20 Histórias sobre primeiros encontros que parecem cenas de filme de comédia

O primeiro encontro pode ser um momento tenso, afinal, as pessoas ainda não se conhecem direito e há muita expectativa. Nisso, coisas engraçadas podem acontecer, tudo incentivado pelo nervosismo que, geralmente, também está presente nesse momento. Apesar disso, o sufoco passa e o que fica são ótimas lembranças e, muitas vezes, relacionamentos duradouros.

Nós, do Incrível.club, adoramos boas histórias e perguntamos aos nossos leitores se eles tiveram um primeiro encontro que merecesse ser compartilhado. Aqui estão alguns dos melhores relatos. Confira!

  • O bonitão me chamou para ir à formatura de um amigo dele. Fiquei super feliz, comprei vestido, fui ao cabeleireiro, super produção mesmo. Ao chegarmos à portaria, fomos barrados... A formatura era na próxima semana. Quase matei o cidadão! Mas pensei melhor e me casei com ele. Já se vão 15 anos e temos dois filhos. Ah, e ele ainda faz algumas dessas, às vezes. © Vanessa Romero / Facebook
  • Foi na primeira visita dele para conhecer meus pais. Entre a garagem e o restante da casa, havia uma porta de vidro e estava fechada. No nervosismo, ele nem a percebeu e deu de cara no vidro. Fez um barulhão enorme, a gente não sabia se ria ou se disfarçava. © CristinaÁvalos LopesSalgado / Facebook
  • O cara tinha uma pelinha na boca... aquilo ficou a noite inteira me incomodando, até que pedi licença e puxei devagarinho... Hoje, o cara é meu marido e essa foi só a primeira que aprontei com ele “sem querer querendo”. © Cristina Vianna / Facebook
  • Fiz uma maquiagem bem bonita para impressionar o rapaz no encontro e ele me perguntou assim: por que você está com a cara pintada? Estamos casados há 12 anos, mas na hora me deu uma raiva. © Lucy Godoy / Facebook
  • Fui conhecer os pais dele e o cardápio foi bacalhoada, com muitas azeitonas. Eu, morta de vergonha, não sabia o que fazer com os caroços. Então, engoli todos... depois, o pai dele me perguntou: ’menina, onde estão os caroços das azeitonas que coloquei no seu prato?’. Todo mundo parou e, rindo muito, começaram a brincar, falando cada coisa que quase chorei de vergonha... Enfim, casei-me com ele. © Eliane Machado / Facebook
  • Ele veio me buscar em casa de Harley, coisa mais linda a moto! Estávamos parados no sinal, aí um carro buzinou e avisaram que eu ia queimar meu pé. Fiquei sem entender nada e o cara falou que meu pé estava no lugar errado. A sola do meu sapato ficou toda no escapamento da moto. © Patricia Reck / Facebook
  • Ele foi me elogiar, aí disse que eu era linda e que queria me EMPANAR. Fiquei sem saber, mas depois entendi que ele queria me EMPALHAR, para sempre ficar me olhando. Achei muito fofo e engraçado. Hoje ele é meu marido. Obs: sai fora com essa de querer me empanar, já me imaginei igual a um nugget. © Raíra Fernandes / Facebook
  • Fomos juntos ao rodízio de sushi, mas ambos estávamos nervosos. Fomos conversando atrapalhados e entramos. Aí, começa a passar pizza toda hora, pensei: deve ser rodízio de pizza e sushi. Demoramos uns 15 minutos para entender que entramos no lugar errado, era uma pizzaria, o rodízio de sushi era ao lado. © Niih Almeida / Facebook
  • No fim do jantar, o garçom chegou com a conta, aí peguei minha bolsa para dividir e o cara se levantou e saiu. Como assim? Mas tudo bem, paguei. Quando estávamos saindo, ele começou a rir com o garçom, que me devolveu o dinheiro. Ele era amigo do dono do restaurante e já havia acertado a conta. Não deu namoro nem casamento, mas até hoje é meu amigo. Uma amizade que vamos levar para o resto das nossas vidas. © Jacqueline Rodrigues Ferreira / Facebook
  • Fomos até um posto abastecer o carro e ele estava tão empolgado que se esqueceu de pagar e de tirar a mangueira do tanque. Logo depois, paramos o carro e pagamos. © Mishelly Mendes / Facebook
  • Marquei um café com alguém com quem já falava há alguns meses. Quando cheguei, ele tinha um BIGODE! Pensei em fugir, mas o meu cabelo era rosa e ia ser vista, então fui... Pensei ser o último episódio da saga, mas já vamos completar três anos de namoro. E o BIGODE nem fica tão mal assim. © Bubamara Ferrao / Facebook
  • Desci do carro na maior elegância e caminhei na calçada me sentindo a garota de Ipanema. A pessoa atravessou a rua e veio em minha direção. Do nada, levei um tombo! Minha calça era cinza e ficou com dois borrões no joelho. Decidi me levantar, ir até o restaurante e fingir que nada de mais havia acontecido. Ludimila Campolina / Facebook
  • Meu primeiro encontro foi mágico... Marcamos em uma noite de lua maravilhosa e lá estávamos, admirando aquele luar lindo e quem aparece? Minha mãe! Na hora, levei um susto e saí de perto dele rapidinho. Ainda tomei uma bronca na frente do moço. Vergonha demais! Fui para casa chorando... Hoje sou casada com ele, temos dois filhos e 12 anos de casamento. © Ana Kelly / Facebook
  • Estava com uma amiga que se dispôs a ficar comigo até ele chegar. Esperei mais de duas horas e o telefone nem chamava. Aí, minha amiga se cansou e foi embora. Sei lá por que continuei sentada. De repente, ele surge como se estivesse chegando no horário certo. Enfim, valeu a pena esperar, estamos juntos há 10 anos. © Marília Guimarães Vieira / Facebook
  • No primeiro encontro, fui toda produzida, toquei a campainha do portão, enquanto me ajeitava, bem nervosa. Quando olho para o lado, ele vinha do supermercado, todo amassado. Olhei e pensei, o que estou fazendo aqui? Estamos juntos há 8 anos. © Isabel Borges / Facebook
  • boy me convidou para ir à pizzaria mais cara da cidade. Quando pedimos a conta, ele se levantou e foi ao banheiro. Ao voltar, eu já havia quitado a conta. Aí, ele fez toda aquela cena de querer pagar. Por fim, acabei me casando com ele, e estamos juntos há 7 anos. Foi o meu melhor investimento, pois, hoje ele me paga, no mínimo, uma pizza por semana. © Thai KS / Facebook

E você, já teve algum primeiro encontro atrapalhado? Conte para a gente nos comentários, quem sabe fazemos uma parte 2 com o seu relato!

Compartilhar este artigo