Incrível

O que é estimulação pré-natal e como você pode praticá-la?

Você já ouviu falar da estimulação pré-natal? Essa é uma técnica que tem como objetivo estimular o bebê antes do nascimento, ajudando em seu desenvolvimento durante quase toda a gestação. Graças aos exames que monitoram o bem-estar fetal no útero da mãe, sabemos que, a partir do terceiro mês da gravidez, os sentidos do bebê já estão desenvolvidos e são receptivos ao que acontece no exterior e às sensações e emoções que a mãe experimenta.

Incrível.club quer compartilhar com você quais são os tipos de estimulação pré-natal que podem ser realizados para beneficiar a inteligência, o crescimento e o desenvolvimento físico do bebê e fortalecer seu vínculo com a mãe e o pai.

Estimulação tátil

O que é estimulação pré-natal e como você pode praticá-la?

Esse estímulo tem a ver com o contato direto entre a mãe e o bebê. A sensibilidade do feto começa a se desenvolver a partir da 7.ª semana de gestação, de modo que, se a mãe fizer alguma pressão em seu ventre, as vibrações podem ser transmitidas através do líquido amniótico e alcançar o bebê.

Recomenda-se fazer massagens suaves na barriga com as pontas dos dedos, com algum creme para o corpo ou mesmo com diferentes texturas (como com uma escova ou um espanador). O importante nesse exercício é que os movimentos sejam pausados e tranquilos, para que o bebê perceba o contato de maneira sutil e não seja superestimulado.

Estimulação motora

O que é estimulação pré-natal e como você pode praticá-la?

Essa estimulação pode ser feita a partir da 10.ª semana de gestação, quando se formam os canais semicirculares no bebê, relacionados com o equilíbrio. No entanto, o mais recomendável é intensificá-la, quando tiver passado o primeiro trimestre da gravidez.

A estimulação é feita pelos exercícios praticados pela mãe, como, por exemplo, natação, dança moderada ou Pilates, desde que voltados para mulheres grávidas. A mulher também pode praticar ioga como parte dessa técnica.

Estimulação auditiva

O que é estimulação pré-natal e como você pode praticá-la?

Essa técnica pode começar a ser colocada em prática a partir da 14.ª semana de gestação, quando o sistema auditivo do bebê estiver desenvolvido. Consiste em falar com a barriga de maneira clara e suave: você pode cantar para o bebê, ler histórias e colocar música com melodias simples, sempre em um volume moderado.

É muito importante que, de acordo com as possibilidades, tanto o pai quanto a mãe se envolvam nesse processo, para que o bebê reconheça as vozes das pessoas que farão parte de seu convívio. O mesmo acontece com os sons de um animal de estimação ou da natureza.

Estimulação visual

O que é estimulação pré-natal e como você pode praticá-la?

A partir da 27.ª semana de gestação, o bebê consegue perceber a luz, tanto natural quanto artificial, através da parede abdominal da mãe. Dessa forma, o córtex cerebral pode ser estimulado e, com ele, a retina ocular e o nervo óptico.

A futura mãe pode descobrir a barriga e tomar Sol por 10 ou 15 segundos e depois cobri-la. Também pode iluminar a barriga com uma lanterna e movimentá-la lentamente para os lados ou para cima e para baixo. O bebê deve reagir e poderá até dar alguns chutes para confirmar isso.

De acordo com a embriologia, a estimulação pré-natal ajuda a desenvolver a comunicação, a coordenação visual-motora, o raciocínio, o senso musical e a criatividade da criança, entre muitas outras coisas.

Grande parte do desenvolvimento fetal pode ser afetado positiva ou negativamente pelos estímulos que ocorrem nesse estágio inicial. Portanto, recomenda-se que as gestantes estejam sempre em ambientes tranquilos, mas ao mesmo tempo ativos o suficiente para promover a saúde mental e física do bebê.

Você conhece alguma dica que possa ajudar uma mãe a estimular seu bebê desde o ventre? Acredita que a estimulação pré-natal pode afetar o comportamento futuro de uma criança? Compartilhe suas opiniões na seção de comentários.

Ilustradora Elena Sorokina exclusivo para Incrível.club