Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Descubra como os traços faciais podem influenciar em seu futuro

Às vezes as aparências enganam, às vezes, não. O que sabemos é que todos nós, irremediavelmente, nos deixamos levar por elas. O Incrível.club gostaria que você descobrisse de que forma os traços faciais influenciam em como os outros nos enxergam. Não deixe de conferir!

A ciência já demonstrou que o autêntico reflexo das nossas emoções está justamente no rosto.

Nosso cérebro julga as expressões faciais numa velocidade surpreendente, e decide inconcientemente de quem devemos gostar ou não. Portanto, se a primeira impressão é a que conta, devemos levar em consideração que o estímulo inicial recebido vem, primeiro, do rosto observado.

Estudos recentes, que analisam como a aparência facial tem a ver com o sucesso, asseguram que, quanto mais dominante você parece, mais chances tem de ser contratado como um alto executivo.

Por outro lado, parece que o segredo de uma pessoa acessível e confiável estaria no sorriso. O aspecto jovem e ar atraente estariam associados ao tamanho dos olhos, e o caráter dominante teria ligação com a masculinidade do rosto. Além disso, a inclinação do rosto e o tom da pele também teriam um papel importante.

Acredita-se especialmente que a honestidade se reflete no rosto. As probabilidades de você topar emprestar dinheiro para pessoas que lhe parecem confiáveis são muito maiores do que para quem não tem determinadas características faciais.

Mas, como podemos saber os traços de um rosto honesto, competente ou dominante? Uma possibilidade é a de que apenas respondemos a expressões faciais: um sorriso bonachão, ou uma sobrancelha franzida.

Na hora de julgar, reagimos a pequenas diferenças no rosto, desde a forma das sobrancelhas à estrutura óssea. A verdade é que, quando você conhece alguém, o avalia inconscientemente.

Comprovou-se que leva apenas 40 milisegundos para formar uma opinião sobre a personalidade de alguém. Isso é quase um piscar de olhos. Até mesmo crianças de 3 ou 4 anos decidem quem é "malvado" e quem é "bom" baseando-se apenas na aparência.

As aparências enganam? Nossa percepção pode não estar correta, e isso pode nos levar a machucar outras pessoas.

Seja entrando numa festa, conhecendo os pais do namorado ou namorada, ou sendo entrevistado para uma vaga de emprego, sua aparência pode estar decidindo seu destino.

E como acontece com alguns tipos de preconceito, nós somos tanto as vítimas quanto os algozes: todos nós já julgamos alguém injustamente com base apenas na aparência, assim como também já fomos julgados em algum momento.

E esta é a verdade que precisamos encarar, e, quem sabe, mudar para melhor algumas de nossas atitudes.

Imagem de capa Deposit
Produzido com base em material de BBC, Ssociologos