Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

25+ Provas de que o mundo é sustentado por pessoas de bom coração

Quando vemos alguém alimentando um animalzinho sem teto, oferecendo seu lugar no transporte público, ajudando alguém caído a se levantar ou devolvendo coisas achadas, nossos corações são inundados de afeto. São as pequenas e grandes atitudes que tornam o mundo um pouco melhor.

Nós, do Incrível.club, mostramos, por meio das fotos a seguir, que ainda existem pessoas boas no mundo. No final do post, você encontrará um bônus recheado de histórias cujos protagonistas conquistaram os internautas com sua gentileza.

“Minha avó tricotou um cobertor para um pequeno bebê elefante chamado Khanyisa na África do Sul. O cobertor chegou ontem do Reino Unido e ela está muito feliz!”

“Um pequeno passo em direção ao meu objetivo de ter minha própria banca na beira da estrada para oferecer flores e produtos de graça! Tudo foi doado em apenas seis horas”

“Dei água para um esquilo com sede”

“Pessoas solidárias a resgataram ontem na rua, mas ela é uma pequena heroína e espero que consiga sair dessa”

“Hoje, eu e meu pai abrimos uma biblioteca comunitária”

“Este jovem estava indo para uma entrevista de emprego e precisava de ajuda para amarrar a gravata”

“Dei à abelha um pouco de água com açúcar, para que ela ficasse boa e pudesse voar novamente”

Um policial dando o melhor de si para manter a mamãe pata e seus filhotes a salvo

“Uma vizinha, de 10 anos de idade, deixou isto na nossa porta. Depois, descobrimos com a mãe dela, que a garotinha havia plantando sementes e resolveu compartilhar as plantinhas”

Pequenos atos de bondade

“Para o estranho que pagou pelo meu sanduíche hoje: foram dias difíceis. Seu gesto gentil e o sanduíche me deram forças. Obrigado, vou passar o gesto adiante”

Policial ajudando um senhor a atravessar a rua

“A irmã de um amigo perdeu a chave do carro enquanto corria. Alguém garantiu que ela a encontrasse”

Uma equipe de resgate ajudando patinhos que não conseguiam sair de um reservatório de água

Sempre tente ajudar os necessitados

“Resgatando o gatinho da água”

“Este taxista oferece do bom e do melhor para seus passageiros”

“Carregadores de celular, balas, chicletes, garrafas de água, lenços umedecidos, escova para sapatos e fones de ouvido Bluetooth. O carro tem Wi-Fi grátis e a música é tocada junto com o clipe no celular do motorista”

“Adoro ver atos aleatórios de bondade em minha comunidade”

Bolas de basquete grátis

“O piloto desenhou uma carinha feliz no céu logo acima de nossa casa”

Atos de caridade

“Quem não puder comprar, pegue gratuitamente. Desejo muita saúde a você. Cuide-se!”

“Pense globalmente, aja localmente”

“Esqueci meu console de videogame Nintendo em um quarto de hotel enquanto viajava. Felizmente, os funcionários o encontraram e enviaram para mim no Canadá, junto com este bilhete”

“Olá. Percebemos que o seu console ainda estava funcionando, então decidimos guardá-lo para você. Assim você não perderá seu progresso no jogo e até baixamos a última atualização. Desejamos a você um ótimo verão!”

Outro gesto aleatório de bondade

“Alguém deixou estas duas cestas de doces de Páscoa na nossa porta”

“Fizemos um cantinho de livros interessantes para que os pacientes pudessem ler durante as longas consultas”

“Deixaram este lindo presente na minha cesta de bicicleta. É uma garrafa térmica de água”

“Ato aleatório de gentileza. Este é o jeitinho canadense”

Bônus

  • Meu avô é deficiente visual e muito trabalhador. Apesar de cansado, ele havia decidido trabalhar mais cinco meses para completar os 50 anos de serviço em uma fábrica de lâmpadas. Pouco depois disso, soube que demitiriam uma mãe que cria os filhos sozinha e que é deficiente visual, que também trabalhava na fábrica, porque a demanda havia caído e já não era mais rentável mantê-la no serviço. Foi então que meu avô, negociando com os empregadores, decidiu se aposentar antecipadamente para garantir que ela não perdesse o serviço. Ele disse: “Minha consciência não teria paz se eu permitisse isso. De qualquer forma, eu trabalharia no máximo mais seis meses antes de me aposentar. Ela precisava do trabalho.” Eu só queria compartilhar o orgulho imenso que sinto do meu avô. © SavkinDi / Pikabu

  • Em tempos difíceis, na década de 1990, eu estava sozinha com três filhos e sem ajuda nenhuma. O salário sempre atrasava e as crianças praticamente não tinham o que comer em casa. Uma vez, vi na feira uma variedade de bolachas. Apesar do dinheiro escasso para comprar guloseimas para as crianças, pedi 300 gramas para que cada uma ganhasse duas bolachas. A vendedora então disse: “E que tal meio quilo?” Eu prontamente respondi que não poderia pagar, mas a mulher puxou debaixo do balcão um pacote inteiro com migalhas de bolachas e me deu, enquanto me ensinava uma receita deliciosa com as sobras. Com o que me foi dado, fiz três receitas inteiras e as crianças amaram. Aqui estou eu agora, escrevendo em lágrimas o que aconteceu comigo anos atrás. Ainda me lembro daquela mulher generosa, e espero que algum dia ela leia o meu relato. © zhenimama2 / Pikabu

  • Os últimos tempos foram muito difíceis para mim. Teve um dia em que me sentei no vagão do metrô e comecei a chorar muito. Foi então que um cara muito bem vestido, me vendo em lágrimas, estendeu-me um pacote de lencinhos e disse: “Tudo ficará bem”. Depois disso, me senti instantaneamente aliviada. Uau, existem pessoas gentis e simpáticas por aí. É uma pena que eu nem sequer tenha olhado para ele. Às vezes me lembro desse ocorrido com um sorriso no rosto. © Палата 6 / VK

Alguém já foi assim tão gentil com você? Deixe sua história nos comentários. Vamos espalhar a bondade.

Imagem de capa zhenimama2 / Pikabu
Compartilhar este artigo