Incrível
Incrível

10+ Animais brasileiros que mais parecem ter saído de um filme do Harry Potter

O Brasil tem a maior biodiversidade do mundo, logo, é de se esperar que seja lar de muitas espécies esquisitas e pouco conhecidas. Macacos com penteado, cobras que fogem do padrão rasteiro e sapos transparentes são apenas alguns exemplos do que podemos encontrar no nosso querido país. Assim, conhecer esses animais diferentões é quase como uma viagem a outro planeta, mas sem precisar fazer toda aquela viagem espacial. Muitas vezes, não é preciso ir além do seu próprio jardim, já que eles podem estar bem perto de você.

Incrível.club adora descobrir novas espécies do mundo animal e reuniu algumas das mais incomuns encontradas no Brasil. Veja só a seleção!

1. Cobra-de-pernas — A evolução das serpentes

Assim como outras espécies de sua família, esse animal é conhecido como cobra, devido ao corpo alongado. Entretanto, ele é um lagarto, pois tem patas — ou melhor, membros rudimentares. A Bachia scaea foi descoberta em 2013, em Rondônia, e é endêmica da Floresta Amazônica brasileira, ou seja, só é encontrada por lá. Apesar da aparência, é um bicho pequeno, com cerca de 7 cm de comprimento, e também possui outra característica diferente: pode enxergar mesmo com os olhos fechados, graças às suas pálpebras semitransparentes.

2. Sapo de vidro — Anatomia à vista

Também conhecido como rã-de-vidro ou perereca-de-vidro, é encontrado na Floresta Amazônica e nos estados do Sul e do Sudeste brasileiro. Esse nome foi adotado popularmente devido à falta de pigmentação da pele, o que o deixa translúcido e faz com que seja possível ver seus órgãos internos. Cientistas descobriram que essa transparência funciona como uma camuflagem, já que esses sapos adquirem a cor dos objetos ao redor de onde estiverem posicionados. Assim, ficam com a mesma coloração de uma folha ou da casca de uma árvore, por exemplo.

3. Taturana-cachorrinho — Fofo, só de longe

No idioma tupi, “tatarana” significa semelhante ao fogo. Assim, o nome taturana-cachorrinho, ou taturana-gato, entrega que esse é um bicho peludo que faz queimar. A pequena lagarta mede cerca de 8 cm, vive em todo o Brasil e tem espinhos parecidos com o pelo de pets. O toque pode causar queimadura, dor forte e até problemas mais graves, sendo que o tratamento varia entre uma compressa de água quente a um soro específico para esse caso. Ao virar adulta, ela se torna uma mariposa e mantém a pelugem venenosa.

4. Jequitiranaboia — Peculiar, mas inofensivo

Esse é um bicho peculiar, tanto no nome quanto na aparência, sendo associado à imagem de um réptil, por isso, também é conhecido como cobra-de-asa ou cobra-voadora. Entretanto, é inofensivo, inclusive, até os dentes são falsos. Ele vive em todo o Brasil, se torna mariposa quando adulto e tem o estranho costume de andar para trás ou para os lados quando pousa. Ainda, os olhos são bem pequenos, com um tipo de antena ao lado, e só é visto durante o crepúsculo.

5. Poraquê — Mais forte que uma tomada de 220 V

Existem cerca de 250 espécies de peixes-elétricos, mas o poraquê é o único no mundo que pode dar descargas elétricas fortes, que chegam a 860 volts. Apesar desse valor ser quatro vezes mais forte que uma tomada de 220 V, isso não é suficiente para matar uma pessoa, pois as descargas duram apenas 1 a 2 segundos. Esses animais chegam a 2,5 metros e vivem em pequenos riachos da Amazônia, em bandos de dez.

6. Sapos ponta-de-flecha — Um dos animais mais perigosos do mundo

Esses simpáticos anfíbios são bem pequeninos e coloridos, medem cerca de 2,5 cm e podem ter a pele azul, vermelha, amarela, laranja e até verde-limão. Mas não se engane, é justamente a cor que indica o seu caráter venenoso. Sendo que apenas uma minúscula dose pode dar conta de dez adultos, por isso, é considerado um dos animais mais perigosos do mundo. E é daí que vem o nome, pois os índios da Floresta Amazônica, onde eles são encontrados, há muito tempo usam esse veneno na ponta de suas flechas para caçar ou lutar.

7. Urutau — Misterioso e melancólico

Também conhecido como mãe-da-lua ou ave-fantasma, esse pássaro é noturno e tem um canto bem triste. Ele se camufla bem em troncos de árvores e possui uma espécie de olho mágico, que tem uma fenda na pálpebra, o que permite enxergar mesmo com os olhos fechados. Ele se apresenta em diferentes espécies por todo o território brasileiro, onde é objeto de diversas lendas, graças ao seu caráter misterioso.

8. Tocandira — Pequena, mas danadinha

Para uma formiga, ela é grande, medindo cerca de 2,5 cm. Mas para o poder que tem, ela é bem pequena, pois o veneno de uma ferroada pode causar um forte mal-estar e a dor chega a durar mais de 24 horas. Segundo relatos, essa é a picada mais dolorida de todas as formigas da região amazônica, sendo encontrada também em muitos outros estados brasileiros. Na aldeia Sahu-Apé, no Amazonas, os índios Sateré-Mawé passam por um ritual no qual usam uma luva com mais de 100 tucandeiras e precisam resistir por cerca de 30 minutos com a mão lá dentro. Haja coragem, hein?

9. Cuxiú-preto — Sempre bem apresentável

Esse simpático macaquinho, que parece ter um belo corte de cabelo e uma barba muito bem-feita, é endêmico do Brasil e tem uma cauda tão longa quanto seu corpo, cerca de 42 cm. Ele se alimenta apenas de sementes e, infelizmente, está seriamente ameaçado de extinção, devido ao desmatamento das florestas tropicais onde vive, entre o Pará e o Maranhão. Os cuxiús têm uma característica que diferencia a sua família, eles usam as mãos para levar a água à boca, por isso o nome científico, Chiropotes, que quer dizer “o que bebe com as mãos”.

10. Sapo-folha — Quase uma planta

Exclusivo do Brasil, esse animal é encontrado na Mata Atlântica do Nordeste ao Sul do país. Seu nome é uma clara referência ao seu dom de camuflagem, entre as folhas secas das árvores. Além disso, também é conhecido como sapo-boi, devido às suas sobrancelhas, que parecem chifres. Seu nome também poderia ser uma referência a outra característica, aproveitar o disfarce para ficar parado e esperar que bichos menores cheguem perto para ele atacar, se tornando quase que realmente uma planta e economizando energia.

Esses animais são realmente diferentes, não acha? Você já se deparou com algum bicho peculiar em sua cidade? Conte para a gente nos comentários!

Incrível/Animais/10+ Animais brasileiros que mais parecem ter saído de um filme do Harry Potter
Compartilhar este artigo