Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Teste: o que mais te incomoda nas pessoas?

Não há como negar: há certas características de certas pessoas que não agradam muito as outras. Trata-se de algo muito subjetivo. Afinal, é difícil entrar num acordo sobre o que é tolerado e o que é totalmente inaceitável.

Neste post, o Incrível.club sugere que você faça um simples teste que pode determinar quais os seus limites quando o assunto é o comportamento alheio. Leia atentamente a história abaixo e siga as instruções.

Conheça esta emocionante história

Há pouco tempo, Irene se mudou para a casa de seu namorado, Carlos. Os dois estão juntos há cerca de um ano. Um dia, Carlos ficou sabendo que Irene tinha sido infiel. Ela o havia traído em sua própria casa, e com seu melhor amigo, Tomás. Enfurecido e sem querer ouvir explicações, Carlos expulsou Irene de casa, apesar de saber que o bairro era perigoso, que já era madrugada e que a mulher não tinha dinheiro.

Irene ligou para Tomás, para que fosse buscá-la, ou para que ao menos desse algum conselho sobre o que fazer. Mas seu ex-amante não quis ajudá-la, dizendo que estava ocupado demais. Desesperada, a jovem saiu correndo pela rua, onde acabou atropelada por um carro dirigido por Cláudio. Naquela noite, ele estava sem sua carteira de motorista e, para evitar um problema ainda maior, preferiu fugir do local sem prestar socorro.

A vítima foi levada ao hospital, chegando exatamente na hora em que acabava o plantão do doutor Ivan. Ele tinha muitos assuntos urgentes a resolver, então se negou a atender Irene, alegando que o médico do próximo turno estava prestes a chegar.

Só que o doutor Alberto tinha exagerado no vinho na noite anterior, e não estava se sentindo muito bem, por isso não foi trabalhar. Aliás, aquela não era sua primeira falta por causa de seu problema com bebidas alcoólicas. No fim das contas, Irene morreu no hospital devido a uma hemorragia interna.

Para você, de quem é a culpa?

Em sua opinião, quem é culpado pela morte de Irene? Veja cada uma das imagens abaixo (sem clicar nelas!) e associe o número 1 àquele que tem a maior parcela de culpa. Em seguida, dê os demais números aos outros personagens da trama, em escala ascendente de culpa. Cuidado para não se confundir: anote os nomes com seus respectivos números numa folha de papel.

Irene

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Carlos

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Tomás

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Cláudio

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Ivan

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Alberto

Clique na imagem para ver a resposta
Clique na imagem para ver a resposta

Chave para o teste

Cada um dos participantes desta tragédia representa um defeito humano. Para descobrir qual exatamente, basta clicar na imagem correspondente.

  • As características que você associou com os números 1 e 2 são os pecados mais intoleráveis, em sua opinião. Ao enfrentar algum deles, dificilmente conseguiria perdoar.
  • Os dois defeitos seguintes poderiam, dependendo da situação, ser perdoados por você, apesar de serem coisas que desagradam bastante.
  • Ao seu ver, os dois últimos traços não são tão terríveis e você poderia perdoá-los. Ao menos, se esforçaria para fazer com que seu ente querido se livrasse deles.
Ilustradora Ksenia Shvedova exclusivo para Incrível.club