Por que os navios de cruzeiro têm menos botes salva-vidas que o Titanic

Curiosidades
há 9 meses

No mundo todo, mais de 25 milhões de pessoas embarcaram em navios de cruzeiro em 2017. Pode não parecer muito, mas é mais do que a população da Bélgica! É uma ótima alternativa de passeio, com um bônus adicional: dá para passar por vários destinos diferentes e escolher um deles para viajar nas próximas férias. Se você já reservou uma viagem em um navio de cruzeiro, mas ainda não tem ideia do que deve levar, comece com uma pesquisa sobre os destinos específicos do seu navio. De qualquer forma, não esqueça de levar sapatos de salto baixo. Além disso, inclua um calçado confortável para caminhar distâncias maiores, para os dias de visitação em terra. Dependendo da estação, você pode querer levar roupas de banho também. Se estiver tomando algum tipo de medicamento, lembre-se de levá-lo na embalagem original.

Se você é do tipo que leva pouca coisa, não se preocupe. A maioria dos navios de cruzeiro tem lavanderias. Elas são meio caras, especialmente se quiser que suas roupas sejam lavadas, passadas e dobradas. Porém, isso evita de levar muita bagagem ou ter que ficar lavando roupa mesmo.

É muito importante que você notifique a administradora do cartão de crédito antes de embarcar no navio. Ainda mais se o seu itinerário incluir um ou mais países estrangeiros. Seu cartão de crédito pode ser bloqueado se houver alguma atividade incomum na sua conta. A maioria dessas empresas possui algoritmos que são acionados quando há cobranças de países diferentes uma atrás da outra. Que é exatamente o que você fará em um navio de cruzeiro. Avisá-los com antecedência evita o constrangimento de ter seu cartão recusado em algum restaurante chique.

Para garantir o melhor quarto, antes de reservá-lo, verifique a planta do convés do navio, que deve estar disponível no site deles. Se é paz e tranquilidade que você procura, não vá para os quartos logo acima ou abaixo de qualquer um dos locais de entretenimento do navio. Além disso, se você tem histórico de enjoo, tente evitar os quartos disponíveis na frente da embarcação. Prefira aqueles localizados mais no meio, em um convés inferior, onde sentirá menos movimentos.

Se é a sua primeira vez em um cruzeiro, você pode se surpreender ao saber que algumas cabines não têm janelas. Antes de fazer uma reserva, certifique-se de verificar todas as comodidades do quarto escolhido. A maioria dos navios de cruzeiro adiciona várias fotos das acomodações em suas páginas de reserva, e pode ser um pouco confuso saber exatamente o que você está comprando por esse preço específico. Além disso, alguns quartos a bordo também são muito pequenos. Se não gosta de dormir em espaços pequenos, é possível pedir um upgrade para um maior, mesmo que seja um pouco mais caro. Você sempre pode dividir o custo com um amigo se ele quiser te acompanhar no cruzeiro.

Com a ajuda da tecnologia, mesmo que um local específico não tenha janelas, isso não significa que não seja possível ver as ondas. “Mas como?” — você pode perguntar. Navios de cruzeiro mais sofisticados apresentam um bônus adicional secreto. Nas áreas sem acesso à luz solar, especialistas construíram varandas virtuais. Telas de alta tecnologia funcionam mostrando o que está acontecendo lá fora em tempo real. Eles também têm um benefício adicional: em caso de mau tempo, os hóspedes ainda podem sentir o ar livre, sem que o vento ou a chuva estraguem seus cabelos ou roupas. Pode não ser a coisa em si de verdade, mas ainda é melhor do que ficar claustrofóbico a bordo.

Planejando fazer um cruzeiro econômico? Pode não ser uma ideia tão ruim. Especialmente se você estiver procurando por upgrades de última hora. Você pode até acabar passando férias como um milionário sem ter que gastar assim. Essas ofertas às vezes incluem coisas como uma varanda privativa no quarto, talvez alguns serviços de spa ou preços ainda melhores para refeições sofisticadas. Se estes quartos não estiverem todos reservados no momento do embarque, podem ser disponibilizados para o restante dos passageiros, por preços muito melhores do que os ofertados inicialmente.

