Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

15+ Seguidores contaram o que compraram com o seu primeiro salário (spoiler: nunca devemos esquecer de honrar nossos pais)

Liberdade financeira pode te levar a lugares que você nunca imaginou. Na medida certa, é capaz de proporcionar muitas alegrias, estimular demonstrações de amor e carinho, além da possibilidade de retribuir a quem sempre te ajudou.

Curioso, o Incrível.club perguntou aos seus seguidores o que compraram com seus primeiros salários. Ficamos encantados com as respostas e reunimos algumas para você. Confira só!

  • Pode parecer brincadeira, mas eu gastei tudo em comida! Abri uma “ficha” na padaria e todo dia marcava o valor do doce ou do salgado que comprava. Quando recebi o primeiro salário, não deu nem pra pagar a conta toda da padaria. A minha mãe precisou completar o valor. 🙈🙈🙈 ©Shaiani Aragão Valle/ Facebook
  • Me lembro como se fosse hoje: dava todo o dinheiro na mão da minha mãe porque ela pagava conta de luz, água, aluguel, gás, compras de mercado, minhas roupas e meus calçados. Ela sempre fez tudo por mim e pelas minhas irmãs. Quando eu não trabalhava, era ela quem me sustentava.
    Depois de um tempo, ela mesma começou a falar:
    — Tira um pouquinho para você comprar suas coisinhas, minha filha.
    Via a felicidade no olhar dela por saber que eu estava trabalhando, me esforçando para ajudar e que eu reconhecia todo o esforço feito. Faria tudo de novo porque minha “véia” merece.

    ©Nina Silva/ Facebook

  • Do meu primeiro emprego informal, comprei um monte de guloseimas, pois era difícil de ter no dia a dia. Agora, do primeiro formal, ajudei em casa e o que sobrou comprei uma mochila que sempre quis ter. Valeu muito a pena, porque depois de 14 anos eu ainda a tenho.
    ©Leticia Gomes/ Facebook
  • Eu tinha 12 anos, e trabalhava para a minha tia. Comprei uma cesta básica para a minha mãe, porque não tínhamos nada na despensa. Para mim, comprei uma bolacha recheada e guardei. Quando fui comer, minha irmã já tinha comido! Chorei muito no dia. 😂 ©Daisy de Oliveira/ Facebook
  • Nada. 🤦‍♀️

    Recebi meu primeiro salário e no mesmo dia fui assaltada! Fiz um tour por SP com os bandidos. Eles levaram tudo: relógio, joias e... meu primeiro salário.
    ©Valéria Vezzoni Correa Leandro/ Facebook

  • Um videocassete para o meu quarto e, com o que sobrou, comprei um pastel. Na época, o salário era 136 reais. KKKKKK ©Uiara Cunha/ Facebook
  • Caramba, isto aconteceu em 2009: guardei dois meses do meu salário e comprei uma máquina de costura para a minha mãe — detalhe: ela tem essa máquina até hoje. Depois disso, me “acabei” no chocolate; sempre comprava. ©Ronaldo Barbosa Barbosa/ Facebook

  • Meu primeiro salário foi de 100 reais e eu trabalhava para o meu pai. Quando recebi, comprei um buquê de rosas colombianas para a minha namorada, que hoje é minha esposa e mãe dos meus filhos. ©Alessandro Silva/ Facebook
  • Fiz um voto de que se eu conseguisse um emprego, meu primeiro salário seria para ajudar uma pessoa. Então, comprei um berço e um colchão para uma vizinha. No mesmo mês em que cumpri minha palavra, ganhei uma TV de 32 polegadas na festa de Natal da empresa, com apenas um mês de carteira assinada. ©Carmen Guimarães/ Facebook
  • Tinha 12 anos, trabalhava cuidando de uma criança cadeirante. Quando recebi meu salário, que não era muito, comprei algumas besteirinhas de comer porque tinha muita vontade. Meus pais nunca compravam porque diziam que era luxo — coisas do tipo leite condensado, pipoca, etc. kkkk ©Rosy Luz/ Facebook
  • Eu comprei um monte de iogurtes para poder deixar na geladeira para todos comerem à vontade, sem ter de dividir. Éramos três irmãos e quatro primos, e minha mãe sempre teve de trabalhar muito. Parece algo pequeno, mas que me fez muito feliz: poder ver meus irmãos e primos comendo o que queriam e o quanto queriam. ©Juliana Moura/ Facebook
  • A minha primeira compra foi absorvente, até então eu usava paninhos que minha mãe fazia. Fiquei tão feliz. 🥰 © Sandra Marton/ Facebook
  • Estava com 18 anos e trabalhei na época de Natal. Assim que recebi, comprei um fogão para a minha mãe porque o que usávamos não era nosso. É a melhor sensação do mundo, poder presentear a quem amamos. ©Gabriela de Souza/ Facebook
  • Tinha 10 anos, morava no sítio, e trabalhava na roça colhendo algodão. Comprei uma sandália e uma sombrinha — era o meu sonho de consumo. 😂😂😂 ©Neide Fidelis/ Facebook
  • Há 40 anos: comprei uma TV porque a gente tinha de ir na vizinha para assistir novela e Jornal Nacional. Ficava a cerca de cinco quarteirões da nossa casa, e quando chovia não dava para ir por causa da lama. Nossa... quando a loja entregou a TV eu até chorei de emoção. ©Soraya Moura/ Facebook
  • Era Natal e comprei pequenas lembranças para cada pessoa da minha família, para que soubessem o quanto os amava. Eu sempre recebia presentes, mas nunca tinha conseguido retribuir. A sensação foi incrível! Eu tinha 16 anos. ©Jacqueline Cabral/ Facebook
  • Eu não lembro o que eu comprei com o meu primeiro salário, mas lembro o que meu irmão mais velho fez com o dele. Nosso pai havia falecido no ano anterior; ele estava com 14 anos e fazia tudo que podia pela família. Comprou um tênis para as três irmãs mais novas e nos levou para comer no McDonald’s pela primeira vez. Pode passar mil anos, mas jamais esquecerei isso.
    ©Susana C. Amorim Cavalheiro/ Facebook
  • Não sei se foi exatamente a primeira coisa, mas uma das primeiras foi um xampu e um condicionador que custaram mais de 100 reais. Quase não fez diferença no meu cabelo, porque ele é humilde e se contenta com produto barato. 😂 Ah, e acabaram muito rápido também; não renderam nada! 🤦‍♀️ ©Helena Reis/ Facebook

Agora temos uma pergunta diferente para te fazer: se você ganhasse na loteria, quais seriam suas principais ações? Compartilhe suas ideias conosco nos comentários. 😉

Compartilhar este artigo