Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
12 semanas para o renascimento criativo

12 semanas para o renascimento criativo

----
444

A criatividade é uma qualidade do ser humano que muitas vezes fica adormecida por falta de estímulo. Todos temos capacidade de criar e, quando não conseguimos pensar em coisas interessantes, muitas vezes nos sentimos num beco sem saída

A escritora, artista e jornalista americana Julia Cameron, especialista em descobrir habilidades criativas, mudou a vida de milhões de pessoas com suas obras. Em seu livro O caminho do artista, ela descreve 12 semanas de atividades práticas ao longo das quais, gradualmente, aprendemos a liberar nossa criatividade.

Não importa quantos anos você tem ou o que faz da vida, se seguir os conselhos desta autora, obterá uma liberdade criativa. No Incrível.club já começamos a implementar essas dicas.

Semana 1. Recuperar a sensação de segurança.

Para descobrir o seu potencial, você deve saber ouvir sua voz interior e seus verdadeiros desejos. Estes exercícios vão ajudá-lo a alcançar isso:

  • Páginas matinais. Toda semana levante-se meia hora mais cedo e escreva três páginas de um caderno à mão sobre seu fluxo de consciência matutina. Nessa hora do dia, sua voz interior soa mais claramente.
  • Encontro criativo. Uma vez por semana, passeie sozinho. Faça o que você sempre quis fazer, mas nunca teve tempo de realizar.
  • Vidas imaginárias. Faça uma lista de cinco vidas que você teria gostado de viver. Pense em como você pode integrar os fragmentos delas em sua vida diária.

Semana 2. Recuperar o senso de identidade.

Não tenha medo de ser você mesmo e de mostrar a sua versatilidade. Aos poucos, integre em sua vida o que você gosta de fazer.

  • Nomeie vinte atividades favoritas (desenho, ciclismo, tocar violão, correr, etc.). Esta lista é uma excelente fonte de ideias para um encontro criativo. 
  • Escolha nesta lista as duas atividades que você mais evita realizar e que pode fazer nesta semana. Dedique tempo a você e o preencha com atividades agradáveis.
  • Dez pequenas alterações. Indique dez coisas que você deseja mudar em sua vida. Comece a efetuar uma mudança por semana. 

Semana 3. Recuperar a sensação de poder.

A força interior está em cada um de nós. Mas às vezes é difícil percebê-la, quando você se sente preso. E agora é quando você vai mais precisar dela.

  • Nossos hábitos. Alguns deles nos atrapalham ou nos envergonham. Podem até mesmo ser prejudiciais. Nomeie três deles. O que ocorreria se os deixasse?
  • Bússola interna. É o instinto que nos adverte quando estamos em perigo e nos avisa quando encontramos algo útil. Atividades como estas ajudam a desenvolver esse instinto: desenhar, caminhar, limpar, correr. Faça uma delas nesta semana.
  • Indique cinco pessoas que você admira. Agora indique cinco pessoas que você admira em silêncio. Quais qualidades dessas pessoas você gostaria de desenvolver em você?

Semana 4. Recuperar o senso de integridade.

É muito importante aprender a distinguir os verdadeiros sentimentos e entender seus desejos mais profundos.

  • Semana de abstinência de leitura. Qualquer tipo de leitura. Ao absorver constantemente pensamentos e ideias dos outros, não nos escutamos. Quando você para de ler, chegar a um estado de silêncio curativo para sua alma. A recompensa será o seu próprio fluxo de ideias e pensamentos.
  • Viagem no tempo. Descreva-se em 80 anos. O que você fez depois dos 50, o que lhe deu prazer? Agora escreva uma carta como se tivesse 80 anos para você mesmo na idade atual. O que você diz? Que interesses você aconselharia seguir? Que sonhos apoiaria?
  • Abra seu armário. Livre-se de todas as roupas que humilham a sua dignidade. (Você sabe de objetos estou falando). Libere espaço para novas compras. 

Semana 5. Recupere o senso de possibilidade.

Ao fingir que estamos bem, empobrecemos, em vez de tomar uma ação radical e permanecer fiel à nossa essência.

  • Caixa com sonhos. Escolha cinco de seus sonhos mais caros e, durante uma semana, coloque numa caixa especial todas as imagens e as coisas relacionadas a eles.
  • Se eu tivesse 20 anos e tivesse um monte de dinheiro... indique cinco aventuras e adicione fotos à sua caixa de sonhos.
  • Se eu tivesse 65 e tivesse um monte de dinheiro... liste cinco dos prazeres que mais lhe agradam e os adicione à caixa de sonhos..
  • 10 objetos que eu gostaria de ter. Procure fotos deles e os guarde na caixa.

Semana 6. Recupere a sensação de abundância.

Quando começamos a nos dedicar ao que nós amamos, logo conseguimos dinheiro, abrem-se todas as portas, nos sentimos úteis e o trabalho nos parece um jogo.

  • Confira suas roupas. Jogue ou dê a alguém cinco peças de vestuário desgastadas.
  • Aprovação. Você pode sentir o novo fluxo de sua vida? Aprenda a dizer 'sim' a todas as oportunidades e aos presentes que irão surgir.
  • Ambiente. Alguma coisa mudou? Faça com que haja mudança.
  • Comunicação. Envie cartas a cinco amigos. Mas só envie para quem você realmente gostaria de receber uma resposta. 

