Incrível
Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
Incrível

Garota deseja um feliz aniversário para o pai com Síndrome de Down e faz com que todos admirem esse forte homem

Não é segredo para ninguém que as garotas mantêm um relacionamento especial com seus pais. Eles as protegem, apoiam, ou simplesmente são os melhores homens do mundo. É exatamente assim que Richie Anne Castillo se sente em relação ao pai. Apesar da sua condição, ele se tornou um exemplo de força e coragem e se mostra um ser humano maravilhoso. Ela enfrentou muitos agressores, mas nunca deixou de admirar e amar o pai. E no aniversário dele, Richie Anne falou honestamente sobre seu pai em um post muito emocionante.

Nós, do Incrível.club, vamos compartilhar a carta de Richie Anne com a permissão dela. E não existem palavras suficientes para descrever os nossos sentimentos.

"Querido papai,

Hoje é um marco de um momento muito especial e muito milagroso da sua vida. Você faz 50 anos hoje e sou muito abençoada por você continuar levando uma vida tão longa e bonita. Os médicos ainda estão impressionados com isso! Sei que você não será capaz de ler isto, porque não sei se você tem Facebook, mas quero que o mundo inteiro saiba o quanto sou orgulhosa por você ser o meu pai. Quero que o mundo inteiro saiba como você é lindo por dentro e por fora.

Pai, levei muitos anos para reunir coragem suficiente para enfrentar todos, porque nem todos podem conhecer toda a verdade, porque é bastante confusa. De volta à escola, eu seria agredida e intimidada, porque diziam que você era diferente. Quando criança, eu não o via tão diferente, eu o enxergava como o meu pai. Não entendia por que ficavam zombando de mim e me chamando de anormal. Eu entendi isso mais tarde e isso me fez uma covarde. Mas você merece mais do que a filha covarde que sou. Você merece amor, compreensão, paciência e aceitação, assim como qualquer indivíduo com síndrome de Down. Aqui estou, compondo uma saudação de aniversário para você, porque nunca fiz isso. E você merece muito mais.

Pai, você é o ser humano mais forte e corajoso que eu conheço. Durante quase toda a sua vida, você permitiu que os médicos inserissem agulhas em você e passou por cirurgias aqui e ali, uma vida de diálise e uma longa lista de limitações. Mas você raramente reclama.

Você é o mais forte porque, depois de todas essas cirurgias, desses procedimentos e de noites no hospital, você consegue dizer: ’Wa ko mahadlok mamatay kay ni salig ko no Ginoo’, que significa ’não tenho medo, porque confio no Senhor.’ Você sempre coloca um sorriso no rosto, após um longo dia no centro de diálise ou após um episódio hipoglicêmico. Você é o mais corajoso porque passou por tantas coisas e nunca, nem uma vez sequer, teve medo. Não consigo me imaginar me colocando no seu lugar.

Eu já vi você no seu pior momento, quando desmoronava e dizia que estava cansado. Ouvir ’Kapoy na’ (estou cansado) ou ’Sakit kaayo’ (realmente dói) me fez chorar por dias e eu não aguentava mais voltar ao hospital. Eu vi você chorar, porque seu joelho doía por causa do líquido. Não sinto sua dor, mas como gostaria de poder tomar seu lugar para que você não precisasse mais sentir dor. Você perdeu os dentes, mas isso nunca o incomodou ou impediu de comer a comida que você ama. Você sempre perde sua dentadura, HAHA! E eu sei que você faz isso de propósito! Eu tinha me esquecido de como era sua aparência com dentes ou com cabelos.

Pai, nenhuma quantidade de palavras é capaz de resumir o quanto sinto muito por ser uma filha ausente. Sinto muito por não ter levado você para a praia com maior frequência, por não trazer sua comida dim sum favorita ou por não visitá-lo tanto quanto eu deveria. Se há uma coisa de que me arrependo foi esconder você da minha vida, porque ainda sou a mesma criança que tinha medo de sofrer bullying. Mas eu amo você mais do que você jamais poderia saber, pai, e eu sempre me inspiro em você. Eu me inspiro pelo quanto você ama o Senhor e eu vim para amar o Senhor, e é surpreendente como você é incrivelmente inteligente.

Todo mundo adora você e você sabe disso. Você sempre consegue colocar um sorriso no rosto de todos. Você também incomoda muito as pessoas, mas nós o amamos de qualquer maneira. Eu entendo que você tem dias bons e dias ruins (seus dias ruins também são nossos dias ruins, haha). Você pode ser mau às vezes e afastar todo mundo, inclusive eu. Mas é apenas você sendo você mesmo e está tudo bem. Não há problema em ser diferente.

Eu poderia continuar falando sobre você, mas isto ficaria muito longo. Feliz aniversário de 50 anos, papai! Obrigada por sempre me chamar de sua primeira e única garotinha, porque eu sempre serei. Sou forte e corajosa por sua causa e amo muito você, pai. Eu acho que sou grande o suficiente agora para me defender dos agressores. Muito amor, sua filha."

Como você se sentiu em relação à carta? Que tipo de relacionamento tem com seu pai? Deixe sua opinião nos comentários!

Compartilhar este artigo