Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Jovens propõem um desafio para combater a poluição por bitucas de cigarros e a iniciativa viraliza

6--5
410

A poluição ambiental é um dos grandes problemas que o Planeta enfrenta. Todos os dias surgem notícias e dados que mostram que o ser humano não está fazendo as coisas corretamente. Incêndios florestais, proliferação de resíduos tóxicos que danificam a natureza, espécies da flora e da fauna que se extinguem devido ao desmatamento ilegal ...só que nem tudo está perdido. Os jovens parecem ter aprendido a lição e têm ideias que nos enchem de esperança.

Incrível.club compartilha a iniciativa de um grupo de garotos e garotas franceses que, preocupado com a poluição ambiental produzida pelas pontas de cigarro, decidiu agir. Seu projeto, simples e eficiente, viralizou nas redes sociais.

O início

Em 31 de julho deste ano, Jason Prince, um jovem que vive na França, decidiu recolher as bitucas de cigarro (também conhecidas como guimbas) que encontrava em estradas públicas e colocá-las em uma garrafa PET de 1 litro. Foram necessários apenas 20 minutos e alguns metros para encher o recipiente. Ele ficou tão surpreso que tirou uma foto do resultado e a postou na sua conta no Twitter.

Imediatamente, uma amiga, Amel Talha, compartilhou sua postagem adicionando a hashtag #FillTheBottle (em inglês, “encha a garrafa”). Ela o fez como uma maneira de apoiar Jason e desafiar outros amigos a fazerem o mesmo, mas o resultado foi inesperado. O que começou como um simples ato de um jovem em solidariedade ao Meio Ambiente acabou se tornando um gesto imenso e belo.

As repercussões

O desafio foi aceito por milhares de jovens que saíram para recolher pontas de cigarro e depois publicaram as fotos dos recipientes cheios em suas contas pessoais no Instagram, Twitter e Facebook. E, claro, o resultado foram ruas e praças mais limpos e sem as nojentas bitucas. E, como o desafio permanece no ar, mais e mais participantes estão dispostos a dedicar sua energia para o benefício do Meio Ambiente.

Várias instituições aderiram à iniciativa. Nimali Samarasinha, do Conselho Europeu de Informação Alimentar, publicou em sua conta o resultado de suas coletas. E muitos jovens saíram em grupo, formando uma espécie de patrulha antibituca.

O problema das bitucas

Estima-se que mais de 4,5 trilhões de pontas de cigarro sejam descartadas anualmente. Elas podem levar até 25 anos para se decompor, o que representa um grande problema de poluição ambiental. As bitucas emporcalham ruas, parques e praias, causando problemas como entupimentos. Elas também são encontradas em rios e lagos e, além de contaminar a água, levam muitos peixes a confundi-las com alimentos e comê-las, com as consequências letais que isso implica.

As bitucas estão em toda parte e continuarão por muito tempo se não houver consciência. Esperamos que surjam muitas outras iniciativas como essa. Porém, o mais importante é que se entenda que o descarte de pontas de cigarro em lugares públicos afeta outras pessoas, por isso é essencial que os fumantes aprendam com esses jovens a pensar nos outros.

Algumas postagens

Você conhece outras iniciativas semelhantes? No lugar onde mora, as bitucas invadem as ruas? Por favor, conte para a gente nos comentários. E que tal se tornar um caçador de pontas de cigarro e ajudar o Meio Ambiente? Encha a garrafa!

6--5
410