15+ Animais transparentes provam que nosso planeta é cheio de mistérios

Alguns animais parecem ter encontrado a capa da invisibilidade do Harry Potter, com o objetivo de se protegerem de possíveis ataques de predadores. Alguns deles são totalmente transparentes, exceto pelo par de olhos que revelam a existência de uma criatura viva por baixo de uma pele que parece de vidro. A parte mais interessante é que determinados bichos nem sempre tiveram tal característica. Há aqueles que passaram por processos evolutivos no organismo, adquirindo uma transparência parcial ou completa no decorrer do tempo, como o polvo-de-vidro e o sapo-de-vidro.

Nós, do Incrível.club, não cansamos de admirar a beleza proporcionada pela Mãe Natureza. Por isso, reunimos exemplos de animais que chamam atenção pela transparência de seus corpos. Eles têm um aspecto tão incomum que deixarão você com vontade de vê-los pessoalmente. Confira!

1. Peixe-cirurgião transparente

Talvez você esteja se perguntando por que acha o peixe da foto acima tão familiar. É que ele é parente da Dory, parceira do pai de Nemo na animação Procurando Nemo. O animal da imagem é um indivíduo jovem de uma espécie chamada Acanthuridae. Ele vive em mares tropicais.

2. Caravela-portuguesa

A caravela-portuguesa, ou Physalia physalis, pode até parecer uma água-viva, mas não é. O animal possui tentáculos e uma picada extremamente tóxica e dolorida, fatal tanto para peixes quanto humanos. O nome da criatura decorre de sua esquisita aparência. A caravela-portuguesa é um dos cnidários mais comuns, sendo encontrada na superfície da água do oceano próximo a Portugal.

3. Borboleta-asa-de-vidro

Diferentemente da maioria das borboletas, essa não tem cores intensas, mas se caracteriza pela transparência. A Greta oto é membro da subfamília Danainae, tribo Ithomiini, e subtribo Godyridina. A borboleta-asa-de-vidro, como é mais conhecida, usa as asas transparentes como camuflagem.

4. Peixe-gelo-preto

Chaenocephalus Aceratus é mais conhecido como peixe-gelo-preto, e pertence à classe Actinopterygii, vivendo principalmente no Oceano Antártico. Seu sangue é transparente, assim como seu corpo. O animal se caracteriza ainda pelo frágil esqueleto e pelas guelras esbranquiçadas e gelatinosas.

5. Groselha-do-mar

A intrigante criatura, que parece uma bolinha de vidro, é a Pleurobrachia pileus, mais conhecida como “groselha-do-mar”. Podendo chegar a 2,5 centímetros, ela vive em mar aberto. Seus tentáculos têm 20 vezes o comprimento do resto do corpo, e são usados para envolver as presas.

6. Camarão-fantasma

O Palaemonetes paludosus é outro bicho transparente, cujo nome popular é camarão-fantasma. Originário do sudeste dos Estados Unidos, trata-se de um camarão transparente. O animal gosta de águas fresquinhas, como as de lagos, e se alimenta de plâncton. A transparência funciona como uma eficaz camuflagem.

7. Salpa Maxima

Salpa maxima faz parte de um conjunto de espécies de tunicados planctónicos da família Salpidaeis, e sua forma lembra um barril. A gelatinosa estrutura de seu corpo ajuda na movimentação dentro da água, já que faz movimentos de contração para bombear o líquido. A Salpa maxima gosta de águas geladas e pode ser vista tanto sozinha quanto em colônias, que formam longas cadeias.

8. Sapo-de-vidro

Muita gente sequer consegue imaginar a existência de um sapo transparente. Mas ele existe, e vive no sul dos Estados Unidos. Conhecido popularmente como sapo-de-vidro, o anfíbio pertence à família Centrolenidae. Geralmente, eles possuem um tom de verde, mas é possível encontrar indivíduos totalmente transparentes. Assim, seus órgãos internos, como o coração, ficam visíveis.

9. Amphipod Cystisoma Neptuni

Amphipod Cystisoma Neptuni é uma criatura Amphipoda que vive em grandes profundezas e tem o corpo transparente. A camuflagem, que protege o animal contra predadores, é tão eficaz que ele só pode ser visto em fotos graças à luz do flash da câmera.

