Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

10 Segredos para ficar linda com peças de marcas populares

Se vestir com roupas de lojas populares e ainda assim manter uma aparência elegante é perfeitamente possível. Para confirmar isso, basta observar as ruas para ver inúmeras mulheres arrasando no visual, ainda que não sendo clientes dos estabelecimentos de luxo. Até mesmo algumas celebridades escolhem peças de lojas acessíveis, não apenas para a vida cotidiana, mas até para o tapete vermelho.

O Incrível.club preparou uma lista com 10 orientações simples para que você saiba escolher as peças certas em grandes lojas de baixo custo. Que o estilo e a elegância estejam com você!

10. Prefira cores naturais

Correto

Não é a melhor opção

As tonalidades podem ser tanto pastéis quanto vivas, mas basicamente devem ser sóbrias e naturais. Evite peças fluorescentes e de neon, pois elas passam a imagem de roupa barata e simplista.

9. Opte por silhuetas clássicas e peças minimalistas

Correto

Não é a melhor opção

Nas lojas populares, nem sempre é fácil encontrar uma peça de qualidade com silhuetas ou texturas mais complexas (não que seja impossível!). Assim, é melhor dar preferência a linhas e silhuetas clássicas.

8. Dê atenção ao tema e qualidade da decoração na roupa

Correto

Não é a melhor opção

Observe cuidadosamente a qualidade das aplicações, bordados e inscrições. Caso não se convença da durabilidade, é melhor não comprar a peça. Mas é verdade também que algumas lojas populares oferecem opções de detalhes com bastante qualidade, é preciso ter disposição para procurar bem.

7. Dê uma olhada nas peças de camurça

Correto

Não é a melhor opção

Se houver a chance de escolher entre couro sintético e camurça sintética, fique com a segunda opção.

A camurça sintética é dificilmente distinguida da camurça natural. Geralmente, só gente do ramo consegue diferenciar uma da outra. Portanto, o efeito será o mesmo, e ninguém será capaz de dizer se você comprou aquela jaqueta, casaco ou calçado numa loja de departamento ou numa exclusiva de uma grande marca.

6. Não compre peças pequenas demais

Correto

Não é a melhor opção

Para transmitir uma imagem elegante, é preciso parecer uma mulher sofisticada, e não alguém que pegou roupas emprestada da irmã adolescente. Desta maneira, resista à tentação de querer parecer mais jovem e evite comprar peças "mini".

Pelo mesmo motivo, não compre roupa pensando no corpo que terá quando perder peso. Leve apenas aquilo que você pode vestir agora, e não num futuro incerto.

5. Analise atentamente a qualidade das peças tricotadas vendidas em lojas populares

Correto

Não é a melhor opção

Às vezes, até suéteres e casacos tricotados, que impressionam à primeira vista, não aguentam sequer um mês de uso. E os rasgões em áreas como o cotovelo, bolinhas e desbotamentos não tardam a aparecer, comprometendo totalmente sua imagem. Preste atenção na composição da peça: caso ela tenha sido produzida com materiais sintéticos, é bem possível que fique feia logo após a primeira lavagem.

Roupa tricotada é um ótimo exemplo de quando é melhor pagar mais para comprar uma peça em lã natural: ela surpreenderá pela qualidade e lhe deixará aquecida durante mais de um inverno.

4. Calçados em lojas populares merecem atenção

Correto

Não é a melhor opção

Em lojas que vem roupas a preços acessíveis, é perfeitamente possível encontrar calçados dignos de atenção: há artigos em couro natural, confortáveis, alinhados com as últimas tendências da moda e oferecendo ótima relação custo-benefício.

3. Dê preferência a materiais naturais

Correto

Não é a melhor opção

Em lojas populares, às vezes é possível encontrar vestidos e blusas fabricadas em seda natural, vestidos e cachecóis de lã, assim como casacos de cachemira.

Encontrar peças assim em lojas desse tipo pode ser difícil, então vale a pena ter em mente este pequeno truque: acesse o site da marca e coloque na seção de "busca" aquilo que você deseja. Depois, é só fazer print screen da tela mostrando o produto que lhe interessa e o respectivo código de referência. Você pode levar isto à loja física para facilitar a procura, ou mesmo comprar online, o que for mais conveniente.

2. Escolha vestidos elegantes

Correto

Não é a melhor opção

Você pode escolher um vestido em tons pastéis, com uma provocante cor vermelha, uma peça parecida com pijamas, com estampas, listradas ou xadrez: nas lojas populares, existe uma variedade impressionante, com roupas adequadas aos mais diversos estilos.

Só é preciso escolher, entre todas as opções, vestidos com tecido de qualidade e caimento perfeito. Uma vantagem a mais: muitos looks são formados por duas peças separadas, dando a possibilidade de experimentar com diversas combinações usando a parte de cima ou só a de baixo.

1. Escolha cuidadosamente a bijuteria

Correto

Não é a melhor opção

É óbvio que as bijuterias vendidas em lojas populares têm o direito de existir. Você pode comprar, por exemplo, uma gargantilha da moda ou pingentes em formatos divertidos a preços bem acessíveis. Depois de usá-los por algum tempo, você poderá, sem preso na consciência, deixá-los no porta-joias até que eventualmente apareça alguma ocasião para voltar a colocá-los.

Já se seu objetivo for passar a ideia de sofisticação e elegância, é melhor optar, por um relógio bonito com uma pulseira de couro, fabricado por uma marca mais renomada. E, é claro, deixar de lado as bijuterias com imitações de pedras baratas ou desenhos infantis.

Bônus: celebridades usando peças de marcas populares

Duquesa de Cambridge com saia da Banana Republic

Duquesa de Cambridge com jaqueta da Zara

Duquesa de Cambridge com vestido da Topshop

Duquesa de Cambridge com colar da Zara

Olivia Wilde com terninho da H&M

Imagem de capa eastnews, eastnews