Pode haver brindes escondidos a bordo se você prestar bem atenção. Coisas como doces de cortesia no final da manhã ou uma xícara de chá ao final da noite por conta da casa podem ser algumas das coisas oferecidas aos hóspedes... É só pedir. Você pode querer conferir o que outros turistas estão fazendo. Algumas pessoas com mais experiência em cruzeiros podem dar ótimas dicas e truques. Não tenha medo de puxar conversa se vir alguém recebendo algo de graça.

Alguns navios de cruzeiro *têm* uma pegada mais luxuosa. Eles têm até áreas exclusivas projetadas para hóspedes em suítes caras e, na maioria das vezes, ficam no topo do navio. Em um determinado cruzeiro, esses passageiros têm membros da equipe designados, chamados de Royal Genies, que são tipo mordomos. Eles podem atender a apenas algumas cabines. Como a companhia quer evitar que outros hóspedes fiquem fazendo perguntas, tomando tempo de atendimento dos hóspedes VIPs, os Genies não usam crachá nas áreas públicas.

A maioria das áreas comuns dos navios de cruzeiro exigem que os viajantes sigam um código de vestimenta. Mas se você pesquisar com antecedência, poderá descobrir que algumas áreas são mais tranquilas quando se trata do que as pessoas devem vestir. A maioria dos navios exige que as pessoas usem “trajes elegantes”, o que significa calças com camisa social para homens, ou blusas e saias, vestidos ou calças elegantes para as mulheres.

Quanto aos destinos de viagem, pesquise com antecedência os portos que vai visitar. Você saberá o que vestir, como vai estar o tempo e se precisa levar mais alguma coisa na mala, como guarda-chuva ou toalha de praia. As paradas dos cruzeiros duram apenas algumas horas na maioria dos casos, e você vai querer aproveitá-las ao máximo. Se determinado local incluir museus ou galerias de arte da sua lista de lugares para visitar, reserve com antecedência para não perder tempo esperando nas filas.

Alguns navios de cruzeiro até oferecem aos seus hóspedes passeios particulares pelos portos que irão visitar. Certifique-se de reservá-los com antecedência se for algo do seu interesse, pois a lista lota rapidamente. Passeios independentes são um pouco mais privativos. Você pode passar o tempo com seu guia turístico e até mesmo fazer mais perguntas. Lembre-se sempre de colocar o telefone no modo avião enquanto estiver a bordo. A maioria das histórias de horror de navios envolve novatos em cruzeiros que acabaram pagando milhares de dólares em tarifas de celular enquanto estavam a bordo, só porque esqueceram de desligar o telefone.

Se você é o tipo de pessoa que não consegue desligá-lo, verifique com sua operadora antes de viajar para o exterior. Algumas podem oferecer planos especiais por tempo limitado, sem custos adicionais. Você estará livre para conversar, ligar ou navegar pelos vídeos do YouTube sem se preocupar em pagar uma fortuna. A maioria dos navios de cruzeiro também oferece wi-fi de cortesia ou pacotes que podem ser adquiridos com antecedência, que são muito mais acessíveis. Você pode se comunicar com seus amigos e familiares em casa via Facetime ou Skype.

As pessoas que ouviram falar da tragédia do Titanic sempre se perguntam o que pode acontecer se algo der errado a bordo. Vamos pegar os botes salva-vidas, por exemplo. O Titanic tinha apenas 20 deles a bordo, que tragicamente não foram suficientes para acomodar todos os passageiros depois que o navio atingiu o iceberg. Alguns navios de cruzeiro sofisticados hoje em dia têm um número ainda menor de botes salva-vidas, de 15 a 18. Parece estranho? Bem, na verdade não, sendo que cada bote salva-vidas pode acomodar até 370 pessoas. Mesmo os navios maiores — que têm capacidade estimada para 8.000 pessoas quando lotados, incluindo turistas e funcionários — estão seguros em caso de emergência.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados