Por que a cor amarela quase não é usada em aviões e 14 outras maneiras como somos afetados pelas cores

Formamos nossa impressão sobre produtos e pessoas durante os primeiros 90 segundos que os vemos, e entre 62% a 90% da opinião que vamos ter a seu respeito é baseada isoladamente na cor. É por isso que algumas empresas usam cores em embalagens, logotipos e lojas para influenciar nossas decisões diárias. Às vezes, as cores podem influenciar ainda mais o nosso psicológico; por exemplo, foi demonstrado que o rosa e o azul nos acalmam o suficiente para reduzir a agressividade e o suicídio.

No Incrível.club, queremos que você veja a vida mais cor-de-rosa e venha descobrir com a gente como as cores desempenham um papel tão importante em nossas vidas.

1. Rosa era para meninos e azul para meninas

As festas e os chás de revelação geralmente mostram rosa para indicar que o bebê que vai chegar é menina e azul quando se trata de um menino. Mas, no passado, os pequenos usavam roupas brancas, e nenhuma cor estava realmente ligada ao gênero, até que algumas revistas passaram a reforçar que o rosa deveria ser a cor dos meninos e o azul a das meninas. De alguma forma, a tendência se inverteu nas décadas de 1940 e 1950 para se tornar o que estamos acostumados hoje.

2. Rosa pode ser capaz de nos acalmar e reduzir nossa agressividade

Acredite ou não, algumas prisões são pintadas de rosa para reduzir a agressividade e, alguns vestiários, destinados aos times visitantes, também são pintados dessa cor para fazê-los se sentirem fracos. Isso ocorre porque alguns estudos descobriram que o “rosa Baker-Miller” é eficaz na redução de comportamentos agressivos e hostis. No entanto, pesquisas posteriores realizadas sobre o mesmo tópico encontraram limitações e resultados diferentes.

3. Amarelo dentro de um avião pode deixar seus olhos cansados

Ao mesmo tempo que o amarelo é uma cor que evoca felicidade, é uma cor tão brilhante que reflete mais luz e, portanto, pode estimular demais os olhos. Isso pode explicar por que a maioria dos veículos, especialmente aviões, quase nunca usa amarelo em seu interior. A Ryanair, uma companhia aérea de baixo custo, costumava ter muito amarelo em seus aviões, e optou por refazer a cor de suas cabines — para o deleite de seus clientes.

4. Quando vemos a cor vermelha, comemos menos

Ao contrário do que popularmente se acredita, o vermelho não aumenta nosso apetite. Esse mito provavelmente surgiu, porque a maioria dos logotipos de fast-food tem essa cor. Na verdade, o vermelho demonstrou fazer as pessoas consumirem menos alimentos e refrigerantes. O que acaba indicando que o vermelho realmente funciona como um sutil sinal de parada.

5. Costumamos fazer as coisas mais rápido quando vemos a cor vermelha

O HubSpot fez um teste para verificar qual botão chamaria mais a atenção das pessoas, o vermelho ou o verde; e descobriu que o vermelho superou o verde em 21% em números de cliques. Talvez por isso, a Netflix use apenas botões vermelhos para atrair mais clientes. Outro experimento foi feito para verificar se as pessoas são afetadas pela cor do carro que está à sua frente. Os resultados mostraram que, quando se tratava de um veículo vermelho, as pessoas davam uma resposta agressiva muito mais rapidamente.

6. Somos mais inclinados a confiar em empresas com logotipos azuis

Se você reparou que os logotipos de empresas de cartões de crédito, seguros e computadores geralmente são azuis, sua percepção está bem apurada. As tonalidades azuladas transmitem uma sensação de segurança; portanto, somos mais propensos a pensar que as empresas são confiáveis se elas usarem azul em seus logotipos ou produtos.

7. O azul pode salvar nossas vidas e reduzir o crime

O azul vai ainda mais longe, porque pode nos ajudar a escolher a vida em vez da morte. Algumas estações de trem no Japão instalaram luzes azuis para impedir que as pessoas pulem nos trilhos para cometer suicídio.

