Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Internautas revelam o que gostariam que mudasse na língua portuguesa

Se você tivesse o poder de fazer alterações nas regras gramaticais do português brasileiro, quais seriam? Diminuiria a quantidade de formas de escrever os “porquês”, tiraria a crase ou acrescentaria novos pronomes?

Usuários da rede social Reddit fizeram essa brincadeira e revelaram o que mudariam na língua portuguesa, caso tivessem esse poder.

Nós, do Incrível.club achamos que as respostas foram divertidas, inusitadas e controversas. Por isso, decidimos trazer as melhores delas aqui para você. No final queremos saber se você concorda com todas as mudanças sugeridas pelos internautas.

Fui a LA farmácia

Para acabar de vez com as dúvidas em relação ao uso da crase, o usuário Motolancia deu uma boa sugestão: usar os pronomes “le” e “la”, mais ou menos como ocorre no espanhol e no francês.

  • Fui à farmácia viraria “fui a la farmácia”
  • Fui ao restaurante viraria “fui a le restaurante”

E a palavra farmácia deveria voltar a ser escrita com “ph”

Embora a pronúncia fosse a mesma de hoje em dia, antigamente, palavras como farmácia e telefone eram escritas com “ph” no lugar da letra “f”. O internauta triunfence acredita que a escrita antiga era mais elegante. E você? O que acha?

Declinações

O usuário do Reddit Just_a_dude92 acrescentaria declinações à língua portuguesa. E aqui vão alguns exemplos de como essa mudança funcionaria:

  • A expressão “para casa” viraria casaVA
  • A expressão “de casa” viraria casaJA
  • A expressão “em casa” viraria casaNA

Só deveria existir um porquê

No português brasileiro, há quatro formas de empregar os porquês: porque, por que, porquêpor quê — há algumas diferenças no português de Portugal. Para acabar logo com possíveis confusões, o usuário do Reddit sereios prefere simplificar: “só deveria existir um porquê e pronto”. Você concorda?

Todas as palavras que têm som de “Z” seriam escritas com “Z”

Já pensou se todas as palavras que têm som de “Z” fossem escritas com “Z”? Caso as nossas regras ortográficas seguissem a sugestão do usuário oppadoesntlikeyou, as palavras casa, asa e vaso seriam escritas assim: caza, aza e vazo.

E todas com som de J, seriam escritas com J

Neste caso, a escrita correta passaria a ser: viaJem (também para o substantivo), vaJem, Jelatina... consegue pensar em outros exemplos que se encaixariam nesse caso?

Acabar com a concordância de número

A proposta de acabar com a concordância de número, sugerida pelo internauta paodealho, é polêmica. Para ele, é “desnecessário” usar o plural duas vezes. Nesse caso, a frase “muitas pessoas” viraria “muitas pessoa”, “as meninas” viraria “as menina”. O que você acha dessa mudança?

Queijo? Não, não... “qeijo”

O usuário renaum gostaria de eliminar a letra “u” seguida de “q”. Queijo viraria “qeijo”; querer viraria “qerer” e quando viraria “qando”. A gente até achou essa sugestão interessante, mas, na hora de escrever, parece “qe” falta alguma coisa, não?

Um ponto de interrogação inicial. ¿Por que não?

O ponto de interrogação invertido (como este: ¿) é usado no espanhol no início das frases, para informar logo ao leitor que se trata de uma pergunta. Para o usuário do Reddit DeepNavyBlue o sinal poderia muito bem ser usado no português. Assim, seria mais fácil dar a entonação correta de frases interrogativas na hora de ler um texto na nossa língua.

A volta do trema

O trema faz falta na sua vida? Se sim, então você concorda 100% com o internauta gunsnatch. Ele sente falta dos dois pontinhos em cima da letra U em palavras como freqüência, lingüiça e pingüim.

Agora, o Incrível.club quer muito saber qual mudança você faria na escrita da língua portuguesa. E qual das sugestões acima é a sua favorita. Deixe sua opinião nos comentários.