Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

12 Filmes mais importantes da última década que passaram pelos testes do tempo e das emoções

4-3-
369

No último mês do ano, quase todos nós temos uma vontade inexplicável de resumir os 12 meses passados, lembrar o bem e o mal, tirar conclusões, definir metas para o próximo ano e, certamente, ter tempo para terminar algo antes da queima de fogos de Ano-Novo. O dezembro de 2020 encerra não apenas um ano, mas uma década, e este é um motivo para olharmos o passado e recordarmos muito.

Nós, do Incrível.club sucumbimos a essa doce nostalgia que sempre acontece pouco antes do Natal e Ano-Novo, estocamos pipoca e lhe oferecemos uma seleção dos filmes mais populares na última década, de acordo com as avaliações dos espectadores. No final da nossa seleção de hoje, você também encontrará um dos melhores desenhos animados dos últimos 10 anos, perfeito para uma aconchegante sessão familiar.

Intocáveis (The Intouchables), 2011

Philippe, um milionário tetraplégico, contrata um jovem da periferia como seu cuidador, apesar de sua aparente falta de preparo. Ninguém esperava que essa relação, antes de tudo profissional, crescesse e virasse uma amizade capaz de mudar a vida de ambos.

Muitos provavelmente se perguntam por que Philippe não teve medo de contratar um homem com ficha criminal, em vez de uma enfermeira. A resposta foi dada em uma entrevista pelo próprio milionário: “Eu precisava de uma pessoa louca o suficiente para não ter medo de toda essa situação. E ele não tinha medo de nada”.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,5

Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2 (Harry Potter and the Deathly Hallows: Part II), 2011

Na parte final da franquia, Harry, Rony e Hermione continuam procurando pelas últimas horcruxes de Lord Voldemort. Enquanto isso, o resto do mundo mágico está envolvido em uma guerra e a batalha final se aproxima de Hogwarts.

Para os jovens intérpretes dos papéis protagonistas, que cresceram juntos no estúdio de cinema, o fim dos trabalhos no filme foi também o final de uma etapa importante de suas vidas. Os diretores até permitiram que os atores levassem alguns dos adereços. Então, Emma Watson levou a varinha mágica de sua personagem, o vira-tempo e o manto Grifinória; Daniel Radcliffe ficou com os famosos óculos de Harry Potter das Partes 1 e 7; e Rupert Grint ganhou a placa do endereço da família Dursley (Rua dos Alfeneiros, nº 4) e o desiluminador do professor Dumbledore.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,1

O Hobbit: Uma Jornada Inesperada (The Hobbit: An Unexpected Journey), 2012

Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que sucumbe à esperteza do mago Gandalf e fica envolvido em uma missão aventureira e estonteante. Acompanhado por 13 anões, o bravo herói parte para uma jornada até a Montanha Solitária, com o intuito de libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug. Na jornada, ele encontra Gollum, acontecimento que mudará o próprio Bilbo e toda a sua vida subsequente.

O papel do protagonista na pré-sequência das aventuras de Frodo e seus amigos foi interpretado por Martin Freeman, que na época atuava simultaneamente na série de TV, Sherlock. E se o diretor Peter Jackson não tivesse retrabalhado todo o cronograma de filmagem, teríamos visto outra pessoa em vez de Freeman, que se encaixou perfeitamente no papel de hobbit. Por exemplo, Daniel Radcliffe.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 7,8

12 Anos de Escravidão (12 Years a Slave), 2013

O protagonista, um negro livre do norte dos Estados Unidos, Solomon Northup, que vive em paz ao lado da esposa e filhos, é sequestrado e acorrentado, após aceitar um trabalho que o leva a outra cidade. Vendido como se fosse um escravo, ele vive numa luta constante pela sobrevivência e preservação da sua dignidade. Ao longo de doze anos, ele passa por dois senhores, Ford e Edwin Epps, que, cada um à sua maneira, exploram seus serviços, até o momento em que uma pessoa o encontra e pode acabar com o sofrimento de Solomon.

Segundo o crítico de cinema da Vogue, John Powers, o filme é a melhor narrativa sobre o problema da falta de liberdade das pessoas.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,1

Whiplash: Em Busca da Perfeição (Whiplash), 2014

Uma história totalmente não convencional de um aluno e seu mentor, demonstrando tudo o que uma pessoa é capaz para realizar seus sonhos. Andrew, jovem músico, vive sonhando em ser o melhor baterista de sua época. Ele se torna aluno do incomparável mestre do jazz, que ultrapassa os limites e transforma seu sonho em uma obsessão, arriscando a saúde física e mental do jovem Andrew.

Apesar de ganhar 3 Oscars, o filme tem um status implícito de “melhor filme com menor bilheteria”, desde 1990. Sua aposta foi em uma atuação impecável e não em efeitos especiais de alto custo.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,5

John Wick — De Volta Ao Jogo (John Wick), 2014

John Wick é um lendário assassino de aluguel aposentado. Após a morte de sua esposa, as únicas coisas de valor para ele são, um Ford Mustang 1969 e um cachorro, presente do grande amor de sua vida, antes de sua morte. A casa de Wick é invadida em uma noite por um gângster, que mata o cachorro e rouba o carro. Após esta invasão, John é forçado a voltar à ativa e iniciar sua vingança...

