Incrível

Exercícios de resistência ajudam a reduzir o risco de diabetes tipo 2

4-15
251

Segundo números divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), em 2014 mais de 422 milhões de pessoas tinham diabetes, uma doença que se caracteriza por uma elevação da glicose no sangue. A diabetes tipo 2 é uma das mais difíceis de diagnosticar e de tratar, já que os sintomas demoram muito para aparecer. Contudo, médicos e cientistas avançaram muito nas pesquisas e descobriram que os exercícios de resistência podem ajudar na sua prevenção.

No post de hoje, o Incrível.club traz alguns detalhes sobre esse importante estudo que afetará a vida de muitas pessoas.

Aumentar a força muscular pode diminuir o risco de diabetes tipo 2

A pesquisa, realizada pela Universidade Estadual de Iowa, foi divulgada pela publicação mensal Mayo Clinic Proceedings. O estudo analisou os exames de mais de 4,5 mil adultos em idade entre 20 e 100 anos. A partir dessa análise, os pesquisadores descobriram que uma massa muscular moderada diminui o risco da doença em 32%. Segundo os líderes do estudo, essa melhora não depende da capacidade cardiorrespiratória. Além disso, eles perceberam que níveis mais altos de força muscular não proporcionaram mais proteção.

As pessoas que participaram no estudo fizeram exames de 1981 a 2006

Os participantes passaram por testes de força muscular e cardiovascular de 1º janeiro de 1981 a 31 de dezembro de 2006. Cada integrante completou exercícios de peito e pernas para medir a sua força muscular. Essas medições foram classificadas segundo a idade, o gênero e o peso corporal (fatores que poderiam complicar o estudo). Dessa forma, a força moderada diminuiu o risco de diabetes tipo 2 independente do estilo de vida (como fumar e beber) ou de outros problemas de saúde como obesidade e pressão arterial alta.

Ainda são necessários mais estudos para determinar a dose adequada de exercícios

Um dos autores do estudo explicou que esse descobrimento é uma ótima notícia porque, apesar de ainda não poder recomendar uma rotina com os exercícios e os tempos de execução exatos, a pesquisa mostrou que até mesmo pequenas quantidades de exercícios de resistência podem ser úteis para prevenir a diabetes tipo 2 ao aumentar a força muscular.

Os exercícios de resistência devem ser parte de nossos hábitos não apenas para ajudar a prevenir doenças

Os exercícios devem ser realizados porque oferecem outros benefícios à nossa saúde, e não apenas em função do emagrecimento ou da prevenção de determinadas doenças. Trabalhar a massa muscular é uma maneira de manter o corpo funcional e independente durante toda a vida. Para finalizar, é importante destacar que os casos de diabetes estão crescendo muito e, se esse aumento continuar, em 2030 a doença poderá ser a sétima causa de morte em nível mundial.

Qual sua opinião sobre este descobrimento? Acha que o estudo ainda é impreciso ou já mostra a importância dos exercícios na prevenção da doença? Você conhece alguém que tenha diabetes? Compartilhe as respostas nos comentários.

4-15
251