Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Após o diagnóstico de depressão, ex-vigilante encontra na arte da manicure motivos para sorrir

Quem nunca se perdeu ou demorou para se entregar à uma experiência por ter algum preconceito? Nem sempre é de propósito, pois vivemos condicionados a negar tudo que é incomum ou novo. Mas ao nos abrirmos a novas experiências e, finalmente, ao decidirmos dar um voto de confiança, tudo pode se tornar recompensador.

O Incrível.club encontrou o Robson Barbosa, um ex-vigilante que decidiu romper barreiras e dar uma chance a arte da manicure, e encontrou nela uma forma de lidar com a depressão. Acompanhe!

Como tudo começou

Robson passou 8 anos na área da segurança como vigilante. Sua antiga profissão, alinhada a outros fatores, desencadeou a depressão e logo ele foi diagnosticado. Infelizmente, após uma tentativa de suicídio, sua psicóloga recomendou que ele fizesse atividades manuais para que mantivesse sua mente ocupada.

“Eu tinha um preconceitozinho em dizer que fazia unha, pensava que esse trabalho não era para homem”.
Robson
Cortesia de Robson para o Incrível.club

Para que ele não ficasse em casa, começou a ajudar sua esposa Vanessa — dona de um pequeno salão de beleza especializado em unhas. No salão, que é na garagem do casal, Robson começou a lixar unhas, tirar esmalte e pouco a pouco aprendeu a função.

Sua dedicação fez que ele se tornasse referência em Boqueirão — Curitiba; algumas clientes atravessavam a cidade apenas para fazer as unhas com ele. E há aquelas que não fazem a manutenção com outro profissional que não seja ele.

Quando era vigilante ele não conversava, apenas em raros momentos com seu supervisor. Trabalhava pela noite e precisava sempre estar sério. No dia a dia, ele tem aprendido que existem empregos que geram sorrisos e isso o tem ajudado a vencer a depressão — que ainda está em processo de tratamento.

Como em todo salão de beleza, muitas mulheres utilizam aquele espaço para se abrir e conversar sobre seus problemas. Para ele essas conversas têm servido como uma verdadeira terapia. E mesmo que tente fazer uma cara séria, suas clientes não deixam.

Robson e Vanessa têm tido seu trabalho e esforço reconhecidos, e eles até já visitaram o programa da Fátima Bernardes, na Rede Globo. Se você quiser agendar um horário com o casal, pode entrar em contato através do perfil do Instagram.

O que achou do projeto desse casal?

Acredita que os homens também podem estar em profissões que antes eram consideradas apenas femininas? Compartilhe sua opinião conosco nos comentários. 😉