Incrível
Incrível

Como descobrir qual é o seu tipo de cabelo e como tirar o máximo proveito dele — nem todos os cabeleireiros sabem disso

Para qualquer mulher isso soa familiar: quando os cabelos são lisos, você tem vontade de ter cabelos ondulados, ou inversamente, se possui cabelos crespos, morre de vontade de tê-los bem lisos. As mudanças são sempre bem-vindas, mas se souber qual é o tratamento certo para o seu tipo de cabelo, é possível realçar a sua beleza ainda mais. Além disso, os problemas como frizz simplesmente desaparecerão.

Nós do Incrível.club estudamos a classificação de diferentes tipos de cabelo inventada pelo famoso hair stylist Andre Walker. Os cabeleireiros experientes se baseiam nessa abordagem. Para descobrir o seu tipo de cabelo, será preciso lavá-lo e escová-lo suavemente ainda úmido, deixando os fios secarem sem o uso do secador ou de produtos para pentear.

Quais são os tipos de cabelo?

Liso (1): não formam ondas, os penteados para formar cachos não se mantêm por muito tempo e o cabelo retorna muito rapidamente ao seu formato original.

  • 1A: cabelo fino e macio, não é volumoso, pode ter frizz por causa de sua leveza e ficar sujo rapidamente.
  • 1B: cabelo de espessura média, as raízes mantêm o volume moderadamente.
  • 1C: cabelo grosso e resistente, as raízes mantêm bem o volume.

Ondulado (2): tem ondas em forma de “S” em diferentes variações.

  • 2A: cabelo de espessura média, as ondas têm a forma de “S”, são pouco perceptíveis e podem não ter volume suficiente. Sem pentear, pode parecer um intermediário entre o cabelo liso e o ondulado. Pode enrolar um pouco nas pontas.
  • 2B: cabelo mais pesado, ondas visíveis na forma de “S” que nascem da coroa. Muitas vezes, possui bastante frizz na parte superior da cabeça, perdendo assim a definição dos cachos.
  • 2C: cabelo que parece ser uma mistura dos cabelos ondulados e crespos. É mais rebelde do que alguns tipos de cabelos ondulados, que são fáceis de alisar. Em um clima úmido, fica ondulado instantaneamente.

Encaracolado (3): cabelo bastante denso, com cachos pronunciados. A diferença de comprimento entre os fios de cabelo lisos e a mecha no estado natural enrolado é de 12 a 20 centímetros.

  • 3A: cachos grandes e definidos na forma de “S”. Cabelos propensos à porosidade, mas se forem alisados com chapinha mantêm a forma por bastante tempo.
  • 3B: cachos não tão grandes, mais densos e duros, muito difíceis de passar a chapinha. Os fios mantêm bem sua forma natural e são menos propensos à porosidade.
  • 3C: cachos menores. O cabelo em si é fino, mas mais grosso e mais denso do que os tipos de cabelos anteriores, e é por isso que parece mais volumoso.

Muito crespo (4): este tipo de cabelo é mais comum em afrodescendentes. Os cachos são difíceis de manipular, parecem muito volumosos e grossos, embora na realidade seja um cabelo bastante fino e quebradiço. A diferença de comprimento entre as mechas lisas e as mechas no estado crespo natural é de 22 a 30 centímetros.

  • 4A: cachos na forma de espiral, são pequenos e definidos, o cabelo é fino, suscetível à danos externos, muito frágil.
  • 4B: enrola-se em ziguezague.
  • 4C: de todos os tipos de cabelo este é o mais rebelde e resistente, os cachos podem ser em espiral ou não possuem uma forma definida, são muito difíceis de pentear.

Como cuidar do seu cabelo para que ele fique o mais bonito possível?

Liso

  • Lavar — Esse tipo de cabelo deve ser lavado com mais frequência do que os outros, porque rapidamente fica oleoso. Escolha shampoos leves e condicionadores que dão volume, sem óleos pesados ​​na composição, especialmente para o tipo 1A. Os shampoos de argila terapêutica dão um bom efeito, ajudando os cabelos a ficarem limpos por mais tempo. Não ignore o uso de produtos antirresíduos, para que o seu cabelo fique mais “livre”.
  • Cuidados — Pode-se usar um leve spray para alisar para remover o frizz dos cabelos lisos (preste atenção se não há grande quantidade de óleo na sua composição).
  • Arrumar — O cabelo liso tolera melhor o secador em temperaturas mais altas do que os outros tipos de cabelo, mas ainda é melhor dar preferência a temperaturas mais baixas e sempre usar uma proteção térmica.
  • Penteado — Para os cabelos lisos, é melhor escolher cortes de cabelo do tipo “cascata”, para criar um efeito de movimento. Nos cabelos finos do tipo 1A, os cachos e o volume não vão se manter por muito tempo, mas o cabelo ficará bem com tranças ou penteados presos modernos.

