Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Como responder perguntas indelicadas e colocar pessoas mal-educadas no seu devido lugar

Eventualmente, todos temos de lidar com grosserias, falta de noção ou com perguntas inadequadas. E enquanto alguns sabem como colocar uma pessoa insolente no seu devido lugar na hora certa, outros ficam perdidos e passam noites em claro imaginando como poderiam ter respondido em uma determinada situação.

A equipe do Incrível.club sempre quis aprender a se defender de ataques verbais da mesma forma que o Neo se esquiva das balas em Matrix, ou seja, rápida e eficientemente. Por isso, ficamos muito felizes quando encontramos frases prontas capazes de mudar qualquer conversa desagradável a nosso favor.

O que são essas frases mágicas?

  • Estamos falando de frases com duplo sentido que podem facilmente deixar o interlocutor confuso. O psicólogo Vadim Petrovsky e o jornalista Alexey Khodorych da Rússia reuniram mais de mil frases tiradas de obras cinematográficas, literárias e da vida cotidiana, em um livro chamado Como chegar a um acordo sobre qualquer assunto com todo tipo de pessoa (em tradução livre) e em sua edição ampliada.

  • Essas frases funcionam, porque quebram padrões de uma conversa trivial, além de surpreender e confundir o interlocutor. Elas podem ser usadas para atacar e se defender, flertar e fazer negócios, livrar-se de manipuladores e dar boas gargalhadas.

  • Frequentemente, são clichês ou piadas sem muito sentido e que fazem seu oponente pensar sobre o que você realmente quis dizer. Devido a isso, a pessoa baixa a guarda e começa a dialogar de maneira mais adequada (ou simplesmente para de fazer perguntas tolas).

  • De acordo com os autores, essas frases se encaixam em boa parte das ocasiões. Para provar essa constatação, aplicamos 30 delas em algumas situações hipotéticas do dia a dia.

1. Provocação e perguntas inconvenientes

Outras respostas:

  • “Pode reformular sua pergunta? É muito importante para mim!”
  • “Não precisa falar dessa forma grosseira ​​para demonstrar preocupação.”
  • “Espero que o que acabou de dizer fique só entre nós.”
  • “Por acaso, está falando mal de mim?”
  • “É uma boa pergunta, mas por que devo respondê-la?”

A que situação se aplica: perguntas sobre seu salário ou o preço de seus pertences, ou comentários ácidos sobre suas roupas.

2. Pressão para tomar decisões

Outras respostas:

  • “Confúcio previu tudo, exceto isso.”
  • “Só a chuva sabe quando uma flor vai desabrochar.”
  • “Tudo depende do clima.”
  • “Só posso responder daqui a três dias, assim é o procedimento.”
  • “Vou pensar nisso amanhã.”

A que situação se aplica: perguntas do tipo: “Quando vão encontrar um bom emprego ou vão comprar um carro?”, ou comentários sobre sua vida.

3. Interferência na vida pessoal

Outras respostas:

  • “Suponho que você seja mais inteligente do que eu, por isso acredito que, um dia, vou te entender.”
  • “O amor requer paciência.”
  • “Não posso te dizer toda a verdade, mas tenho motivos para isso, e boa parte deles são ideológicos.”
  • “Às vezes, o caçador e a presa trocam de papéis... Entende do que estou falando?”
  • “O fracasso é uma sorte disfarçada.”

A que situação se aplica: perguntas do tipo “Por que uma garota tão linda está solteira?”, ou tentativas da sua família de apresentar “um homem perfeito” para você.

4. Manipulação

Outras respostas:

  • “É uma indireta para mim?”
  • “Não estou feliz em ouvir isso de você.”
  • “Não entendo o que você quer dizer. Infelizmente, preciso que explique melhor.”
  • “Qual será o seu próximo erro?”
  • “Diga o que quiser, mas lembre-se de que não tem como voltar a fechar a caixa de Pandora.”

A que situação se aplica: seus colegas tentam sobrecarregar você com as tarefas deles, sua mãe compara você com o filho ou a filha de uma amiga dela ou um dos cônjuges culpa seu parceiro por dedicar tempo demais aos seus amigos.

5. Crítica e julgamento alheio

Outras respostas:

  • “Você fala como se gostasse de mim.”
  • “Desculpe, mas quem é você?”
  • “Pode repetir o mesmo em inglês, por favor?”
  • “Você aprendeu mais alguma coisa na vida, além de más maneiras?”
  • “E como se sente com isso?”

A que situação se aplica: ofensas na Internet, críticas sobre a aparência vindas de seus vizinhos ou lições de moral por parte de desconhecidos.

Vamos jogar um jogo! Deixe uma pergunta provocativa, inadequada ou boba nos comentários, e os outros leitores vão tentar respondê-la de maneira astuta, mas gentil. Você não precisa usar os exemplos acima, pois temos certeza de que você é capaz de pensar em uma frase ainda mais bacana.