Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Estas 9 qualidades podem impedir uma pessoa de alcançar o topo da carreira

Para construir uma carreira de sucesso, cada vez mais são necessárias habilidades profissionais e interpessoais. Uma pesquisa da renomada universidade de Harvard revela que desde 1980, a quantidade de tarefas em um emprego que requerem habilidades sociais aumentou em 24%, enquanto as que precisam de inteligência e conhecimentos técnicos não aumentou tanto.

O Incrivel.club apresenta as principais habilidades anti-sociais e padrões de comportamento que impedem uma pessoa de alcançar o sucesso profissional.

A vítima

No início, as vítimas profissionais não parecem ser assim. Ganham a simpatia e o apoio dos colegas. Mas com o passar do tempo começa a ficar claro que ficar fazendo esse papel de vítima é um estilo de vida e não apenas uma fase ruim.

As vítimas tendem a evitar suas responsabilidades e suas reclamações são constantes. Cada pedra em seu caminho é encarada como uma dificuldade insuperável, chegando a estar dispostas a contar isso para o mundo inteiro e, o que é pior, 24 horas por dia. Com tudo isso, a solução para qualquer problema nunca vai chegar.

O manipulável

Esses perfis são, em geral, simpáticos com todo mundo. Os chefes e os colegas os exploram ao máximo, se aproveitando de sua personalidade para alcançar os próprios objetivos sem a menor cerimônia.

Por outro lado, essas pessoas "maleáveis" causam também a ira dos demais. Uma pessoa que constantemente concorda e aceita tudo, que não tem coragem de expressar sua discordância com algo e não se defendendo, dificilmente será capaz de ocupar um alto cargo em seu local de trabalho.

O culpável

As pessoas que nunca pedem desculpas aos outros, imaginando-se superiores, não provocam emoções positivas. Mas as que mais irritam são aquelas que se desculpam sem para, às vezes, até mesmo sem uma justificativa aparente.

São, em geral pessoas indecisas, reservadas, passivas e com medo das críticas.

Por esse motivo, nunca chegam a cargos mais altos em sua trajetória profissional.

O covarde

O medo é um poder muito forte que pode ser utilizado para conduzir as massas. Um colega de trabalho covarde ou alarmista geralmente pode se comportar de maneira irracional.

​​Os fracos e medrosos podem culpar os outros empregados de seus próprios erros ou até mesmo escondê-los, quando na verdade deveriam corrigi-los. Tudo isso afeta negativamente os resultados de seu trabalho e, portanto, a todas as pessoas da equipe.

O exaltado

Funcionários de temperamento alterado e forte geralmente despejam suas emoções sobre as costas de seus colegas de trabalho. Não importa se tal emoção é uma alegria ou uma ofensa, ira ou impaciência, essas pessoas vivem para discutir e não costumam controlar as próprias emoções.

Com esse tipo de pessoas, raras vezes se consegue estabelecer um contato saudável para trabalhar de forma produtiva. Em uma equipe, normalmente, não são bem vindas.

O velocista

Os velocistas tendem a culpar os seus fracassos à falta de oportunidades, desculpando-se que simplesmente alegando que são vítimas da má sorte. No entanto, um resultado de sucesso é fruto de um trabalho duro e árduo, e nada tem que ver com sorte.

Esse tipo de perfil costuma ser associado com pessoas que não querem assumir que têm uma maratona pela frente, e não uma corrida de 100 metros. Portanto, chegam ao "ponto de ebulição" já no segundo dia de um projeto. E como resultado, não conseguem dar conta do recado.

O conservador

Os conservadores se escondem no passado. Suas habiliades não se desenvolvem porque são pessoas convencidas de que chegaram no máximo de suas capacidades.

No final, gente com esse perfil nunca consegue alcançar uma carreira significativamente alta. Afinal, para eles vale a máxima: "Sempre fiz assim, para que mudar se em time que está ganhando não se mexe?"

O arrogante

Pessoas arrogantes, em geral, recebem qualquer observação ou feedback como algo pessoal, um verdadeiro desafio que tem de ser corrigido com obstinação.

Por fora, essas pessoas aparentam ser muito seguras de si mesmas, mas na realidade, não o são. Como resultado, podem cometer erros graves, o que as impede de subir até o topo de sua trajetória profissional.

O dementador

Nos filmes de Harry Potter, os dementadores são criaturas mágicas que se alimentam das emoções positivas deixando as pessoas com os seus piores pesadelos e más recordações.

Em uma equipe de trabalho, você também pode facilmente encontrar esse tipo de pessoa. Elas te causam horror apenas pela sua aparência e espalham negatividade ao seu redor, sem ter que pronunciar uma só palavra. Trabalhar de maneira eficaz com esse tipo de pessoa é praticamente impossível, já que o seu pessimismo alcança magnitudes epidêmicas críticas. Seu bom humor e sua atitude positiva em relação ao trabalho vão desaparecer em questão de segundos ao lidar com eles.

Ilustrador Daniil Shubin exclusivo para Incrível.club