Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Os segredos das pinturas mundialmente famosas

1---
19k

A arte não é apenas uma fonte de inspiração; ela também é mistério. Alguns artistas geniais costumam acrescentar nas suas obras alguns detalhes interessantes que funcionam como mensagens secretas que não podem ser vistas em um primeiro momento.

Juntamos alguns exemplos de obras primas com alguns detalhes escondidos. Confira!

9. A outra orelha

Nesse quadro de Vincent van Gogh, é possível ver a orelha direita machucada. Na realidade, ele cortou a esquerda. Isso significa que o artista holandês pintou o quadro utilizando um espelho.

8. Um quadro dentro do quadro

Se olharmos com atenção para 'O velho guitarrista cego', de Pablo Picasso, podemos ver a silhueta de uma mulher. Com a ajuda da tecnologia, os cientistas do Instituto de Arte de Chicago, Estados Unidos, encontraram outras figuras escondidas no fundo da obra. O mais provável é que o artista não tenha tido dinheiro para comprar mais telas e decidido pintar sobre quadros finalizados.

7. 'A Ronda Noturna' foi de dia

Durante uma restauração, da obra 'A Ronda de Noite', de Rembrandt, em 1947, foi encontrada uma camada de fuligem. Após a limpeza, ficou evidente que os eventos descritos no quadro ocorreram de dia e não de noite. O título do quadro, portanto, pode ser uma ironia.

6. O Símbolo da força

Na pintura 'Davi e Golias', o gênio renascentista Michelangelo codificou a letra 'Guímel', do hebreu. Na tradição mística da cabala ela significa 'força'.

5. O estrabismo de Rembrandt

Os especialistas Margaret S. Livingstone e Bevil R. Conway estudaram os autorretratos de Rembrandt e demonstraram que o artista sofria de estrabismo. Em função disso, o pintor percebia o mundo de maneira diferente, vivendo a realidade em duas e não em três dimensões. Não obstante, em função da cegueira estéreo, Rembrandt possivelmente criou obras primas imortais.

4. Vingança dos amantes

Em uma das pinturas mais famosas do pintor austríaco Gustav Klimt, é representada a Adele Bloch-Bauer. O magnata Ferdinand Bloch-Bauer encomendou ao artista o retrato de sua esposa. Ele descobrira a relação entre Adele e Klimt e pensou que, após centenas de rascunhos, o pintor passaria a odiar a amante. O trabalho do artista realmente fez com que a relação dos dois esfriasse.

3. Predição do fim do mundo

A pesquisadora italiana Sabrina Sforza Galitzia fez sua própria interpretação de 'A Última Ceia', de Leonardo da Vinci. Ela afirmou que o artista realizou a predição do fim do mundo no quadro, que seria em 21 de março de 4006. Para entender melhor isso, a pesquisadora decifrou o código matemático e astrológico da pintura.

2. O mundo em tons de amarelo

Quase todos os quadros de Vincent van Gogh apresentam a cor amarela. O professor Paul Wolf explica o fato baseando-se nos efeitos secundários dos remédios que o artista tomava para combater a epilepsia, que muda a percepção que as pessoas têm das cores. O mundo do artista realmente se via como nas obras.

1. Mozart e a Maçonaria

Existem centenas de provas de que Wolfgang Amadeus Mozart pertencia ao movimento dos maçons. Até mesmo em um retrato da infância, obra de Pietro Antonio Lorenzoni, é possível ver o símbolo da maçonaria: as mãos escondidas indicam a hierarquia de uma sociedade secreta.

Bônus: A 'Mona Lisa' sem dentes

O historiador de arte e dentista J.E. Borkowski estudou em detalhes o quadro de Leonardo da Vinci e afirma ter descoberto o segredo de Mona Lisa. Ele acredita que ela não tinha os dentes incisivos e isso influenciou a expressão tão característica de seu rosto. Será?

Imagem de capa eastnews
1---
19k