Incrível

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Muitos pais que trabalham fora muitas vezes experimentam sentimentos de culpa por ter de deixar seus filhos em creches ou no Jardim de Infância. Certamente, outros que estão prestes a viver essa experiência podem vir a questionar o propósito de fazer com que os filhos frequentem a escola tão cedo, sabendo que podem adoecer por causa do contato com outras crianças. Todas essas dúvidas têm um impacto psicossocial e geram muita incerteza sobre como cuidar melhor dos filhos.

Incrível.club entende a insegurança dos pais para dar esse passo e, portanto, compartilha algumas razões pelas quais privar os filhos do contato com outras crianças no Jardim de Infância não é a melhor ideia.

1. As crianças adquirem gastroenterite mesmo sem ir ao Jardim de Infância

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

gastroenterite é uma doença muito comum do trato digestivo, em que há inflamação e, portanto, causa sintomas como a perda de apetite, diarreia, vômito e fraqueza. Em crianças pequenas, com menos de 5 anos de idade, é uma doença frequente.

Um estudo publicado na revista Pediatrics avaliou um grupo de crianças durante seus primeiros 6 anos de vida, com o objetivo de observar a frequência com que foram diagnosticadas com gastroenterite aguda. O resultado mostrou que 1.344 de 2.220 crianças pertencentes ao grupo estudado e que frequentavam o Jardim de Infância durante o primeiro ano de vida apresentaram quadros da doença; no entanto, embora as crianças que frequentam o Jardim de Infância tenham mais gastroenterite no primeiro ano, as que não o frequentam tendem a adoecer mais vezes após essa idade.

2. A gripe em tenra idade fortalece o sistema imunológico

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Outro estudo, este publicado pela médica Marieke LA De Hoog, do Centro Médico da Universidade de Utrecht (Holanda) e sua equipe, mostrou que as doenças respiratórias e infecções de ouvido também estão mais presentes durante o primeiro ano de vida das crianças. No entanto, as crianças que tiveram mais infecções no início adoeceram menos com o passar do tempo.

Isso mostrou que, embora a doença estivesse mais presente na primeira infância, ela teve um efeito protetor anos mais tarde. De fato, essa proteção durou ao menos até as crianças completarem 6 anos, o tempo de duração dessa pesquisa.

3. Reforço no desenvolvimento psicológico e emocional

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Um estudo realizado por Deborah Lowe Vandell, da Universidade da Califórnia, nos EUA, mostrou que as crianças que frequentavam o Jardim de Infância desde o primeiro ano de vida obtiveram pontuações mais altas no desempenho acadêmico e cognitivo anos depois, já na adolescência.

O estudo levou em consideração a qualidade do Jardim de Infância e as horas nele, compilou os resultados padronizados dos testes e entrevistou adolescentes, suas famílias e suas escolas. As crianças tinham diversas origens.

4. Estimulação para o aprendizado futuro

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Pesquisadores de 5 universidades, liderados pela Harvard Graduate School of Education, analisaram mais de 20 estudos de alta qualidade, realizados entre 1960 e 2016. Essa meta-análise descobriu que as crianças que frequentavam o Jardim de Infância desde a tenra idade tinham menor probabilidade de buscar educação especial, além de ter menor possibilidade de repetir de ano e maior probabilidade de se formar no ensino médio, em comparação com os colegas que não haviam frequentado o Jardim de Infância.

Isso evidencia que as habilidades socioemocionais podem desempenhar um papel fundamental no desenvolvimento da primeira infância e que ajudam na capacidade das crianças de participarem continuamente de ambientes de aprendizagem.

5. Maior e melhor socialização com outras crianças

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Um estudo realizado por pesquisadores de 7 Institutos e Centros da Finlândia constatou que existe uma importante relação entre o cuidado infantil precoce e uma maior sociabilidade geral na idade adulta em crianças de 3 e 6 anos, avaliadas 32 anos depois.

Os resultados reforçaram a hipótese de que o comportamento social durante a primeira infância representa apenas uma pequena parte da sociabilidade — definida como a vontade de estar com os outros -, mas, mesmo assim, mostrou-se algo muito significativo.

6. O Jardim de Infância como apoio na criação para os pais que trabalham

6 Razões pelas quais você não deve privar seu filho de ir ao Jardim de Infância

Apesar das preocupações ou incertezas na hora de deixar os pequenos em um Jardim de Infância, um estudo publicado pela Universidade de Chicago, nos EUA, descobriu que essas horas em que as crianças permaneciam na escola representavam enormes benefícios a longo prazo para os pais.

Essas crianças obtiveram “capital social”, ou seja, tiveram melhor desempenho em suas atividades sociais e melhor inserção no mercado de trabalho. Da mesma forma, apresentaram taxas de depressão notavelmente mais baixas e experimentaram menor dificuldade financeira a longo prazo.

E você, já teve de deixar seus filhos no Jardim de Infância? Como foi sua experiência? Queremos saber sua opinião nos comentários.

Ilustrado por Yekaterina Ragozina exclusivo para Incrível.club