Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Por que é mais estressante para as mães ter 3 crianças do que outra quantidade de filhos?

A maternidade transforma qualquer mulher. Depois desse momento único, ela passa a ter de pensar, não só em si mesma, mas também em outra pessoa. Além disso, faz coisas que nunca fez ou nunca pensou que teria de fazer, como costurar fantasias à noite para uma peça da escola; produzir artesanato em gesso para projetos escolares ou assar biscoitos para uma feira. Com cada criança a mais, a quantidade de trabalho aumenta exponencialmente. Mas, depois que aprende a lidar com isso, com certeza não há nada nesta vida que não consiga fazer.

Aqui no Incrível.club descobrimos qual quantidade de filhos é considerada a mais estressante e explicaremos o motivo.

A maternidade é mais estressante do que parece

Em 2013, o site TODAY fez uma pesquisa online sobre os níveis de estresse das mães e suas razões, com a participação de 7.164 mulheres. Verificou-se que, em média, em uma escala de 1 a 10, uma mãe avalia seu nível de estresse como 8,5 e existem várias razões para isso.

Cerca de 75% das mães disseram que sentem o julgamento e a pressão para serem “perfeitas” — surpreendentemente ou não esse julgamento vem, sobretudo, de outras mães. Outras razões para o estresse incluem a falta de tempo para fazer tudo o que é necessário (60%), manter-se em forma e atraente (90%) e a tensão causada por seus parceiros — 46% relataram que os maridos/namorados causam mais estresse do que os filhos.

A transição mais difícil é para o terceiro filho

As crianças, é claro, contribuem enormemente para o estresse das mães. Os resultados mostram que o pico de estresse é quando o número de filhos chega a 3. As mulheres relatam que a transição de um filho para 2 não é um grande desafio. Só que, quando nasce o terceiro, o mundo fica de cabeça para baixo.

A razão para isso é bem simples: você só tem duas mãos e o terceiro filho se torna “extra”. Uma mãe observou que basicamente não consegue “segurar todas” as mãos enquanto atravessa a rua. E essa situação parece totalmente fora de controle, fazendo os níveis de estresse irem à Lua e lá permanecendo o tempo todo.

Uma mãe blogueira de 3 filhos também listou muitas outras explicações sobre o estresse que aumenta com o terceiro filho. Por exemplo, a criança do meio entende o problema, já vive a situação de não ter sido a precursora de determinadas situações (primeira a ir à escola, primeira a andar e falar, por exemplo) e, ao mesmo tempo, não recebe os mimos da mais nova. Além disso, é menos provável que, com 3 em casa, você consiga escolher um filme para assistir ou um jogo para brincar deixando todas as crianças satisfeitas.

Mas se vierem mais filhos, tudo melhora

Nessas circunstâncias, ter mais de 3 filhos deveria, por definição, ser algo ainda mais complexo. Mas, ao que parece, isso não acontece. As mães admitem que, quando têm 4 filhos ou mais, a vida se torna uma questão de sobrevivência, sem mais lugar para o perfeccionismo. E, a partir de então, tudo se torna mais fácil.

Muitas mães quando têm 4 filhos começam a não ligar para as crianças comendo marcadores de texto, pulando em cada lago e comendo pizza no almoço. Além disso não dão a mínima para as outras pessoas e suas opiniões. E é aí que a vida finalmente melhora.

Você é uma mãe perfeccionista? Compartilhe nos comentários a coisa mais louca que seu filho já fez numa situação em que você ainda tenha conseguido manter a calma.

Imagem de capa mollybsims / instagram