Incrível

16 Regras de etiqueta que os millennials costumam seguir, contrárias a hábitos antigos

5321
26k

A geração dos millennials, que nasceram entre 1981 e 2000, cresceu e amadureceu. São eles que ditam as regras do jogo na atualidade. Porém, estudos mostram que suas regras de etiqueta e a visão de mundo é completamente diferente dos conceitos de bem e mal da geração dos seus pais, que são da geração X.

A equipe do Incrível.club analisou os resultados do questionário feito para a geração Y e gostaria de compartilhar algumas das suas características mais evidentes.

1. Segundo a geração dos millennials, ceder o lugar e segurar a porta são regras que saíram de moda

16 Regras de etiqueta que os millennials costumam seguir, contrárias a hábitos antigos

A maioria dos representantes da geração Y acredita que boas maneiras, como pedir desculpas e agradecer, estão fora de moda. Segundo eles, não tem nada de errado em colocar os cotovelos na mesa ou deixar de dizer “Saúde!” quando alguém espirra. Já segurar a porta ou ceder lugar no transporte público pode ser considerado um sinal de ageismo ou sexismo, isto é, a discriminação por idade ou sexo, que pode fazer com que a outra pessoa se sinta insultada.

2. Jogar lixo na rua é um desaforo

16 Regras de etiqueta que os millennials costumam seguir, contrárias a hábitos antigos

Em 2015, o americano Stephen Reinhold saiu do estado de Wyoming e viajou para a Califórnia com seu amigo, passando de carro por uma linda paisagem repleta de colinas e vales. Um dia, um comprovante de pagamento saiu voando pela janela aberta do carro, mas Stephen não voltou para pegá-lo. Sentindo-se envergonhado, ele prometeu coletar 100 pedaços de papel encontrados na rua durante sua jornada e, após voltar para casa, lançou o desafio #trashtag. Quatro anos depois, quando uma publicação de outro usuário do Facebook, Byron A Román, com fotos do antes e depois de uma coleta de lixo viralizou na Internet, o desafio ganhou grande popularidade pelo mundo. A maioria dos millennials não apenas acha que é proibido jogar lixo nas ruas, mas também limpa o que foi jogado por outras pessoas. Além disso, entre os novos “pecados mortais” para a geração dos millennials, estão os seguintes:

  • ouvir música alta;
  • falar muito alto no transporte público;
  • usar o celular durante o almoço;
  • ler as mensagens de outras pessoas;
  • ocupar muito espaço em um transporte público lotado;
  • conversar com alguém olhando para o celular, não para a sua companhia;
  • usar fones de ouvido durante uma conversa pessoal;
  • ativar o viva-voz em lugares públicos e não ativar o modo silencioso em lugares como o cinema;
  • ver fotos no celular de outra pessoa sem pedir permissão;
  • praticar ghosting, ou seja, deixar de ter contato com uma pessoa sem dar explicações.

3. A etiqueta digital é tão importante quanto as boas maneiras na vida real

16 Regras de etiqueta que os millennials costumam seguir, contrárias a hábitos antigos

Até 2025, a geração dos millennials ocupará 75% dos postos de trabalho. Como na vida pessoal, no trabalho eles preferem a comunicação virtual via mensagens de texto à comunicação real e ligações. Alguns até acreditam que ligar para alguém seja um ato rude, porque isso coloca suas necessidades acima das necessidades da outra pessoa e faz com que ela se distraia em função da sua chamada. Por isso é melhor escrever uma mensagem. Também não surpreende o surgimento de uma etiqueta digital sob influência da realidade virtual, que os millennials vivem diariamente. Aqui estão algumas das regras:

  • é proibido compartilhar notícias de mudanças importantes na vida de seus amigos nas redes sociais, antes que eles mesmos façam isso;
  • ignorar alguém nas redes sociais é grosseiro;
  • é inadmissível contar spoilers de séries, filmes e programas de TV recém-lançados;
  • evitar TMI (too much information — “muita informação”), ou seja, abrir mão de publicar um monte de fotos com crianças e animais de estimação e postar apenas as melhores;
  • não se gabar de suas conquistas, recorrendo à falsa modéstia (chamada de humblebrag): em vez de dizer “não sei administrar dinheiro e hoje gastei 3 mil reais com uma bolsa, de novo”, é melhor se vangloriar abertamente;

Bônus: este homem protesta contra “grandes problemas mundiais”. Ele tem um milhão de seguidores em sua conta “@dudewithsign” (cara com cartaz, em tradução livre) no Instagram

“Pare de usar fotos em grupo no seu perfil em sites de relacionamento.”

Quais comportamentos você considera inadequados na Internet?

Ilustrado por Natalia Okuneva-Rarakina exclusivo para Incrível.club
5321
26k