Semana 7. Recupere o senso de conexão.

Admita a possibilidade de que o universo ajuda você a fazer o que você faz. Então será mais fácil de aceitar novas ideias e novos caminhos se abrirão para a inspiração.

  • "Eu me torno mais forte quando me valorizo"​. Torne esta frase seu mantra pessoal e a repita todos os dias. 
  • Vá para um lugar sagrado para você: uma igreja, uma biblioteca, uma floresta e se permita desfrutar do silêncio e da solidão restauradora. Cada um tem a sua percepção de que lugar poderia ser considerado sagrado.
  • Colagem. Junte uma pilha de revistas velha, olhe-as e recorte qualquer tipo de desenhos e fotografias que reflita a sua vida ou os seus interesses. Tome este exercício como uma autobiografia em imagens. Use o seu passado, presente, futuro e sonhos. Em seguida, cole as imagens em uma folha de papel na sequência que você quiser.

Semana 8. Recupere a sensação de força.

É hora de determinar quais as mudanças práticas que você pode fazer em sua vida. Livre-se dos preconceitos que lhe obrigam a se conformar com menos do que você quer.

  • O dia perfeito. Descreva o dia perfeito que geralmente está apenas em seus sonhos. Sem limitações. Mergulhe nessa fantasia o quanto quiser.
  • Escolha uma característica desse dia perfeito. E permita-se a realizá-la. Talvez no momento você não tenha a oportunidade de se mudar para Roma, mas você pode preparar seu café favorito e desfrutá-lo comendo um bolo.
  • Descreva o seu sonho e determine o seu verdadeiro objetivo (respeito, amor, harmonia). Elabore um plano de ação. Cinco anos. Três anos. Um ano. Um mês. Uma semana. Agora. Escolha com qual deles você poderia começar. A realização destes exercícios já é um começo.

Semana 9. Recupere o senso de compaixão.

Não chame sua incapacidade de começar algo de preguiça. É  medo, não preguiça. É hora de se livrar dos obstáculos emocionais em seu caminho criativo atrever a arriscar novamente.

  • Prioridades. Indique seus objetivos criativos para o próximo ano. Para o próximo mês. Para a próxima semana.
  • Leia as suas páginas madrugadoras. É melhor destacar com cores diferentes as revelações e os pensamentos sábios e as ações necessárias. Considere estas páginas como seu mapa geográfico.
  • Pense se pode resgatar alguma obra ou ação sua que ficou pela metade ou que se perdeu. 

Semana 10. Recupere o senso de autoproteção.

Muitas vezes o nosso próprio comportamento bloqueia a nossa criatividade e se torna um obstáculo para ela. É hora de aprender a encontrar tempo para o que realmente importa.

  • Estabeleça seu limite. Em outras palavras, dizer 'não' ao que o impede de fazer as coisas que você gosta. Por exemplo, nada de trabalho depois das seis horas da tarde.
  • Anote suas cinco vitórias.
  • Dê três exemplos daquilo que poderia fazer pelo seu artista interior (ou seja, por sua criança interior).

Semana 11. Recupere o senso de autonomia.

Existe uma conexão entre cuidar de si mesmo e respeitar-se. Matar seus sonhos só porque eles não são correspondidos significa ser irresponsável consigo mesmo. É hora de parar de tentar ser alguém que não é.

  • Faça um plano de cinco pontos: como você cuidará de si mesmo, o que vai fazer para você nos próximos seis meses, em que cursos você vai se inscrever, que materiais ou ferramentas vai comprar e como vai organizar os seus dias de diversão e as suas férias.
  • Escreva uma carta de apoio endereçada a seu artista interior. Parece muito bobo, mas como é bom receber uma carta como esta!
  • Compre um caderno criativo incomum. Dedique uma página para cada das seguintes questões: saúde, finanças, lazer, relacionamentos, criatividade , carreira e espiritualidade. Sem pensar em razões práticas, indique dez desejos relacionados a cada uma delas.

Semana 12. Recupere o senso de fé.

Cada um tem um sonho especial que só pode ser realizado se nos atrevemos a aceitar o que estamos sonhando. Criatividade requer sensibilidade e total confiança. Isso significa que às vezes você tem de deixar de ter controle sobre a situação.

  • Consiga uma caixa. Algo onde você possa armazenar seus medos, ressentimentos, esperanças, sonhos e preocupações. Use essa caixa. Quando você estiver preocupado, lembre-se de que todas as suas preocupações já estão nessa caixa. E siga em frente.
  • Indique cinco pessoas com quem você possa falar sobre seus medos e com as quais seria possível sonhar e depois fazer planos.
  • E agora pense: até onde ir? O que gostaria de criar? Que caminho você se atreveria a seguir? A que atributos externos você estaria disposto a renunciar para seguir esse sonho?

Esteja aberto aos outros. As pessoas criativas se ajudam e se apoiam. Tem sido sempre assim, ainda que os mitos digam o oposto. E a verdade é que, quando nós apoiamos, coisas verdadeiramente incríveis acontecem.

Material deEl camino del artista
Foto de capa: concordiaedge.blogspot.com
Tradução e adaptação: Incrível.club

----
444