8. Etiquetas codificadas por cores podem nos fazer escolher comida mais saudável

As cores também podem nos ajudar a modificar nossa dieta. Uma intervenção foi realizada na cafeteria de um hospital, na qual os alimentos vendidos eram rotulados de verde para “saudável” e vermelho para “não saudável”. O teste concluiu que a codificação dos alimentos por cores pode nos auxiliar a melhorar nossas escolhas alimentares. Um estudo mais recente, feito usando o sistema de cores das luzes do semáforo, que incluía o amarelo para rotular alimentos “menos saudáveis”, também mostrou resultados que sinalizavam opções por comidas mais saudáveis.

9. Homens e mulheres veem cores de maneiras diferentes

Se você se lembra do debate sobre o vestido azul/preto versus branco/dourado, parece loucura que as pessoas possam ver as mesmas cores de maneira diferente. Mas a verdade é que todo mundo as vê de formas diversas e também há variação na forma como homens e mulheres veem as cores. Homens são melhores em detectar detalhes finos, que mudam rapidamente de longe, enquanto mulheres são melhores em distinguir tonalidades de cores.

10. Cor de laranja nos faz pensar sobre bons valores

O laranja é chamativo, razão pela qual é geralmente usado em cones de trânsito e uniformes de prisão. Mas também nos faz pensar em diversão e entretenimento, como os tons usados pela Nickelodeon e pela Fanta. Também tendemos a associá-lo ao valor monetário. A Home Depot e a Jetstar fizeram a coisa certa, colocando laranja na sua marca.

11. A cor verde pode potencializar nossa criatividade visual

Não é incomum ouvir pessoas dizendo que deveríamos ter plantas em nosso local de trabalho, mas é fato que mesmo uma parede ou um papel verde podem ter um impacto positivo sobre nós. Embora a cor possa não ajudar na criatividade verbal (por exemplo, quando estamos escrevendo um livro de contos), pode melhorar nosso desenvolvimento de novas ideias no campo visual. Definitivamente, são boas notícias para artistas, pessoas do setor de publicidade e estudantes que trabalham com imagens!

12. Jogadores de hóquei no gelo que usam preto cometem mais penalidades

As equipes que usam uniformes pretos para jogar hóquei no gelo cometem mais penalidades do que as equipes que usam outras cores. Alguns dizem que isso significa que as pessoas tendem a se sentir mais poderosas e a ser mais agressivas quando vestem preto, no entanto, alguns pesquisadores argumentam que é possível que os árbitros sejam mais tendenciosos contra a cor preta.

13. As cores podem nos enganar quando se trata de temperatura e peso

O vermelho é frequentemente visto como quente, e azul, como frio, mesmo que não haja nenhuma diferença na temperatura real. Surpreendentemente, quando o toque direto está envolvido, um objeto azul é percebido como mais quente que um vermelho. As cores também dão certa ilusão em relação ao peso; o mesmo objeto com o mesmo peso pode parecer mais pesado se for pintado de vermelho e mais leve se for amarelo.

14. Cometemos mais erros quando trabalhamos em um escritório branco

Parece fazer sentido que o branco transmita uma sensação de limpeza e concentração, e é por isso que alguns escritórios têm interiores brancos. No entanto, um estudo descobriu que as pessoas que trabalhavam em escritórios brancos cometiam mais erros em comparação às que desenvolviam suas atividades em um ambiente pintado de vermelho ou verde. De fato, aquelas que trabalhavam em salas vermelhas cometiam o menor número de erros, embora a maioria tenha afirmado que a cor do seu espaço as distraía mais do que o escritório branco.

15. Nós consideramos o roxo como luxuoso, porque ele costumava ser caro

Tecido roxo costumava ser ridiculamente caro, porque o processo de fabricação do corante, a partir de pequenos frutos do mar, era longo e difícil. Somente governantes e padres podiam se dar ao luxo de usá-lo na época. Felizmente, um estudante de química de 18 anos fez, acidentalmente, um corante púrpura e depois o produziu em massa para que mesmo uma pessoa comum pudesse usar roupas dessa cor.

Bônus: você sabia?

O daltonismo afeta 1 em cada 12 homens e 1 em cada 200 mulheres. Embora o tipo mais comum de daltonismo seja o que a pessoa tem dificuldade de diferenciar o vermelho do verde, também há a incapacidade de distinguir as tonalidades de azul e amarelo e o daltonismo completo.

Você já tomou decisões com base em cores que fizeram com que se arrependesse ou se sentisse feliz depois? Conte para a gente nos comentários de que forma as cores o influenciaram a tomar decisões na vida.

Compartilhar este artigo