Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

18 Usuários que receberam uma lição bastante atípica dos pais

Talvez você já tenha escutado a frase “Ninguém está preparado para ser pai”. Embora existam muitos livros e muita informação sobre o crescimento, a educação e a infância de uma criança, cada família vive em um contexto diferente e dentro de cada um desses contextos cada um avalia o que pode e o que não pode fazer. Quando somos crianças, nem sempre valorizamos o esforço dos nossos pais e não paramos para pensar em tudo que eles nos dizem. À medida que os anos vão passando, começamos a entender tudo que eles fizeram por nós e tudo que eles quiseram nos ensinar.

Em resposta à pergunta: “Qual foi a forma menos convencional que seus pais usaram para ensinar uma lição de vida quando você era criança?”, alguns usuários lembraram momentos de infância e o Incrível.club separou os melhores relatos para você.

  • Meus pais nunca tiveram grandes expectativas em relação às notas que eu e meus irmãos tirávamos na escola. Eles diziam: “A única coisa que importa é que seu trabalho seja autêntico e que você se esforce”. Eles nunca brigavam conosco quando tirávamos notas ruins e nunca mostraram nenhuma expectativa em relação a nossos estudos superiores. Os elogios eram os mesmos quando tirávamos 5 ou quando tirávamos 10. Agora, meus pais têm quatro filhos brilhantes, estudando em universidades de prestígio e com atitudes muito saudáveis em relação à educação. É mais provável que um filho valorize o aprendizado e se destaque (sobretudo graças à curiosidade) se ele não for pressionado o tempo todo para ser perfeito. © maggieeeeeeee / Reddit

  • Um dia, passeando com a minha mãe, pensei que tinha perdido meu Game Boy. Na verdade, eu tinha deixado ele dentro de casa. Meu pai encontrou e escondeu. Peguei a lista telefônica e comecei a ligar para todos os lugares por onde tinha passado para ver se alguém tinha encontrado. Foi uma tentativa do meu pai de desenvolver minhas habilidades para resolver problemas. © befuchs / Reddit

  • Aprendi que qualquer exercício pode ser prazeroso se você encontra uma forma divertida de realizá-lo. Por exemplo, quando era pequeno, sempre andava de bicicleta com meu pai para conhecer lugares novos e comer coisas novas. Hoje sou adulto e sei esquiar, andar de bicicleta, caminhar, andar de caiaque, montar a cavalo, correr (sprint e longa distância), jogar futebol, futebol americano, beisebol, tênis, golfe, patinação no gelo, outros esportes e muitos tipos de dança. Essa é a parte boa de misturar uma curiosa mente infantil com atividade física. © SilentStrategist / Reddit

  • Minha mãe SEMPRE disse que eu deveria saber me localizar. Quando estávamos no carro, ela mostrava placas de rua e pontos de referência e dizia “Você sempre deve saber onde está”. Embora isso me incomodasse muito na infância, hoje tenho um ótimo senso de direção. Mesmo quando vou a novos lugares sempre sei voltar para casa sem GPS. © cxssxxndrx / Reddit

  • No fim do ano escolar, sempre ganhávamos um presente quando recebíamos o boletim, independentemente do resultado. Minha mãe sempre dizia: quando terminar o ano escolar, você será recompensado. Portanto, nunca me senti pressionado para tirar boas notas, apenas sabia que deveria continuar estudando, mesmo que o resultado não fosse perfeito. Hoje, tanto minha irmã quanto eu somos formados e estamos fazendo doutorado. © fu*****dontmatter / Reddit

  • Um dia, quando ainda era criança, estava brincando com meu ioiô e ele enrolou todo. Sentei na escada, frustrada, e tentei desfazer os nós por um tempão, até que desisti e pedi ajuda para o meu pai. Ele me deixou tentar resolver o problema por mais alguns minutos. Depois, se sentou na escada comigo e, com paciência e explicando passo a passo, tirou todos os nós. Hoje, já adulta, sempre que me sinto frustrada (sobretudo quando o fone de ouvido fica cheio de nós), penso nesse dia em que fiquei na escada com meu pai, e sorrio enquanto desfaço todos os nós da minha vida. © Irisproperty / Reddit

  • Quando fazia uma pergunta (principalmente uma pergunta que nem minha mãe nem meu pai sabiam responder), todos me diziam: “Aqui estão as enciclopédias. Procure e nos explique”, ou algo assim. Me ensinaram a sempre encontrar as minhas próprias respostas e a nunca somente aceitar o que os outros me diziam. © Filligrees_daddy / Reddit

  • Meu avô me deixou beber creme de leite quando tinha 5 anos. Pelo nome, eu achava que era gostoso, mas é muito gorduroso para a maioria das crianças. © jyost17 / Reddit

  • Desde a adolescência meu pai me disse que, independentemente da situação, se alguma vez eu me metesse em problemas, podia chamá-lo e ele viria me buscar, sem fazer perguntas. Era algo pouco convencional comparado com os meus amigos que tinham pais rígidos e que ficavam loucos quando os filhos não estavam sob a supervisão deles, mas isso me ensinou a agir sempre com inteligência e segurança. No final, eu era um bom filho e sabia que podia contar com meus pais se precisasse. © thewrongrecroom / Reddit

  • Quando tinha 3 anos, sempre tirava os sapatos dentro do carro e minha mãe sempre tinha de colocá-los de volta quando chegávamos a algum lugar. Uma vez, chegamos em casa e havia nevado. Eu tinha tirado os sapatos, e quando minha mãe estava prestes a colocá-los de volta, meu pai disse: “Muito bem, desça e entre em casa”. “Mas pai, tá muito frio...” Nunca mais tirei os sapatos no carro. © theoptionexplicit / Reddit

  • Quando era muito pequeno (6 ou 7 anos), meu pai me deu 5 dólares (estávamos no parque Seaworld). Eu queria ganhar um enorme bicho de pelúcia, então fui gastar meu dinheiro em uma daquelas máquinas de garra. Claro que não ganhei e fiquei sem dinheiro. Meu pai me disse: “Filho, por isso você não arriscar seu dinheiro em jogos”. Em seguida, me levou até uma loja para ver o que havia para comprar. Tinha um bicho de pelúcia menor por 5 dólares. Então, ele disse: “Veja o que você poderia ter conseguido”. Nunca fui de apostar e nunca serei. © Head***Mc*****sss / Reddit

  • Meu marido deu um escândalo quando era pequeno porque sua mãe não quis comprar algo que ele queria muito. A mãe se aproximou dele e disse: “Nunca vou comprar isso pelo resto da sua vida”. Ele nunca mais fez uma birra como aquela. Sempre que penso nessa história, começo a rir. Foi duro, mas funcionou! © natsugrayerza / Reddit

  • Minha opinião sempre foi respeitada, desde pequeno. Um bom exemplo aconteceu quando tinha 4 ou 5 anos e precisávamos de um forno micro-ondas. Quando estávamos na loja, me perguntaram o que gostava e o que não gostava nos modelos, e a minha opinião foi considerada na compra final. Isso me ensinou a olhar para as coisas de perto na hora de dar uma opinião objetiva, e não opinar apenas com base em sentimentos subjetivos. © ARB00 / Reddit

Existe alguma coisa que você aprendeu quando era adulto e que adoraria ter aprendido antes? E o que acha que toda criança deveria aprender?

Compartilhar este artigo