Incrível
Incrível

20 Pessoas que entenderam que, para tudo nessa vida, há uma segunda chance

Quando somos jovens, queremos as coisas para “ontem” e tudo parece ser uma boa ideia. O raciocínio parece ser mais ou menos assim: “Hum, uma tatuagem estranha que provavelmente vou me arrepender? Quero!” Talvez seja por isso que os jovens são conhecidos por serem intensos. Vai saber...

No entanto, o Incrível.club encontrou algumas pessoas que decidiram dar uma segunda chance para suas tatuagens e provaram como até uma marca definitiva tem conserto. Confira só! 😉

“De uma tatuagem espontânea aos 18 anos, que muitas vezes nem lembrava que tinha, a uma tatuagem LINDA da qual tenho orgulho”

“Antes e depois de um pouco de sombreamento :)”

O que belas cores podem fazer, não é mesmo?

“Antes e depois”

“Cobrindo um erro adolescente”

Se arrependeu de um nome? Não tem problema!

Tradução livre da frase: “Um dia sem riso é um dia desperdiçado”

  • A primeira tatuagem parece algo que minha irmã teria colado na parede da cozinha dela. ©️Simmion/ Reddit

A cobertura não perdeu o estilo de ser uma tatuagem alegre

“Sim, o primeiro foi feito por profissional”

Nada que um dinossauro lindo não resolva

“Um pequeno cover up desenhado e tatuado por mim Jeff Croci”

Florais e sombreamentos funcionam muito bem

“Cavalo-marinho ressuscitado com sucesso! 💙”

“Incrível cobertura por Ashlei”

  • Os artistas de encobrimento realmente fazem um trabalho incrível e importante. Quando alguém faz uma tatuagem ruim, obviamente é uma sensação de vergonha e constrangimento, então poder tirar isso é tão incrível e um ótimo presente para dar. Sua tatuagem está ótima! ©️that_one_traveler03/ Reddit

As novas frutinhas são lindas

“Cobertura da minha primeira e mais boba tatuagem”

Agora sim!

“Cobertura da primeira tatuagem de 20 anos atrás”

“Cobertura de traça feita por Cam”

Os detalhes fazem a diferença

Você já fez alguma tatuagem da qual se arrependeu? Como foi o desfecho da história: deixou como está, removeu ou cobriu?

Incrível/Gente/20 Pessoas que entenderam que, para tudo nessa vida, há uma segunda chance
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos