Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Personagens históricos que inspiraram ’Game of Thrones’

----
469

É possível fazer muitas comparações entre os nossos personagens favoritos de 'Game of Thrones' e seus protótipos do passado. A série é, particularmente, baseada na chamada Guerra das Rosas, uma disputa pelo trono da Inglaterra entre duas famílias, York e Lancaster, entre 1455 e 1485, como o Incrível.club mostra neste post. Alguns personagens, no entanto, são inspirados em outras passagens históricas importantes, como o Império Romano.

Daenerys Targaryen e Henrique VII da Inglaterra

Henrique VII da Inglaterra foi um dos pretendentes ao trono durante a Guerra das Rosas. Após a derrota de Lancaster, em 1471, Henrique teve de fugir. Sua bandeira representava um dragão.
Fontes: dic.academic, megabook

Viserys Targaryen e Marco Licínio Crasso

Marco Licínio Crasso, político romano e aliado de Júlio César, foi morto pelos partas durante uma batalha no ano de 53 a. C. A cabeça decepada e o braço de Crasso foram enviados ao rei do Império Parta. Diziam que os partas derramaram ouro derretido na boca de Crasso, por causa de sua sede de poder.

Fonte: bibliotekar

Sansa Stark e Ana Neville

Anne Neville, filha e herdeira do conde de Warwick (falaremos dele na sequência), casou-se pela primeira vez com a tenra idade de 14 anos e se tornou a esposa de Eduardo de Westminster, filho de Henrique VI. Poucos meses depois do casamento, o marido foi morto em uma batalha. Em 1472, casou-se com Ricardo III, futuro rei da Inglaterra: este tinha de garantir a sua riqueza e terra para a casa da família dos York - que participaram da Guerra das Rosas.

Fontes: dic.academic, bibliotekar

Tywin Lannister e Ricardo Neville

Ricardo Neville foi um participante ativo da Guerra das Rosas, a princípio, apoiando a família York e, depois, os Lancaster. Também foi um dos organizadores do golpe de Estado em favor de Eduardo IV de York. Conhecido como 'conde de Warwick, o criador de reis'.
Fonte: dic.academic

Cersei Lannister e Margarida de Anjou

Trata-se de uma cópia da Margarida de Anjou, a bela e cruel princesa da França. Ela casou-se com Henrique VI e , com isso, embora francesa, acabou assumindo o trono da Inglaterra.


Fontes: bibliotekar, books.google.ru

Brienne de Tarth e Joana d'Arc

Os contemporâneos de Joana d'Arc alegam que ela preferia usar roupas e armaduras masculinas e que dominava perfeitamente a espada.
Fonte: newacropol

Talisa Stark e Isabel Woodville

Em 1464, Eduardo IV casou-se secretamente com Elizabeth Woodville, que tinha uma beleza incrível, mas não era de origem nobre e não tinha nenhuma riqueza. Seu aliado, o já citado Ricardo Neville, o conde de Warwick, negociava o casamento de Eduardo com uma princesa francesa e essa atitude foi considerada uma enorme ofensa. Por fim, Warwick acabou ajudando Henrique IV de Lancaster a derrotar Eduardo em 1470.

Fonte: megabook

Yara Greyjoy e a Imperatriz Matilde

Em 1125 (bem antes da Guerra das Rosas, que ocorreu em 1455), os barões a reconheceram como a herdeira de Henrique I. Mas os ingleses não gostavam de seu marido estrangeiro (Godofredo de Anjou, de origem francesa) e não queriam ser governados por uma mulher. Quando Henrique I morreu, em 1135, a Inglaterra e a Normandia reconheceram seu sobrinho, Estevão I, como governante.

Fonte: dic.academic

Robert Baratheon e Eduardo IV

Eduardo IV de Westminster tomou o poder de Henrique VI (que tinha problemas mentais) da dinastia de Lancaster durante a Guerra das Rosas.

Fonte: dic.academic

Stannis Baratheon e Ricardo III

O irmão de Eduardo IV, Ricardo da Casa de York, em 1483 emitiu um ato, segundo o qual seus sobrinhos seriam reconhecidos como os seus legítimos herdeiros e logo tomou o trono.

Fonte: bibliotekar

Ned Stark e Ricardo de York

Em 1460, o parlamento reconheceu Ricardo como o herdeiro de Henrique VI. No entanto, no mesmo ano, ele sofreu uma derrota das tropas da esposa de Henrique, Margarida de Anjou, e morreu em batalha. Sua cabeça foi exibida ao público em uma coroa de papel

Fonte: dic.academic

Imagem de capa commons.wikimedia, HBO,
Produzido com base em material de the guardian, the telegraph
----
469