10. Água-viva imortal, ou Turritopsis Dohrnii

Certamente, a Turritopsis Dohrnii pode ser considerada uma das criaturas mais impressionantes do mundo, já que é imortal. Essa água-viva habita águas na região mediterrânea e no Japão. Seu ciclo de vida não tem fim, diferentemente de outras águas-vivas na natureza. Os especialistas ainda estão muito intrigados com as características de seu organismo.

11. Polvo-de-vidro, ou Vitreledonella Richardi

O polvo-de-vidro, cujo nome oficial é Vitreledonella richardi, pode até parecer uma escultura, mas é de verdade. Ele faz parte da família Amphitredidae family, é gelatinoso e totalmente transparente, sendo encontrado em mares tropicais. O animal não é especialmente grande, com tamanho geralmente variando entre 11 e 45 cm.

12. Lesma-do-mar

Pelagic Nudibranch, ou lesma-do-mar, é um dos gastrópodes mais conhecidos. Essa caçadora que vive em mar aberto imita peixes, tanto em forma do corpo quanto em movimento. Para capturar suas presas, exclusivamente águas-vivas, ela usa uma estrutura que lembra um chifre. O corpo do animal não atinge grandes proporções, chegando, no máximo, a 5,5 cm de comprimento.

13. Enguia-de-vidro

enguia europeia é conhecida como enguia-de-vidro por motivos óbvios. Ela vive em rios da Europa, e seu comprimento varia entre 60 e 80 cm, mas há registros raros de indivíduos que chegaram a 1,5 m de comprimento. O animal tem longa expectativa de vida quando em cativeiro (80 a 150 anos), mas não existem números a respeito do tempo de vida entre aqueles que vivem no habitat natural.

14. Filhote de baiacu-chifrudo

A bela criatura da foto acima é um filhote de baiacu-chifrudo. O peixe costuma viver nas proximidades de corais situados em lagoas. Além do corpo translúcido nas primeiras etapas da vida, o baiacu-chifrudo tem outra particularidade: em vez de nadar, ele boia durante a maior parte do tempo.

15. Besouro-de-ouro

Apesar de nem parecer real, esse belo inseto é mais uma curiosa obra da Mãe Natureza. O Charidotella sexpunctata, mais conhecido como besouro-de-ouro, pertence à família Chrysomelidae, que possui dez subfamílias. É interessante ver como a cor do inseto muda no decorrer de sua vida e também durante a fase de acasalamento. Quando em situações de estresse, o besouro-de-ouro ganha tons avermelhados.

16. Anjo-do-mar

O Gymnosomata, ou anjo-do-mar, é um molusco que habita as águas do Oceano Ártico. Ele é hermafrodita e se alimenta ao mesmo tempo em que se movimenta pela água. Com o corpo todo transparente, o animal possui estruturas que lembram asas de anjos, usadas para seu deslocamento.

17. Lula-vítrea

Os animais da família Cranchiidae são conhecidos popularmente como lulas-vítreas. A família conta com aproximadamente 60 espécies conhecidas, sendo que os indivíduos costumam ter entre 10 cm e 3 m de comprimento. A pele praticamente transparente é usada como camuflagem, permitindo que o animal se proteja dos predadores. A característica também ajuda as lulas-vítreas a capturarem suas presas.

18. Caracol com concha transparente

Não é comum encontrar conchas transparentes, mas a “casa” desse caracol chama atenção justamente por ter tal característica. Seu nome científico é Zospeum tholussum, e ele foi descoberto há pouco tempo, em 2013, nas profundezas de uma caverna na Croácia. A espécie é bem pequena, medindo cerca de 3 mm. O molusco não enxerga, e nós achamos que ele é uma gracinha!

Muitas das criaturas mostradas nesse post parecem saídas de outro planeta. Você já teve a chance de ver alguma delas pessoalmente? Qual delas gostaria de observar mais atentamente? Comente!

Imagem de capa kaschiee / Instagram
Compartilhar este artigo