedade, além da sua agressividade. Alguns são totalmente proibidos, ou restritos na forma de microchip obrigatório, obtenção de autorização especial, esterilização também obrigatória e condições especiais de guarda. Em alguns países, é necessário fornecer até o registro criminal do proprietário e um atestado psicológico.

Nós, do Incrível.club, descobrimos quais são algumas dessas raças não permitidas e restritas. No entanto, acreditamos fortemente que não existem cães agressivos, apenas uma criação inadequada. Mesmo que sejam considerados perigosos, para nós, poderiam ser lindas bolas de pelo em uma família amorosa.

8. Dogue canário

Essa raça abre a lista com o controle de oito países. Eles podem parecer intimidadores, mas, na verdade, são cachorrinhos sensatos e calmos, dedicados aos seus humanos.

7. Rottweiler

Embora os rottweilers sejam muito usados em operações de resgate, sirvam às forças policiais e agrupem perfeitamente o rebanho, dez países os consideram perigosos. Na verdade, são cães de guarda confiantes e peludos brincalhões.

6. American staffordshire terrier

Esse é o cachorrinho mais polêmico. Apesar de 11 países regulamentarem essa raça por lei, ocasionalmente ele entra nas listas dos cães mais populares do mundo.

5. Staffordshire bull terrier

Esse cachorrinho é uma das raças de briga. Apesar disso, são filhotes amigáveis ​​e fofos, recomendados como cães para a família. No entanto, 12 países pensam exatamente o contrário e os proíbem ou restringem sua criação.

4. Fila brasileiro

Os belos e tristes olhos dessa raça revelam que cerca de 14 países as trata com cautela. Para alguns, eles são agressivos, enquanto outros os consideram bons cães de guarda e para o trabalho.

3. Tosa

Esse cachorro japonês é considerado perigoso em 18 países. Foi criado para ser um cão de briga. E o triste é que ainda é usado para isso no Japão com base legal.

2. Dogo argentino

E novamente temos 18 países no mundo que regulamentam esses cães. Dessa vez, o número é para essa beldade argentina, branca como a neve. Felizmente, ao menos em sua terra natal, esses cães não têm restrições e podem ter donos amorosos.

1. Pit bull

Esses fofinhos estão no topo da lista, sofrendo restrição ou proibição em 24 países. Além disso, estão sob controle legal não apenas os próprios animais dessa raça, mas também os cães frutos do cruzamento de pit bull com outras. O American Kennel Club, um dos maiores clubes de registro genealógico de cães de raça pura do mundo, inclusive nem reconhece essa estirpe canina adorável.

Você considera perigoso algum desses cães? Tem um cachorro de estimação? De qual raça?

Incrível/Animais/8 Cães que foram proibidos em diferentes países
Compartilhar este artigo