Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

7 Famosos brasileiros que não são cantores, mas já se arriscaram na carreira musical

5-24
350

Existem muitos cantores afinados por aí tentando buscar um espaço nas paradas de sucesso. Atualmente, com o alcance da Internet e os populares programas de calouros da TV, como o The Voice, é comum que novos talentos surjam no mercado fonográfico de tempos em tempos. Mas não são apenas os intérpretes profissionais que conseguem se lançar no mundo da música.

Algumas personalidades famosas, conhecidas por trabalhos bem distantes do ramo musical, já se arriscaram nos estúdios de gravação e lançaram seus próprios CDs. Hoje, o Incrível.club vai mostrar quem são as celebridades brasileiras que não se intimidaram na hora de soltar a voz. Confira!

1. Ana Maria Braga

Quem vê a desenvoltura de Ana Maria Braga à frente do Mais Você, na Globo, não tem dúvidas de seu talento como apresentadora. A veterana está no ar há tantos anos na telinha que se tornou um símbolo das manhãs brasileiras.

No entanto, lá em 2003, a loira decidiu se arriscar também na carreira de cantora e chegou a lançar um CD com 15 faixas, entre canções e mensagens recitadas. O disco trazia participações de grandes nomes da música, como a dupla Zezé Di Camargo & Luciano e o cantor Fábio Júnior, além de seu inseparável companheiro de trabalho, o saudoso Louro José.

2. Celso Portiolli

Outro apresentador que achou que seria uma boa ideia apostar em um álbum musical foi Celso Portiolli. No final da década de 1990, época em que já fazia muito sucesso no comando do game show Passa ou Repassa, o rapaz lançou o disco É Tempo de Alegria, com um repertório de 12 canções, todas interpretadas por ele. A faixa Amizades Virtuais, presente no CD, acabou virando meme nos últimos anos e chegou a inspirar uma página humorística, criada por fãs, no Facebook.

3. Roberto Justus

Profissional bem-sucedido, Roberto Justus ficou conhecido ao se tornar um empresário de referência no mundo dos negócios. Após namorar famosas como Eliana, Adriane Galisteu e Ticiane Pinheiro, seu rosto começou a aparecer com frequência na telinha.

Pouco depois, foi convidado para virar apresentador de TV e, desde então, comandou programas como O AprendizA Fazenda. Mesmo assim, Justus ainda teve tempo para se dedicar à música. Seu disco, com 12 faixas cantadas por ele, todas em inglês, foi lançado em 2008.

4. Marília Gabriela

Muita gente conhece o trabalho de Marília Gabriela como jornalista de TV. Veterana, ganhou notoriedade à frente de seu próprio programa, entrevistando, durante anos, personalidades famosas do Brasil.

Além de apresentadora, a loira também já mostrou que manda bem na atuação, participando de novelas, filmes, minisséries e peças de teatro que fizeram sucesso. Mas o talento artístico de Gabi vai longe: ela é mais uma que apostou na carreira de cantora, soltando a voz em nada menos que três álbuns de estúdio.

5. Gilberto Barros

Durante seus mais de 30 anos de carreira na telinha, Gilberto Barros apresentou diversas atrações do estilo game show em emissoras como a Record TV e a Bandeirantes. Mas, provavelmente, pouca gente lembra que, além de ser um exímio animador de programas de auditório, ele já se lançou também no cenário musical — e não é um cantor de um CD só! O Leão tem alguns discos lançados com seu nome, sendo o primeiro datado de 1988.

6. Maguila

Você se lembra do Maguila, o boxeador sergipano que ficou famoso no Brasil durante as décadas de 1980 e 1990? Campeão de diversas lutas ao longo de sua carreira no esporte, o atleta coleciona dezenas de cinturões de títulos internacionais por suas vitórias no ringue.

Com todo esse histórico, pode parecer estranho que ele tenha se lançado como cantor depois de se aposentar do boxe. Mas, acredite se quiser, isso aconteceu em 2009. Em seu primeiro e único CD, Vida de Campeão, o ex-pugilista solta a voz cantando sambas.

7. Sérgio Mallandro

Em 1981, Sergio Mallandro, um então novato na TV, foi convidado para integrar o time de jurados do programa Show de Calouros, no SBT. A atração, um verdadeiro sucesso na época, ajudou a impulsionar a carreira artística do rapaz, que lançou, após alguns meses, um CD inteirinho cantado por ele. Mas não parou por aí: ainda na emissora de Silvio Santos, quando Mallandro começou a apresentar programas infantis, outros discos, dessa vez dedicados às crianças, foram lançados no mercado.

Se você pudesse ter uma outra profissão que não fosse a sua, qual seria e por quê? Conte para a gente nos comentários!

5-24
350
Compartilhar este artigo