Ondulados

  • Lavar — A principal tarefa é manter o volume do cabelo; ao mesmo tempo, eliminando a porosidade e o efeito “acabei de levantar”. É necessário usar shampoos, condicionadores e máscaras com efeito hidratante, mas que não sejam pesadas, os produtos mais apropriados são os com extratos de frutas e ervas.
  • Cuidados — Para não ressecar o cabelo demais e “fixar” bem a umidade, aplique loções capilares à base de óleos leves (sementes de uva, linhaça, mostarda) desde a parte central até as pontas. Várias vezes por semana inclua produtos com efeito de hidratação profunda. Os cabelos dos tipos B e C absorvem bem a umidade.
  • Arrumar — Você não deve secar totalmente o cabelo, uma vez que estraga as ondas naturais, provocando porosidade. É melhor deixá-lo secar naturalmente, ou usar um secador de cabelo com ar frio. Não use produtos de fixação fortes (especialmente para o tipo 2A), porque o cabelo fica mais pesado, “estica” e perde o volume.
  • Penteado — Escolha os cortes de cabelo que não tenham linhas claras e transições abruptas, caso contrário, terá de usar chapinha para que ele fique bonito. As ondas se desarmam com muita facilidade, portanto, tenha em mente que é improvável que o penteado retorne ao seu estado original, após tê-lo amarrado por um tempo em um rabo de cavalo ou feito trança. Os cachos mais persistentes são do tipo 2C.

Crespo

  • Lavar — O objetivo é o mesmo no caso dos cabelos ondulados: reter a umidade máxima no cabelo (os cabelos crespos são muito propensos ao ressecamento). Você pode escolher shampoos e condicionadores especificamente para esse tipo de cabelo, com óleos e ingredientes altamente hidratantes na composição. Escolha shampoos que não contenham sulfatos, uma vez que ressecam o cabelo, por isso não são adequados para os cabelos crespos.
  • Cuidados — Use condicionador e máscaras capilares sem enxágue, pois eles ajudarão a dar forma aos cachos — mas não use máscaras com silicone, pois elas selam a cutícula do cabelo e impedem a penetração de umidade em seu interior. Também é melhor deixar o seu cabelo secar naturalmente. Se você tiver que usar secador de cabelo, o ar deve estar frio e um difusor ajudará a manter a forma dos cachos. Os melhores óleos para o cuidado são: jojoba, amêndoa, argan, coco, azeite de oliva. Os cabeleireiros recomendam dormir com uma fronha de seda, porque protege o cabelo da fricção excessiva, evitando o frizz.
  • Arrumar — É melhor pentear o cabelo crespo quando ele ainda estiver molhado. Se perder esse momento, o cabelo vai acabar muito emaranhado e será impossível penteá-lo. Esse tipo de cabelo é muito difícil de alisar com chapinha e o próprio processo tem um efeito negativo na sua estrutura — resseca os fios muito facilmente.
  • Penteado — Quanto mais curto for o cabelo, mais ele vai encrespar. No salão, você deve explicar que não é necessário umedecer o cabelo antes de cortá-lo, pois o corte adequado pode ser determinado trabalhando apenas com os cachos secos e usando técnicas adequadas para eles.

Muito crespo

  • Lavar — Considera-se que esse tipo de cabelo não deve ser lavado com frequência, e os shampoos devem ser os mais delicados possíveis. Além disso, organize os dias sem shampoo: aplique condicionador no cabelo molhado e enxágue. Isso lhe dará a umidade necessária e limpará suavemente o cabelo.
  • Cuidados — Para disciplinar os cachos, você pode usar produtos para pentear, como óleos ou loções. No entanto, é quase impossível que os cachos 4C se adaptem a modificações. Preste atenção às pontas, pois elas são muito frágeis nesse tipo de cabelo e precisam de hidratação adicional.
  • Arrumar — A melhor opção para esse tipo de cabelo é secar os fios com ar frio e com um bocal difusor, mas só depois de ter secado ao máximo com toalha. Se usar um secador de cabelo, os cachos perderão sua forma definida.
  • Penteado — Tenha em mente que quanto mais curto for o cabelo, mais caóticos serão os cachos. O comprimento ideal para os cabelos crespos é na altura dos ombros e abaixo deles.

Esperamos que nossas dicas sejam úteis e que você aproveite elas ao máximo. Compartilhe quais recomendações você achou mais adequadas para o seu tipo de cabelo deixando um comentário!

Incrível/Dicas/Como descobrir qual é o seu tipo de cabelo e como tirar o máximo proveito dele — nem todos os cabeleireiros sabem disso
Compartilhar este artigo