Para o papel de John Wick foram considerados Sylvester Stallone, Dolph Lundgren, Jean-Claude Van Damme, Bruce Willis, Kurt Russell, Nicolas Cage, Kevin Costner, Johnny Depp e Jason Statham. No entanto, foi graças a Keanu Reeves que o filme recebeu esse nome. No roteiro era outro — “Desprezo”, que descreve perfeitamente o estado do protagonista em relação aos agressores. Mas Keanu Reeves constantemente se referia ao filme de forma errada, usando o nome do seu personagem e, no final, o estúdio decidiu deixar assim.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 7,4

Um Homem Chamado Ove (En man som heter Ove), 2015

Após a morte de sua esposa, o velho aposentado Ove leva uma vida amargurada de viúvo mal-humorado, deixado completamente sozinho. De alguma forma imperceptível ele começa a odiar o mundo ao seu redor e perde completamente o sentido da existência. Todavia, justo quando desiste de viver, novos vizinhos se mudam para a casa da frente e inesperadamente invadem sua vida. Com o tempo, graças à nova amizade, o velho resmungão se transforma e recupera a alegria de viver

O filme é inspirado no best-seller do escritor sueco Fredrik Buckman, traduzido para 38 idiomas.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 7,7

Deadpool (Deadpool), 2016

Um ex-agente especial, Wade Wilson, disposto a qualquer coisa na esperança de ser curado do câncer, torna-se vítima de um experimento fraudulento de um cientista maligno, que o tortura e o desfigura completamente. A sinistra experiência científica transforma Wade em Deadpool, que ganha poderes especiais de regeneração e uma força aprimorada, além de um incomum senso de humor. Com a ajuda de aliados poderosos o irreverente anti-herói usa métodos violentos para se vingar da pessoa que quase acabou com a sua vida.

Descobriu-se que Ryan Reynolds é “faz-tudo”. Em Deadpool, ele não apenas interpretou o protagonista, mas trabalhou também como produtor e diretor de marketing.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,0

Blade Runner 2049 (Blade Runner 2049), 2017

Após dos acontecimentos da primeira parte, um novo blade runner, policial de Los Angeles, descobre um segredo enterrado há muito tempo, que pode mergulhar o que resta da sociedade no caos, e embarca na busca de Rick Deckard, que está desaparecido há 30 anos.

Com um orçamento de 150 milhões de dólares, os criadores não economizaram em recursos visuais na criação do mundo fictício futurista. Contudo, na bilheteria, a produção arrecadou apenas 259 milhões de dólares. O diretor Ridley Scott, que filmou o original em 1982, considera uma das razões para as baixas receitas de bilheteria o tempo longo — duas horas e 44 minutos, ou seja, 47 minutos a mais que o primeiro filme.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,0

Bohemian Rhapsody (Bohemian Rhapsody), 2018

A história da lendária banda de rock Queen, formada em 1970, e seu vocalista Freddie Mercury. Quando Mercury começa a perder o controle, a banda precisa encontrar uma forma de lidar com os excessos de seu líder.

O maior inconveniente para o ator Rami Malek, que interpretou o protagonista, foi a necessidade de usar uma prótese dentária, que imitava a arcada específica de Freddie. No entanto, ao final das filmagens, ele se acostumou tanto que, em suas palavras, “começou a se sentir literalmente nu sem ela”. Até fez uma cópia em ouro desse elemento de caracterização.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,0

Coringa (Joker), 2019

Intimidado e desconsiderado pela sociedade, o fracassado comediante com distúrbios mentais Arthur Fleck assassina três homens em pleno metrô e, assim, inicia sua jornada no mundo do crime, chegando a atingir o alvo, tornando-se um supervilão, capaz de fazer Gotham City tremer.

O filme rendeu a Joaquin Phoenix o Oscar de Melhor Ator. Antes disso, ele recusou duas vezes interpretar os super-heróis da Marvel: Doutor EstranhoBruce Banner, em “Marvel’s The Avengers: Os Vingadores” de 2012.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,5

TENƎꓕ (Tenet), 2020

O protagonista, um agente secreto, embarca em uma missão perigosa pelo mundo da espionagem internacional e luta pela sobrevivência de toda a humanidade. Com a ajuda de uma palavra misteriosa do futuro — “TENET”, ele cumpre sua missão fora do tempo real e evita o início da Terceira Guerra Mundial.

Christopher Nolan é um fenômeno único. Enquanto Hollywood está praticamente se afogando em remakes e adaptações de quadrinhos, Nolan não se desvia de seu credo e continua a promover suas ideias polêmicas, porém, definitivamente, originais. Se você adora quebra-cabeças em um enredo de ficção científica complicado, bem-vindo ao exército de fãs de Nolan.

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 7,6

“Zootopia — Essa Cidade é o Bicho” (Zootopia), 2016 — o desenho animado mais bem avaliado da década, de acordo com 428 mil de pessoas

A recém-formada principal policial do local, a incontestável coelha Judy Hopps, começa a trabalhar em uma das delegacias de Zootopia, uma grande cidade animal. Com um raposo vigarista, Nick Wilde, que se tornou um fugitivo ao ser acusado de um crime que não cometeu, Judy revelará a conspiração e salvará os habitantes de Zootopia.

Os adoráveis ​​personagens fofinhos com expressões faciais detalhadas agradaram as crianças. O mundo animal, tão parecido com o humano, e a trama de ficção e mistério satisfatoriamente complexa, não deixaram os pais indiferentes. Uma excelente animação sobre a ajuda mútua e a vitória do bem. O que poderia ser melhor para uma sessão familiar aconchegante?

Nota no ranking de classificação de filmes IMDb — 8,0

Quais filmes você colocaria na lista das melhores produções da última década? Comente!

4-3-
369
Compartilhar este artigo