Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 dicas simples para não cair nas armadilhas do seu cérebro

Às vezes parece que toda a nossa vida consiste numa luta constante da razão contra a preguiça, as comidas não saudáveis e outras tentações. E nem sempre a vitória está do nosso lado. No entanto, usando alguns truques psicológicos, você poderá facilmente combater qualquer tentação e, finalmente, se livrar dos maus hábitos.

Hoje o Incrível.club reuniu para você 10 truques psicológicos que te ajudarão a se compreender melhor e a assumir o controle da própria vida.

1. Trate-se com simpatia

Trate-se bem, aprenda a perdoar suas fraquezas, celebre os seus sucessos e não se culpe pelos erros do passado. Afinal, grandes conquistas começam com pequenos passos e, sim, você vai errar pelo caminho. Nosso cérebro protege não só a saúde do 'dono', mas também o próprio humor. É como se ele tivesse vida própria e, muitas vezes, fizesse o melhor para ele, não para você. Quando você se culpa por fraquezas e erros, ele ficará feliz com isso, pois é mais fácil aproveitar essa maré ruim do que lutar para sair dela. É como se ele dissesse: "De jeito nenhum, a dieta já deu errado. Coma a sua fatia de bolo, criatura sem força de vontade!".

2. Não caia na armadilha do preço baixo

Muitas vezes somos confrontados com serviços e brindes de lojas ou de salões de beleza ou, por exemplo, com aquela amostra grátis no supermercado. Recomendamos que não aceite nada de graça se não quer gastar demais. Você não se dá conta, mas seu cérebro aceita esse presente como uma dívida em relação a essa pessoa ou organização. E os vendedores sempre usaram esse tipo de truque. Depois você acaba 'pagando a dívida' com uma compra espontânea, recomendando o produto ou a marca para os seus amigos ou com uma atitude neutra ante um preço elevado. Lembre-se que quem decide se deve comprar ou não é você e mais ninguém.

3. Leia vários livros. Mas pouco a pouco

Você gosta de ler, mas não tem tempo? Leia uma pequena quantidade de páginas por dia. Ao se deparar com um livro de 300, 400 páginas, seu cérebro entra em desespero. Você não sabe, mas ele não gosta de projetos de longo prazo, pois eles consomem muita energia. Por isso leia devagar: cerca de 10 ou 12 páginas por dia, isso não vai assustar seu cérebro. Além disso, é muito pouco e você não se sentirá cansado com a leitura.

4. Treine não só os músculos do seu corpo, mas também o seu cérebro

Visualize seus desejos: não certos objetos, mas habilidades ou alguma situação. Encontre algum tempo para praticá-las antes de dormir. Por exemplo, quando você imagina que levanta peso, o sangue chega a seus músculos, assim o cérebro está se preparando para o exercício. Embora com a visualização você não esteja treinando os seus músculos, esta prática fortalecerá sua motivação e, portanto, o caminho para o seu sonho será menos longo.

5. Não fale durante ou depois de ir à academia

Depois de qualquer exercício físico ou de alguma situação de emergência, você se torna mais sociável e falante do que o normal. É mais fácil que você conte algum segredo por acidente, especialmente se treina com pessoas conhecidas. Isso ocorre porque, durante o exercício, há uma determinada reação de 'lute ou fuja' em seu organismo. Isso vem do tempo em que nossos ancestrais se deparavam com predadores e havia pouco tempo para uma reação. Bem, até hoje o coração reage da mesma forma: ele acelera, assim como a respiração e o cérebro reage a esse estado como uma ameaça de perigo e mobiliza todas as suas forças para superá-lo. E você, nesse meio tempo, torna-se um alvo fácil para qualquer espião. Leve isso em consideração!

6. Deixe de lado os joguinhos de celular

Deixe de lado todos os jogos de celular que "desenvolvem o intelecto e a atenção", pois a maioria não funciona. Se você realmente quer cuidar do futuro do seu cérebro, comece a praticar esporte. Isso ocorre porque, durante o treinamento físico, uma maior quantidade de sangue atinge o cérebro, o que o beneficiará muito mais do que todos os tipos de jogos e quebra-cabeças.

7. Divida uma tarefa difícil em pequenas subtarefas

Se você tem uma tarefa difícil para fazer, divida-a em diversas subtarefas. Isso ajudará seu cérebro a deixar de pensar em uma tarefa difícil, fazendo com que tenha em foco várias pequenas missões consecutivas, que não são tão complicadas. Por exemplo, se você tem de criar um documento muito importante, anote os pontos e coloque a lista na frente de seus olhos. Você não vai notar como pouco a pouco gostará desse processo e o realizará mais rapidamente.

8. Não toque nesse produto!

Você gosta de fazer compras, mas às vezes acha difícil deixar de comprar coisas que não precisa? A culpa é do "hormônio do desejo", a dopamina. Esse hormônio começa a funcionar quando você vê algo interessante e atraente. No entanto, ao tocar a mercadoria, o hormônio começa a funcionar de forma mais eficiente: o sangue atinge o rosto, o coração bate mais rapidamente e, sem perceber, você está colocando em sua cesta alguma coisa inútil, que não precisava. Coloque suas mãos em seus bolsos e não toque nas coisas que não precisa. Isso, claro, se você quiser evitar os gastos desnecessários.

9. Cubra o prato, quando se sentir satisfeito

Este truque simples e fácil ajudará você a não comer demais, mesmo se estiver na companhia de alguém e não puder sair da mesa. Simplesmente remova o prato de sua visão ou cubra-o com um guardanapo. Ajude seu corpo: ao retirar os alimentos da sua visão, sem perceber você para o processo de produção de dopamina, o hormônio do desejo. Seu cérebro considera a comida uma recompensa, mas apenas quando o vê ou sente o seu aroma. Portanto, em vez de lutar contra a vontade de comer mais uma fatia, basta remover a pizza de sua visão, você vai se sentir melhor instantaneamente! Funciona também, com cigarros. Quanto menos tiver em casa, maior a chance de parar de fumar.

10. Para dormir bem, tente pegar no sono com uma luz fraca

Uma hora antes de dormir, desligue a maioria das luzes em todos os cômodos. Este truque permitirá que você durma melhor e seu sono será tranquilo e saudável. Quando a luz escurece, você dá um sinal ao cérebro de que a noite vem vindo e é hora de dormir. Por sua vez, o cérebro 'aprova' a produção de melatonina, o regulador dos ciclos de sono vigília. Aos poucos, o metabolismo fica mais lento e os processos psíquicos passam para o 'modo de sono'.

Ilustradora Dinara Galieva exclusivo para Incrível.club