Incrível
Incrível

16 Mulheres que deixaram as inseguranças de lado e aprenderam a amar a si mesmas e a todas as suas “imperfeições”

Cada vez mais mulheres estão abandonando a busca por se encaixar nos padrões de beleza e aprendendo a aceitar a si mesmas e as outras com todas as suas “imperfeições”. Elas não escondem a barriga flácida, não tentam modelar o formato do nariz e aceitam a calvície como ela é — uma parte delas. E tudo isso porque entendem que a beleza pode ser diferente, pode ser diversa.

Nós, do Incrível.club, selecionamos os relatos de 16 mulheres que apreciam sua beleza e aprenderam a se aceitar do jeito que são. E estamos prontos para compartilhá-los com você. Confira!

“A minha mãe disse que eu aparento gorda nesta foto e me falou para tirá-la do meu perfil”

“Ela ficou preocupada que meus parentes a vissem. Mas a foto ainda está lá porque eu gosto dela. Eu não ligo para o que eles pensam, e a opinião negativa da minha mãe não importa.”

“Eu comprei algumas roupas novas no shopping, e isto é um lembrete de que a sua barriga não precisa ser perfeitamente reta! Todas as silhuetas são válidas”

“Meu nome é Tara, tenho 25 anos e sou careca há sete anos devido à alopecia. Eu raramente uso chapéu. O que há para esconder? Nada”

“A minha vida toda eu tenho tido dificuldade em aceitar a minha aparência”

“Mas eu comecei a perceber que me pareço com as mulheres retratadas nas antigas estátuas gregas. E me sinto bem em ser o padrão de mulher ideal da Grécia Antiga.”

“Me sentindo corajosa, e não estou usando nada para cobrir a acne no meu queixo”

“Depois de ganhar muito peso devido a algumas circunstâncias difíceis da vida, eu escondi o meu corpo por muito tempo”

“Nos últimos dois meses, eu tenho cuidado bastante de mim mesma, e finalmente decidi não esconder a minha aparência pela primeira vez em muito tempo!”

“Eu cancelei a minha consulta para fazer uma rinoplastia”

“Hoje é meu aniversário de 30 anos. Eu normalmente vestiria algo preto e folgado, e definitivamente não mostraria as minhas pernas. Mas depois de um ano cultivando o amor-próprio, comprei o meu primeiro vestido brilhante e justo!”

“Sempre odiei a minha testa de aparência masculina. Mas, honestamente, eu gostei desta foto à primeira vista”

“Alguns anos atrás, eu nunca teria saído em público com um look como este. Hoje em dia, não me importo e me visto como quero”

“Ganhei pouco mais de 6 kg desde outubro de 2021. Ainda aprendendo a amar o que sou”

“Eu lutei contra a acne hormonal por anos e costumava sempre usar maquiagem para cobri-la”

“Mas eu finalmente aprendi a aceitar as minhas ’imperfeições’ e tirar selfies. Sem maquiagem e sem filtros. Tudo o que você precisa é de um pouco de luz do sol e um sorriso.”

“Eu amo o toque de masculinidade que o meu nariz dá ao meu rosto. Fica uma mistura legal”

“Finalmente estou fazendo as pazes com a minha pele depois de anos lutando contra a acne”

“Uma linda mulher de rosa”

“Eu estou aprendendo a aceitar o meu perfil”

Tem algum traço da sua aparência que você não gostava, mas aprendeu a aceitar e hoje não consegue se ver diferente? Compartilhe seus relatos de aceitação e suas fotos com a gente na seção de comentários.

Incrível/Mulher/16 Mulheres que deixaram as inseguranças de lado e aprenderam a amar a si mesmas e a todas as suas “imperfeições”
Compartilhar este artigo