Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

5 Situações que costumam terminar em divórcio

1---
20k

Viver a dois raramente é uma tarefa fácil. Inevitavelmente, o casal se depara com crises, conflitos e dúvidas, que são coisas absolutamente normais. Quando encaramos esses problemas com inteligência, vemos que eles não precisam virar verdadeiras tragédias, podendo ser vivenciados como oportunidades para melhorar o relacionamento.

O Incrível.club deseja que o mundo seja repleto de famílias felizes. Por isso, resolvemos falar um pouco sobre os perigos do casamento e de caminhos para evitá-los.

Decidir casar sem pensar bem

Pesquisadores da Universidade de Utah, Estados Unidos, afirmam que mulheres que tiveram menos de três relacionamentos se separam mais em comparação com aquelas mais experientes. Isso provavelmente acontece porque pessoas jovens costumam casar sem refletir bem sobre o assunto. Só que aquela paixão arrebatadora, cedo ou tarde acaba perdendo força.

O que fazer? O casamento requer um trabalho longo, sério e nem sempre agradável. Ao tomar essa decisão tão importante, é preciso ter em mente que a tarefa requer responsabilidade e dedicação.

Tarefas domésticas rotineiras

Na psicologia, há o consenso de que regras muito rígidas num lar podem virar uma causa comum de divórcios. Uma rotina extremamente definida, que diz quem e a que horas deve levar o lixo para fora ou limpar a casa cria a sensação de obrigação, não de ambiente acolhedor que todos gostamos de ter.

O que fazer? Seja criativo! Brincadeiras e hábitos em comum, troca de responsabilidades como limpar e cozinhar transformam as tarefas num divertido jogo. Seja mais simples. De vez em quando, permita a si mesmo e ao parceiro ou parceira pedir uma pizza ou sair para comer em vez de gastar as últimas forças preparando o jantar. Adie a faxina no sábado para "depois". Ou crie uma competição que premie quem terminar a limpeza dos cômodos mais rapidamente.

Alguém próximo se divorcia

Ter um contato próximo com um casal que está pensando em se separar pode acabar tendo influência sobre o outro, principalmente quando o relacionamento não é tão próximo. Quando o assunto divórcio torna-se ago habitual, surge o risco de provocar comparações entre o próprio casamento e os daqueles que acabaram de se divorciar, fazendo surgir supostas similaridades.

O que fazer? A dica para resolver esse problema vai além de cortar relações com o casal "perigoso". Neste caso, o importante é manter um relacionamento verdadeiramente íntimo com seu parceiro ou parceira, mas não só durante o divórcio de Fulano ou de Sicrano, e sim também antes e depois disso. Quando a relação é harmoniosa, nenhum fator externo pode destruí-la.

Muito volume de trabalho

Ter uma carreira de sucesso é ótimo, desde que ela não sacrifique sua vida pessoal. Ser um especialista renomado não vale nada quando você corre o risco de acabar com sua família. Assim, não ignore suas tarefas profissionais, mas não esqueça de investir também no que possui em casa.

O que fazer? Priorize corretamente as coisas. É importante saber separar trabalho e família, sem exagerar na importância dada a uma coisa nem prejudicar a outra. É preciso saber dizer "não" ao seu chefe quando ele pede um trabalho extra numa sexta-feira à noite. E também é preciso explicar ao parceiro ou parceira a importância da reunião de hoje, e que é melhor escolher outra data para aquele jantar a dois.

Ocultar a infidelidade

A infidelidade uma das provas mais difíceis pelas quais pode passar um casal. Se o erro já foi cometido, é necessário encarar as consequências.

O que fazer? É preciso entender que guardar o segredo durante a vida inteira é mais prejudicial para o casal do que confessar. Ninguém poderá prometer que seu parceiro ou parceira irá perdoar, mas é mais seguro do que ficar num "esconde-esconde" capaz de causar danos ao seu próprio coração e acabar comprometendo a relação. Enquanto a honestidade dá a chance de recuperar a vida a dois, a mentira acaba definitivamente com as esperanças.

Иллюстратор Natalia Kulakova exclusivo para Incrível.club
Produzido com base em material de goodmenproject, shaunti, ifstudies
1---
20k