Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

12 Tendência que devem ficar em 2017 e as novidades para 2018

----
16k

Embora o tempo da moda seja cíclico, as tendências vêm mudando cada vez com mais rapidez, exigindo de todos nós muita agilidade e atenção.

Decidimos pesquisar o que os especialistas de moda sugerem para 2018. Claro que não são regras, afinal de contas, quem faz a moda somos nós, e o importante é se sentir bem, mas vale a pena dar uma olhada.

Colocamos aqui apenas as opiniões de pessoas que trabalham no setor.

Camisetas com mensagens divertidas vs. camisetas com mensagens profundas

O ano de 2018 promete uma tendência interessante: declarações sérias e verdadeiras nas camisetas. Bom, em 2017 essa moda já existiu, mas dizem que a coisa vai ficar mais séria. As frases não serão rasas. Por meio das frases em camisetas as pessoas irão deixar clara a sua visão de mundo. Marcas como Dior, Haider Ackermann, Prabal Gurung, Ashish e outras já mostraram coleções com mensagens para 2018.

O estilo do Instagram vs. ternos elegantes

O estilista Louis Verdad veste muitas celebridades de Hollywood, entre elas Cate Blanchett, Madonna, Milla Jovovich e Eva Longoria. Segundo ele, no próximo ano a moda de se vestir como Kim Kardashian não será tendência. Precisaremos nos despedir das calças jeans rasgadas, leggins, cintos, corsets e roupas muito justas. Elas serão substituídas por um estilo clássico, que não significa menos atraente ou charmosa, mas talvez menos vulgar.

Dior, Lanvin e Dolce & Gabana são as marcas que mais adaptaram a nova ideia e já apresentaram suas novas coleções. Os estilistas propõem misturar suas roupas com alguns elementos de roupas do dia a dia.

Detalhes de pele vs. acessórios têxteis

A colunista e estilista Amanda Brooke afirma que em 2018 não veremos mais acessórios de pele, incluindo os pompons das famosas pantufas Gucci. Segundo especialistas, eles serão substituídos por lenços de marcas como Gucci, Antonio Marras, MSMG e Moschino. Além disso, o lenço terá que ser amarrado embaixo do queixo, como na época de nossas avós. Outros acessórios, como luvas compridas e gravatas, também devem voltar a estar na moda.

Sapatos incômodos vs. cômodos

A designer de calçados Joan Oloff prefere sapatos que, além de elegantes, sejam cômodos e não apertem. Joan afirma que a moda de hoje em dia se encaminha cada vez mais para o lado do conforto e o calçado espetacular e incômodo ficará no passado. A estilista promete que na primavera de 2018 não precisaremos mais escolher entre a comodidade e a elegância. O mesmo foi afirmado por quem trabalha na Prada e na Alexander McQueen.

Colares choker vs. acessórios grandes

Em 2018, colares de vários níveis e chokers serão substituídos por grandes colares, brincos e aneis. Se você não está pronta para chamar atenção desta forma, outra tendência pode parecer melhor: pérolas. Os estilistas afirmam que poderemos usar não apenas colares e anéis de pérolas, mas elas estarão em cintos, chapéus e até mesmo em sapatos.

Além disso, as correntinhas e as peças de couro voltarão com tudo. Várias marcas famosas, entre elas Lanvin, Louis Vuitton, Chanel e Vetements, apresentaram essa tendência nos últimos desfiles.

Estilo hippie vs. estilo country

Aparentemente, os estilistas já estão saturados e conhecem bem até demais os temas hippies, e esse estilo chegará ao fim em 2018. Não obstante, outro estilo do passado pretende voltar: o country. Donatella Versace e Diane von Furstenberg apresentaram muitas variações sobre o tema em suas coleções para 2018, assim como muitos outros estilistas famosos.

Ombro de fora vs. ombros no estilo anos 80

A estilista Ali Levine tem certeza que a moda dos ombros de fora vai ficar em 2017. Os decotes não vão desaparecer, mas estarão nas costas e no meio da zona frontal. Além disso, as jaquetas com ombreiras no estilo anos 80, em geral muito largas, voltarão a estar em alta. Essas modificações irão afetar blazers, camisas, vestidos e jaquetas em geral.

Cores intensas vs. branco

A tendência em 2017 era cores intensas e brilhantes, como por exemplo amarelo, azul, verde esmeralda e vinho. Em 2018, elas serão substituídas pelo branco. Se você não está pronta para uma imagem completamente branca, capriche nos acessórios (incluindo os sapatos). A única questão que complica é que o branco suja muito mais facilmente.

Desenhos étnicos vs. brilho

Os desenhos étnicos sem nada de brilho ficarão na memória do ano de 2017. Os estilistas quiseram mudar esse padrão e prometem muito brilho para 2018. Pedras preciosas, lantejoulas e cristais, tudo isso e muito mais deve voltar com tudo no próximo ano. Marina Larroude, diretora de moda da Barneys New York, está de acordo com essa tendência.

Simetria vs. penteado 'bagunçado'

Em 2018, esqueça os penteados muito arrumados. Cachos rebeldes e cortes menos exigentes serão tendência, o que dará uma grande liberdade para que uma imagem mais leve e moderna possa ser alcançada.

Sobrancelhas delineadas vs. sobrancelhas naturais

Talvez esse seja o elemento que mais transformações sofreu nos últimos anos. Basta você se acostumar com uma nova tendêndia que os especialistas dizem que as sobrancelhas devem ter outro aspecto. O ano de 2018 não será uma exceção. Calma, as sobrancelhas muito finas não vão voltar, mas os desenhos muito 'gráficos' irão desaparecer. Não recomendamos delineá-las ou deixá-las escuras demais. No lugar, a cor deve ser mais clara e o formato deve ser mais natural.

Maquiagem forte vs. maquiagem 'descuidada'

O próximo ano dará mais liberdade para todas nós. Além de sobrancelhas mais naturais, a maquiagem não será tão exigente como antes. O rosto maquiado demais não estará na moda. Um leve descuido será bem visto. Além disso, diremos 'adeus' aos lábios muito delineados. Dizem que o ideal é que o lábio pareça 'recém-beijado'. Olha que maravilha!

O minimalismo voltou com tudo. Esqueça as mil sombras e use apenas duas e com uma transição discreta. É isso que 2018 nos prepara.

----
16k