Incrível
Incrível

18 Mulheres que lutam contra o etarismo e arrasam nas transformações de aparência

A sociedade ainda está em processo de erradicar os estereótipos de idade que fincaram raízes na mente da população há décadas. A maioria dos preconceitos está ligada à aparência. Muitos acreditam que, depois dos 40, é melhor desistir do cabelo comprido e, depois dos 50, de vestidos com babados. Por outro lado, há bastante mulheres se opondo a essa opinião ultrapassada.

Nós, do Incrível.club, damos todo o apoio às heroínas da nossa seleção, que não deixam ninguém fazer sua cabeça.

“Tenho 48 anos. Dizem que sou muito velha para ter cabelo longo, mas eu detesto cortes curtos. Será que usar madeixas compridas depois dos 45 é tão feio assim?”

“Tenho 40 anos, mas ainda adoro experimentos com maquiagem”

“Comecei a pintar o cabelo aos 16 anos. Agora, com quase 40 anos, tomei a decisão de deixar meu cabelo natural crescer, apesar de ter alguns fios grisalhos”

“Entrei na casa dos 30 como uma rainha gótica”

Não é nada mal para quem tem 60 anos, hein?

“Aos 72 anos, minha avó faz suas sobrancelhas com maestria”

“Comprei esta camiseta ainda em 2004. Mesmo agora, com 35 anos, não tenho medo de usar roupas que vestia aos 17”

“Coloquei um piercing no lábio aos 13 anos (eu tinha 15 quando tirei a foto da esquerda). Agora tenho 38, ou seja, se passaram 25 anos, e quero fazer mais um”

“Tenho um amor especial por roupas no estilo boho dos anos 1970”

“Não entendo por que dizem que se deve cortar o cabelo curto depois dos 50 anos”

“Tenho 42 anos. Optei por estampas coloridas para os meus capacetes e não me arrependi”

“Minha mãe afirma que não se deve colorir o cabelo assim aos 30 anos. Será que existem regras de cabelo para quem está na casa dos 30?”

“Comemorando os meus 32 anos. Me sinto linda usando estas peças, que já tenho há muito tempo”

“Tenho 40 anos. Recentemente, voltei a usar piercing”

“Quando eu tinha 30 anos, meus pais me proibiam de fazer tatuagens e piercings, a ponto do meu pai voltar a falar comigo só depois que tirei o meu piercing do nariz. Mas eu não ligo mais para isso.”

Tenho 40 anos e me visto de acordo com minha idade. Isto é, do jeito que eu quero”

“Vou completar 33 anos. Minha pele ficou muito melhor depois que comecei a cuidar dela”

“Estou na casa dos 40. Passei os últimos 10–15 anos cuidando do meu filho e trabalhando. Ganhei peso e nem tive tempo de me interessar por moda. Mas agora estou pronta para viver à vontade”

“Estou com quase 36 anos. Resolvi fazer um moicano. Nunca é tarde demais para fazer o que você quer”

Você também acha que a idade é apenas um número e não define quem somos? Ou você acredita que a moda tem idade? Comente!

Imagem de capa tmc7272 / Reddit
Incrível/Mulher/18 Mulheres que lutam contra o etarismo e arrasam nas transformações de aparência
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos