Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Pai se veste de Elsa e lança livro sobre identidade na infância para apoiar filho fã da princesa de “Frozen”

O australiano Scott Stuart percebeu que o filho, Colin, de 6 anos, é apaixonado pela Rainha Elsa, protagonista da animação Frozen: Uma Aventura Congelante. O menino coleciona bonecas do filme e gosta de se fantasiar como as princesas de contos de fadas. E o paizão encontrou um caminho por meio da arte para encorajar as escolhas do garoto, que sofria com o julgamento de outras crianças.

Incrível.club vai contar um pouco da história dessa família especial, que dá belos exemplos de como todos têm o direito de serem quem são, desde a infância.

Um dia, Colin chegou em casa aos prantos. Quando questionado sobre o motivo das lágrimas, o pequeno revelou: ele ficou desolado pois um colega de classe havia lhe dito que a Rainha Elsa, estampada em sua lancheira, era “coisa para meninas”. Scott tratou de explicar ao filho que o amigo da escola estava muito enganado. Colin aprendeu que não há absolutamente nada de errado com o fato de ele ser um menino e gostar de princesas e bonecas.

Para apoiar o pequeno, o paizão teve uma ideia. No mesmo dia, começou a escrever um livro sobre identidade e quebra de estereótipos na infância. Assim, nasceu o projeto My Shadow Is Pink (“Minha Sombra é Rosa”, em tradução livre). Com páginas e personagens ilustrados pelo próprio Scott, que é designer, a publicação narra as aventuras de um garoto que sofre por não querer aceitar sua sombra rosa. Ele gostaria que fosse azul, como a de seu pai. No entanto, durante a jornada, o menino aprende a amar sua sombra do jeitinho que ela é. Uma linda metáfora!

Scott revelou que não se sentiu confortável quando Colin quis se fantasiar de Elsa pela primeira vez. O desejo do garoto confrontava a cultura supostamente masculina em que o pai havia sido criado. Mas bastou o menino colocar o vestido da princesa da Disney para que sua imensa alegria contagiasse toda a família.

O paizão conta que Colin também gosta de personagens dos quadrinhos, como o Batman, e explica que o filho não precisa escolher entre os super-heróis e as princesas: ele pode ser fã dos dois universos. O rapaz ainda se fantasia de Elsa para brincar com o pequeno, demonstrando, na prática, que o garoto deve aceitar a si mesmo exatamente como é! De quebra, Scott coloca a mão na massa para costurar o vestido rasgado do filho.

Scott fez questão de acompanhar o garoto no cinema para assistirem a Frozen 2, ambos devidamente caracterizados como a Rainha de Arendelle. E se Colin quer brincar de fazer maquiagem ou pintar as unhas do pai, não é um problema. Segundo Scott, a identidade e a felicidade do filho são mais importantes do que a opinião das outras pessoas.

A admirável relação de pai e filho entre Scott e Colin virou uma febre no TikTok, rede social onde o designer compartilha com os seguidores o dia a dia de novas descobertas ao lado do garoto. E o livro criado por Scott está prestes a virar filme. Ele contou com o apoio dos internautas, em uma arrecadação on-line, para conseguir financiar a produção de um curta-metragem animado baseado em My Shadow Is Pink. Nós estamos ansiosos para conferir o resultado. Parabéns, Scott!

O que você achou dessa história linda e inspiradora? Conhece outros casos de pais e mães que encorajam seus filhos a serem quem são? Compartilhe com a gente nos comentários. Nós vamos adorar!