14 Animais que costumamos temer, mas que não são tão perigosos

O reino animal está cheio de espécies que parecem extremamente assustadoras, mas que, na realidade, são bem inofensivas. Algumas dessas criaturas dão medo por seu tamanho, enquanto outras têm dentes ou presas afiadas. Mas a verdade é que esses animais têm mais o que temer dos humanos que o contrário.

Não se deixe levar pelas aparências. O Incrível.club quer lhe mostrar 14 animais aparentemente perigosos, mas que são completamente inofensivos. Confira!

1. Tubarão-elefante

Ver a boca aberta desse tubarão se aproximando pode parecer um pesadelo, mas não há com o que se preocupar. Ao contrário de outras espécies carnívoras de tubarões, os tubarões-elefantes ou peregrinos se alimentam de plâncton, peixes pequenos e invertebrados. Seu enorme tamanho os coloca no segundo lugar dos maiores peixes do Planeta. Podem medir mais de 12 m e pesar até cinco toneladas.

2. Milípede africano gigante

Os milípedes africanos gigantes podem atingir até 30 cm de comprimento, viver de cinco a sete anos e ter de 300 a 400 patas. Essa estranha criatura vive nas florestas e se alimenta de matéria orgânica das árvores, troncos ou plantas em decomposição. Diferentemente das centopeias, que têm presas e são venenosas, os piolhos-de-cobra não picam e suas secreções para se defender dos predadores são, em sua maioria, inofensivas aos humanos.

3. Falsa-coral

Considera-se a falsa-coral perigosa por se parecer muito com uma das serpentes mais venenosas da natureza, a cobra-coral. Ambas têm um padrão de listras vermelhas, amarelas e pretas, mas uma é completamente inofensiva para os humanos, enquanto a outra é realmente muito perigosa.

4. Porco-do-mar

porco-do-mar (Scotoplanes) é um animal submarino de aspecto extremamente estranho. Para sua locomoção, essas pequenas criaturas utilizam suas patas em forma de tubos. Seu nome deve-se à sua aparência, que se assemelha a um porco.

Vivem no fundo dos oceanos a uma profundidade entre 3.000 e 5.000 m. Muitas pessoas acham os porcos-do-mar aterrorizantes por seu aspecto antinatural, mas essas criaturas só se alimentam de partículas orgânicas.

5. Arraia-jamanta

Essa espécie de arraia (Mobula birostris), a maior do mundo, pode chegar a medir até 7 m de largura. Apesar do tamanho e da aparência estranha, as jamantas não têm ferrão, por isso os mergulhadores não têm nada a temer. Esses animais se alimentam de pequenas presas e plâncton.

6. Abutre

Os abutres podem parecer intimidadores por suas cabeças sem penas, suas grandes asas e o hábito de aparecer apenas quando há um cadáver por perto. Mas essas aves de rapina são inofensivas para o ser humano. Costumam se alimentar de animais mortos, pois suas garras são curtas e mais adaptadas para andar que para matar. Mas quando a comida fica escassa, chegam a caçar presas vivas.

7. Tubarão-baleia

tubarão-baleia é o maior peixe do mundo e pode chegar a medir uns 12 m de comprimento. Assim como o tubarão-elefante, essa espécie se alimenta de plâncton, algas, peixes pequenos e crustáceos. Esses gigantes marinhos não atacam o ser humano. Costumam ser muito carinhosos e brincalhões com os mergulhadores; inclusive existem relatos, embora sem confirmação, de que saem à superfície expondo a barriga para receber afagos.

8. Amblipígio

Esse animal aterrorizante parece uma mistura de aranha e escorpião. Embora provoque espanto e repugnância em muitas pessoas, essa criatura é tímida e pouco agressiva, além disso, não tem veneno, portanto não representa nenhum perigo para o ser humano. É importante não os matar porque eles têm a função de controlar pragas, como as baratas.

9. Besouro-hércules

Esses insetos assombrosos, que podem atingir um comprimento de mais de 17 cm, são uns dos maiores escaravelhos existentes. E os adultos dessa espécie podem levantar objetos 850 vezes mais pesados que eles! Apesar de seus chifres ameaçadores, eles são inofensivos, pois são herbívoros e se alimentam principalmente de frutas.

10. Escorpião-preto

escorpião-preto mede cerca de 4 cm e essa espécie é uma das menos perigosas para os humanos. Se a pessoa for picada, sentirá uma dor similar à picada de uma abelha. Mas é realmente assustador!

11. Salamandra-gigante-da-china

salamandra-gigante-da-china pode chegar a medir 1,8 m de comprimento e é o maior anfíbio do mundo. Esse animal enorme come insetos, peixes pequenos e outros anfíbios. A espécie se encontra ameaçada pela poluição e a caça clandestina.

12. Gambá

Os gambás são possivelmente as criaturas urbanas mais inofensivas e úteis de todas. Normalmente são vistos como uma praga e acusados de derrubar cestos de lixo, mas raramente são uma ameaça e facilmente seguem seu caminho. Muitas pessoas confundem esse animal com uma ratazana por sua cara branca, sua cauda pelada e seus olhos brilhantes.

Podem digerir praticamente qualquer coisa, incluindo ossos de um animal morto e, ao fazê-lo, ajudam a eliminar doenças que poderiam se espalhar graças aos cadáveres e restos de alimentos.

13. Tarântula

As tarântulas causam calafrios em algumas pessoas devido ao seu corpo peludo e suas patas grandes. No entanto, essas aranhas são inofensivas para os humanos. Podem chegar a picar, mas seu veneno é mais fraco que o de uma abelha. Entre os amantes dos aracnídeos, essas aranhas se converteram em animais de estimação populares.

14. Gavial

gavial se parece com um crocodilo em todos os sentidos, exceto por seu focinho longo e fino. Em geral, acredita-se que esses répteis podem atacar um humano, mas, na realidade, sua mandíbula é frágil e o impossibilita de comer mamíferos grandes. Alimentam-se de peixes pequenos, insetos e sapos.

O que você faria se encontrasse com alguma dessas criaturas? Conhece outros animais inofensivos, apesar da aparência ameaçadora? Comente!

Compartilhar este artigo